Frases sobre vingança

Uma coleção de frases e citações sobre o tema da vingança, homem, ser, homens.

Melhores frases sobre vingança

Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
George Orwell photo

„Nos encontraremos no lugar onde não há escuridão.“

—  George Orwell escritor e jornalista britânico 1903 - 1950

Baltasar Gracián photo
Friedrich Nietzsche photo
Confucio photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Mark Twain photo

„Rugas deveriam apenas indicar onde os sorrisos estiveram.“

—  Mark Twain escritor, humorista e inventor norte-americano 1835 - 1910

Juvenal photo
Baltasar Gracián photo

„O desprezo é a forma mais subtil de vingança.“

—  Baltasar Gracián 1601 - 1658

Variante: O desprezo é a forma mais sutil de vingança.

Confucio photo

„Antes de sair em busca de vingança, cave duas covas.“

—  Confucio Filósofo chinês -551 - -479 a.C.

Variante: Antes de embarcar em uma vingança, cave duas covas.

Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Ernest Hemingway photo

Todas frases sobre vingança

Total 128 citações vingança, filtro:

Fabrício Carpinejar photo
Confucio photo
James Bond photo

„Não é difícil entender a vingança para um homem que não acredita em nada.“

—  James Bond série de obras de ficção sobre espião britânico

007 - O Mundo Não É O Bastante

Confucio photo
Jean Baudrillard photo

„O único referente que ainda funciona é o da maioria silenciosa. Todos os sistemas atuais funcionam sobre essa entidade nebulosa, sobre essa substância flutuante cuja existência não é mais social mas estatística, e cujo único modo de aparição é o da sondagem. Simulação no horizonte do social, ou melhor, no horizonte em que o social já desapareceu.

O fato de a maioria silenciosa (ou as massas) ser um referente imaginário não quer dizer que ela não existe. Isso quer dizer que não há mais representação possível. As massas não são mais um referente porque não têm mais natureza representativa. Elas não se expressam, são sondadas. Elas não se refletem, são testadas.
(…)Bombardeadas de estímulos, de mensagens e de testes, as massas não são mais do que um jazigo opaco, cego, como os amontoados de gases estelares que só são conhecidos através da análise do seu espectro luminoso - espectro de radiações equivalente às estatísticas e às sondagens. Mais exatamente: não é mais possível se tratar de expressão ou de representação, mas somente de simulação de um social para sempre inexprimível e inexprimido. Esse é o sentido do seu silêncio. Mas esse silêncio é paradoxal - não é um silêncio que fala, é um silêncio que proíbe que se fale em seu nome. E, nesse sentido, longe de ser uma forma de alienação, é uma arma absoluta.

Ninguém pode dizer que representa a maioria silenciosa, e esta é sua vingança. As massas não são mais uma instância à qual se possa referir como outrora se referia à classe ou ao povo. Isoladas em seu silêncio, não são mais sujeito (sobretudo, não da história), elas não podem, portanto, ser faladas, articuladas, representadas, nem passar pelo “estágio do espelho” político e pelo ciclo das identificações imaginárias. Percebe-se que poder resulta disso: não sendo sujeito, elas não podem ser alienadas - nem em sua própria linguagem (elas não têm uma), nem em alguma outra que pretendesse falar por elas. Fim das esperanças revolucionárias. Porque estas sempre especularam sobre a possibilidade de as massas, como da classe proletária, se negarem enquanto tais. Mas a massa não é um lugar de negatividade nem de explosão, é um lugar de absorção e de implosão.“

—  Jean Baudrillard, livro In the Shadow of the Silent Majorities

In the Shadow of the Silent Majorities

Mia Couto photo

„Confirmando o ditado: a vingança não se serve. apenas serve.“

—  Mia Couto 1955

Na Berma de Nenhuma Estrada e Outros Contos

Lucio Anneo Seneca photo
Eleanor Roosevelt photo
Paolo Mantegazza photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Johann Friedrich Herbart photo
Gerson De Rodrigues photo

„Poema - Tessalonicenses 4:16-18

Queimem as igrejas
rasguem todas as suas bíblias

Cristo voltou!
e somente os pecadores irão
banhar-se em seu sangue sagrado

Padres e Pastores
serão queimados
nas fogueiras da razão

Pois o filho de Deus
quer vingança
sobre as mentiras proclamadas
em seu nome;

Deitem-se com as Ninfas
profanem-se em imagens religiosas
amem os Demônios!

Estas dores que afligem o seu peito?
esse vazio que não sabes explicar?

Enforquem-se em luxuria
vendam suas almas ao diabo

E deixem que os pecados bíblicos
salvem a sua vida

Afastem de mim a sua Filosofia!
joguem fora estas Poesias de Amor!

Estes são os tempos dos loucos
e pecadores

Se quiseres a salvação
deverás amar a vida
e odiá-la a cada segundo

Pois dada a ordem
com a voz dos arcanjos
e o ressoar da trombeta de Deus

O próprio Senhor descerá dos céus
com a espada que prometeste
e a ira que guardas em seu peito
pois este não veio trazer a Paz!

- O que faremos nós com essa angustia
que rasgam o meu peito?

- E essa solidão que me mata
aos poucos?

Gritam as almas tristes em
plena agonia
de uma vida que não escolheram viver

- Matem-se eu vos digo!

Morram a cada segundo
que as suas dores o fizerem sofrer

Enforquem-se na frente
de todos aqueles
que disseram que as suas dores
eram uma mera frescura ou falta de atenção

Rasguem suas gargantas com punhais sagrados
E matem! Sim matem!

Afogado em seu próprio sangue
todos aqueles que disseram que o seu sofrimento
era falta do amor dos deuses

Pois estes não amam
nem mesmo a sepultura!

Estão perdidos em tantas metáforas?
estas alegorias foram escritas em solo sagrado!

E somente os assassinos de Deus
aqueles que banharam-se no pecado da humanidade
são capazes de compreende-la

Vomitem toda a angustia
que há em seu peito

É necessário a crucificação
para compreender os monstros que vivem
presos em sua mente

Nós os pecadores
nós somos os deuses!

Pois nos crucificam
todos os dias
e zombam das nossas dores

Sim eu os compreendo!
posso ouvir os seus gritos!

Não envergonhem-se em sentir
deixem que o sofrimento das suas almas vazias
e os pecados da carne

Os salvem do suicídio!“

—  Gerson De Rodrigues poeta, escritor e anarquista Brasileiro 1995

Fonte: Niilismo Niilista Poesia Poemas

Jorge Luis Borges photo
Jorge Luis Borges photo
Marquês de Maricá photo
Marilyn Monroe photo

„Hollywood é um lugar onde eles te pagam mil dólares por um beijo e cinquenta centavos por seu talento.“

—  Marilyn Monroe Atriz americana 1926 - 1962

Variante: Hollywood é um lugar onde te pagam mil dólares por um beijo e cinquenta centavos por sua alma.

Publius Cornelius Tacitus photo
Francisco de Quevedo photo
Marquês de Maricá photo
Christopher Paolini photo
Leonardo Boff photo
Frank Sinatra photo

„A melhor vingança é um sucesso estrondoso.“

—  Frank Sinatra Cantor, ator e produtor estadunidense 1915 - 1998

Epicuro photo
Francis Bacon photo

„A vingança é uma espécie de justiça selvagem.“

—  Francis Bacon, livro Essays

Revenge is a kind of wild justice
Essays (1625); Of Revenge [Da vingança]

Nicolau Maquiavel photo
Walter Scott photo
Søren Kierkegaard photo

„Quem alcançou neste mundo grandeza igual à dessa bendita mulher, a mãe de Deus, a virgem Maria? No entanto, como se fala dela? A sua grandeza não provém do fato de ter sido bendita entre as mulheres, e se uma estranha coincidência não levasse a assembléia a pensar com a mesma desumanidade do predicador, qualquer jovem devia, seguramente, perguntar: Por que não fui eu também bendita entre as mulheres? Se se não possuísse outra resposta, de forma alguma acharia ter de rejeitar esta pergunta, pretextando a sua falta de senso; porque, no abstrato, em presença de um favor, todos temos mesmos direitos. São esquecidos a tribulação, a angústia, o paradoxo. Meu pensamento é tão puro como o de qualquer outro; e ele purifica-se, exercendo-se sobre as coisas. E se não se enobrecer pode-se então esperar pelo espanto; porque se essas imagens foram alguma vez evocadas jamais poderão ser esquecidas. E se contra elasse peca, extraem da sua muda cólera uma terrível vingança, mais terrível do que os rugidos de dez ferozes críticos. Maria, indubitavelmente, deu à luz o filho graças a um milagre, mas no decorrer de tal acontecimento foi como todas as outras mulheres, e esse tempo é o da angústia, da tribulação e do paradoxo. O anjo foi, sem dúvida, um espírito caritativo, mas não foi complacente porque não foi dizer a todas as outras virgens de Israel: Não desprezeis Maria, porque lhe sucedeu o extraordinário. Apresentou-se perante ela só e ninguém a pôde compreender. No entanto, que outra mulher foi mais ofendida do que Maria? Pois não é também verdade que aquele a quem Deus abençoa é também amaldiçoado com o mesmo sopro do seu espírito? É desta forma que se torna necessário, espiritualmente, compreender Maria. Ela não é, de maneira alguma, uma formosa dama que brinca com um deus menino, e até me sinto revoltado ao dizer isto e muito mais ao pensar na afetação e ligeireza de tal concepção. Apesar disso, quando diz: sou a serva do Senhor, ela é grande e imagino que não deve ser difícil explicar por que razão se tornou mãe de Deus. Não precisa, absolutamente nada, da admiração do mundo, tal como Abraão não necessita de lágrimas, porque nem ela foi uma heroína, nem ele foi um herói. E não se tornaram grandes por terem escapado à tribulação, ao desespero e ao paradoxo, mas precisamente porque sofreram tudo isso. Há grandeza em ouvir dizer ao poeta, quando apresenta o seu herói trágico à admiração dos homens: chorai por ele; merece-o; porque é grandioso merecer as lágrimas dos que são dignos de as derramar; há grandeza em ver o poeta conter a multidão, corrigir os homens e analisá-los um por um para verificar se são dignos de chorar pelo herói, porque as lágrimas dos vulgares chorões profanam o sagrado. Contudo ainda é mais grandioso que o cavaleiro da fé possa dizer ao nobre caráter que quer chorar por ele: não chores por mim, chora antes por ti próprio.“

—  Søren Kierkegaard 1813 - 1855

Zack de la Rocha photo
Honoré De Balzac photo
Martin Luther King Junior photo

„O ser humano deve desenvolver, para todos os seus conflitos, um método que rejeite a vingança, a agressão e a retaliação. A base para esse tipo de método é o amor.“

—  Martin Luther King Junior líder do movimento dos direitos civis dos negros nos Estados Unidos 1929 - 1968

Man must evolve for all human conflict a method which rejects revenge, aggression and retaliation. The foundation of such a method is love.
Nobel Prize acceptance speech http://nobelprize.org/peace/laureates/1964/king-acceptance.html (1964)

Camilo Castelo Branco photo
Benjamin Franklin photo
François de La  Rochefoucauld photo
William Shakespeare photo
Augusto Cury photo
Castro Alves photo
Nicolau Maquiavel photo
Josef Stalin photo

„Nada melhor do que descobrir um inimigo, preparar a vingança e depois dormir tranquilo.“

—  Josef Stalin secretário geral do Partido Comunista da União Soviética 1879 - 1953

Che Guevara photo

„Escuta, avó proletária: crê no homem que chega, crê no futuro que nunca verás […] Acima de tudo, terás uma rubra vingança, juro pela exata dimensão dos meus ideais. Morre em paz, velha lutadora.“

—  Che Guevara guerrilheiro e político, líder da Revolução Cubana 1928 - 1967

Escucha, abuela proletaria: cree en el hombre que llega, cree en el futuro que nunca verás. Ni reces al dios inclemente que toda una vida mintió tu esperanza; ni pidas clemencia a la muerte para ver crecer a tus caricias pardas; los cielos son sordos y en ti manda el oscuro, sobre todo tendrás una roja venganza lo juro por la exacta dimensión de mis ideales. Muere en paz, vieja luchadora.
Sobre literatura y arte - página 21, Ernesto Guevara - Arte y Literatura, 1997, ISBN 9590300693, 9789590300691 - 106 páginas

Marquês de Maricá photo
Castro Alves photo
Henry Miller photo
William Tecumseh Sherman photo

„Estou cansado e enjoado da guerra. A glória não é mais que a luz do luar. Somente aqueles que nunca deram um tiro, nem ouviram os gritos e os gemidos dos feridos, é que clamam por sangue, vingança e mais desolação. A guerra é o inferno.“

—  William Tecumseh Sherman 1820 - 1891

I am tired and sick of war. Its glory is all moonshine. It is only those who have neither fired a shot nor heard the shrieks and groans of the wounded who cry aloud for blood, more vengeance, more desolation. War is hell
citado em "Peace, war and you‎" - Página 20, Jerome Davis - H. Schuman, 1952 - 282 páginas

Martinho Lutero photo
Erasmo de Rotterdam photo
Falcão (músico) photo

„Se algum desafeto roubar sua mulher, sua maior vingança é deixá-lo ficar com aquela fuleragem.“

—  Falcão (músico) cantor brasileiro 1957

na música "A esperança é a única que morre"

Castro Alves photo
George G. Byron photo
Jean Racine photo

„Malograria a minha vingança tornando-a tão rápida.“

—  Jean Racine 1639 - 1699

Je perdrais ma vengeance en la rendant si prompte.
Oeuvres complètes: Volume 2 - Página 150 http://books.google.com.br/books?id=QG0OAAAAQAAJ&pg=PA150, Jean Racine - Deterville, 1796

Jean Baptiste Alphonse Karr photo

„O ciúme é uma paixão, que num momento em que se prevê uma traição, sente um prazer, como na vingança, que se desaponta ao encontrar a mulher, que suspeitava-se, inocente.“

—  Jean Baptiste Alphonse Karr 1808 - 1890

La jalousie est une telle passion, qu'il vient un moment où sur la trace d'une trahison, on entrevoit, on pressent une telle jouissance dans la vengeance qu'on est désappointé de trouver innocente la femme que l'on soupçonnait.
Encore les Femmes‎ - Página 197 http://books.google.com/books?id=PN4qAAAAMAAJ&pg=RA1-PA197, Alphonse Karr - M. Lévy Frères, 1858 - 320 páginas

Osama bin Laden photo
Robert Green Ingersoll photo
Robert Green Ingersoll photo

„Tudo que a humanidade sofreu com as guerras, com a pobreza, com a pestilência, com a fome, com o fogo e com o dilúvio, todo o pavor e toda a dor de todas as doenças e de todas as mortes – tudo isso se reduz a nada quando posto lado a lado com as agonias que se destinam às almas perdidas. Este é o consolo da religião cristã. Esta é a justiça de Deus – a misericórdia de Cristo. Este dogma aterrorizante, esta mentira infinita: foi isto que me tornou um implacável inimigo do cristianismo. A verdade é que a crença na danação eterna tem sido o verdadeiro perseguidor. Fundou a Inquisição, forjou as correntes e construiu instrumentos de tortura. Obscureceu a vida de muitos milhões. Tornou o berço tão terrível quanto o caixão. Escravizou nações e derramou o sangue de incontáveis milhares. Sacrificou os melhores, os mais sábios, os mais bravos. Subverteu a noção de justiça, derriscou a compaixão dos corações, transformou homens em demônios e baniu a razão dos cérebros. Como uma serpente peçonhenta, rasteja, sussurra e se insinua em toda crença ortodoxa. Transforma o homem numa eterna vítima e Deus num eterno demônio. É o horror infinito. Cada igreja em que se ensina esta idéia é uma maldição pública. Todo pregador que a difunde é um inimigo da humanidade. Em vão se procuraria uma selvageria mais ignóbil que este dogma cristão. Representa a maldade, o ódio e a vingança sem fim. Nada poderia tornar o inferno pior, exceto a presença de seu criador, Deus. Enquanto estiver vivo, enquanto estiver respirando, negarei esta mentira infinita com toda minha força, a odiarei com cada gota de meu sangue.“

—  Robert Green Ingersoll 1833 - 1899

Porque sou agnóstico

Thomas Paine photo
Friedrich Rückert photo

„A vingança é um prazer que dura apenas um dia; a generosidade, um sentimento que pode trazer felicidade para sempre.“

—  Friedrich Rückert professor académico alemão 1788 - 1866

citado em "Raízes da cidadania"‎ - Página 46, de Irapuan Aguiar - 2002 - 276 páginas

Graham Greene photo

„A vingança é salutar ao caráter; dela brota o perdão.“

—  Graham Greene escritor inglês 1904 - 1991

Fonte: "O Nó do Problema"

Félix Lope de Vega photo

„A maior vingança de quem é prudente é esquecer a causa da desconsideração.“

—  Félix Lope de Vega 1562 - 1635

la mayor venganza del que es sabio es olvidar la causa del agravio.
Colección de las obras sueltas assi en prosa, como en verso, Volume 17‎ - Página 79 http://books.google.com.br/books?id=jXtkMVf_0jAC&pg=PA79, Lope de Vega - en la imprenta de Don Antonio de Sancha ... donde se hallará, 1777 - 530 páginas

Joseph Roth photo

„Não existe nobreza sem generosidade, assim como não existe sede de vingança sem vulgaridade“

—  Joseph Roth 1894 - 1939

Fonte: "A Cripta dos Capuchinhos"

James Payn photo

„A vingança é um prato que se pode comer frio.“

—  James Payn 1830 - 1898

Vengeance is a dish that can be eaten cold
A Modern Dick Whittington‎ - Página 136, de James Payn - Publicado por J.A. Taylor and Co., 1892 - 334 páginas

Pierre de Marivaux photo

„A vingança é doce a todos os corações ofendidos; há quem necessite por alivio; outros que preferem-se cruel, e outros generosa“

—  Pierre de Marivaux 1688 - 1763

C'est que la vengeance est douce à tous les cœurs offensés; il leur en faut une, il n'y a que cela qui les soulage; les uns l'aiment cruelle, et les autres généreuse
"Œuvres complètes de Marivaux" - Volume 7, página 50 http://books.google.com.br/books?id=LBMUAAAAYAAJ&pg=PA50, de Pierre Carlet de Chamblain de Marivaux, publicado por Haut-coeur et Gayet jeune, 1825

Gerald Ford photo

„Como rejeitei anistia, então rejeito vingança. Peço todos americanos que jamais pediram bondade e misericórdia em suas vidas, que nunca procuraram perdão para suas ofensas, para se juntar em reabilitar todas as vítimas do trágico conflito do passado.“

—  Gerald Ford político americano 1913 - 2006

As I rejected amnesty, so I reject revenge. I ask all Americans who ever asked for goodness and mercy in their lives, who ever sought forgiveness for their trespasses, to join in rehabilitating all the casualties of the tragic conflict of the past.
Declaração sobre os americanos que evitaram o projeto durante a Guerra do Vietnã, a Veteranos de Guerras Estrangeiras, Chicago, Illinois (19 de agosto de 1974)

Giacomo Leopardi photo

„São sempre desatinadas as vinganças por ciúme.“

—  Cervantes

Variante: São sempre desatinadas as vinganças por ciúmes.

Pietro Metastasio photo
Padre Antônio Vieira photo
Francis Bacon photo
Juvenal photo
Marie Jean Antoine Nicolas Caritat photo
Molière photo
Honoré De Balzac photo
Francis Bacon photo
Constancio C. Vigil photo
Friedrich Nietzsche photo
George Bernard Shaw photo

„O ódio é a vingança do covarde.“

—  George Bernard Shaw 1856 - 1950

Variante: O ódio é a vingança do cobarde.

Carmen Sylva photo
Mário Quintana photo
Lucio Anneo Seneca photo
Charlie Chaplin photo
Eça de Queiroz photo
Dante Alighieri photo

„Trazes turbado o espírito, não conseguindo entender como é possível que uma vingança justa tenha sido mais tarde justamente punida…“

—  Dante Alighieri italiano autor da epopéia, A divina comédia, considerado um entre os maiores poetas de todos os tempos; sua obra teve g… 1265 - 1321

Robert Lee Frost photo

„São estabelecimentos que nos emprestam um guarda-chuva num dia de sol e pede-o de volta quando começa a chover.“

—  Robert Lee Frost 1874 - 1963

Variante: Banco é o lugar onde nos emprestam um guarda-chuva quando faz bom tempo e o tomam de volta quando começa a chover.

Francis Bacon photo
Jean de La Bruyere photo
Paolo Mantegazza photo
Sigmund Freud photo
Cesare Pavese photo
Vergílio Ferreira photo

„Por detrás de um triunfo há sempre uma vingança. E é numa razão directa que varia a sua grandeza.“

—  Vergílio Ferreira escritor português 1916 - 1996

Escrever - Página 133, Vergílio Ferreira, ‎Helder Godinho - Bertrand Editora, 2001, ISBN 9722512056, 9789722512053, 280 páginas
Escrever

Friedrich Nietzsche photo