Frases de Eça de Queiroz

Eça de Queiroz foto

146   0

Eça de Queiroz

Data de nascimento: 25. Novembro 1845
Data de falecimento: 16. Agosto 1900

José Maria de Eça de Queiroz foi um dos mais importantes escritores portugueses da história. Foi autor, de romances de reconhecida importância, de Os Maias e O Crime do Padre Amaro; este último é considerado por muitos o melhor romance realista português do século XIX.


„É algumas vezes necessário, para fazer compreender uma certa relação, que se encham os termos da proporção. Muitas vezes é impossível ser compreendido por todos sem a condição de exagerar, de deformar, de desproporcionar.“

„Logo que na ordem económica não haja um balanço exacto de forças, de produção, de salários, de trabalhos, de benefícios, de impostos, haverá uma aristocracia financeira, que cresce, reluz, engorda, incha, e ao mesmo tempo uma democracia de produtores que emagrece, definha e dissipa-se nos proletariados.“


„A arte oferece-nos a única possibilidade de realizar o mais legítimo desejo da vida - que é não ser apagada de todo pela morte.“

„Com o longo volver dos tempos, os nobres gênios que fizeram vibrar mais fortemente a alma do seu tempo, passam pouco a pouco a ser apenas - o estudo dos comentadores.“

„É o coração que faz o caráter.“

„Não há nada tão ilusório como a extensão de uma celebridade; parece às vezes que uma reputação chega até aos confins de um reino - quando na realidade ela escassamente passa das últimas casas de um bairro.“

„Ser bacharel - uma qualidade que se exige para tudo, e que se não respeita para coisa nenhuma.“

„O homem põe tanto do seu carácter e da sua individualidade nas invenções da cozinha, como nas da arte.“


„O apreço exterior pela arte é a sobrecasaca da inteligência. Quem se quererá apresentar diante dos seus amigos com uma inteligência nua?“

„As obras de arte devem falar «por si mesmas», explicar-se «por si mesmas», sem terem necessidade de pôr ao lado um cicerone. Acompanhar um livro de versos de crítica «já feita» é querer impor um guia à emoção do leitor. O leitor detesta isso.“

„No terreno do dinheiro vence sempre quem tem mais dinheiro.“

„Em Portugal quem emigra são os mais enérgicos e os mais rijamente decididos; e um país de fracos e de indolentes padece um prejuízo incalculável, perdendo as raras vontades firmes e os poucos braços viris.“


„O esforço de toda a pessoa esclarecida neste mundo deve ser confirmar os Compêndios.“

„É necessário acutilar o mundo oficial, o mundo sentimental, o mundo literário, o mundo agrícola, o mundo supersticioso - e com todo o respeito pelas instituições que são de origem eterna, destruir «as falsas interpretações e falsas realizações» que lhes dá uma sociedade podre. Não lhe parece Você que um tal trabalho é justo?“

„Em Portugal a emigração não é, como em toda a parte, a transbordação de uma população que sobra; mas a fuga de uma população que sofre.“

„É o comer que faz a fome.“

Autores parecidos