Frases sobre livro

Uma coleção de frases e citações sobre o tema da livro, livros, ser, homem.

Total 1778 citações, filtro:

Machado de Assis photo
Carlos Ruiz Zafón photo
Mário Quintana photo
Rainer Maria Rilke photo
John Lennon photo
Francois Fénelon photo
Francois Fénelon photo
Francois Fénelon photo
Citát „Só é verdadeiramente livre quem está sempre pronto a morrer.“
Diógenes de Sinope photo
Voltaire photo
Pitágoras photo
Clarice Lispector photo
George Orwell photo
George Orwell photo
Che Guevara photo
Epiteto photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Miyamoto Musashi photo
Cícero photo
Mark Twain photo

„Um clássico é um livro que as pessoas admiram e não lêem.“

—  Mark Twain escritor, humorista e inventor norte-americano 1835 - 1910

Mark Twain photo
Vergílio Ferreira photo
Franz Kafka photo
Benjamin Disraeli photo
Harvey Spencer Lewis photo
Malala Yousafzai photo
Benedetto Croce photo

„Apenas em pequena parte a poesia se encontra nos inúmeros livros ditos de poesia“

—  Benedetto Croce 1866 - 1952

Fonte: La Storia come Pensiero e come Azione

Castro Alves photo
Axel Munthe photo
Monteiro Lobato photo

„De escrever para marmanjos já me enjoei. Bichos sem graça. Mas para crianças um livro é todo um mundo.“

—  Monteiro Lobato escritor brasileiro 1882 - 1948

Monteiro Lobato apud Dad Squarisi, (6 de agosto de 2006 – "Dicas de português – Escrever é...". Correio Braziliense, Caderno C, p. 4.)
"A barca de Gleyre: quarenta anos de correspondencia literária entre Monteiro Lobato e Godofredo Rangel"‎ – p. 467, de José Bento Monteiro Lobato, Godofredo Rangel – Companhia Editora Nacional, 1944 – 504 pp.

Robert Browning photo
Carlos Ruiz Zafón photo

„Cada livro, cada volume que você vê, tem alma. A alma de quem o escreveu, e a alma dos que o leram, que viveram e sonharam com ele. Cada vez que um livro troca de mãos, cada vez que alguém passa os olhos pelas suas páginas, seu espírito cresce e a pessoa se fortalece.
A sombra do vento“

—  Carlos Ruiz Zafón 1964

Rio de Janeiro: Suma de Letras, 2007. p. 9
A sombra do vento
Variante: Cada livro, cada volume que vês, tem uma alma. A alma de quem o escreveu, e as almas daqueles que o leram e viveram e sonharam com ele. Cada vez que um livro muda de mãos, cada vez que alguém passa o olhar pelas suas páginas, o seu espírito cresce e torna-se mais forte.

Pablo Neruda photo
Franz Grillparzer photo
João Guimarães Rosa photo
Cícero photo

„Os livros são o alimento da juventude.“

—  Cícero orador e político romano -106 - -43 a.C.

Carlos Ruiz Zafón photo
Carlos Ruiz Zafón photo
Carlos Ruiz Zafón photo
Vergílio Ferreira photo
Júlio César de Mello e Souza photo
Mário Quintana photo
Ben Jonson photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Nikola Tesla photo
Guy De Maupassant photo
Epiteto photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Marcus Garvey photo

„Quando a guerra começou na Abissínia, todos os nacionalistas negros olhavam com esperança para Haile Selassie. Eles falavam por ele, oravam por ele, cantavam para ele, faziam tudo para erguer as mãos, como Arão fez por Moisés; mas enquanto os povos negros do mundo estavam orando pelo sucesso da Abissínia, este pequeno imperador estava minando o tecido do seu próprio reino jogando o tolo com homens brancos, fazendo-os aconselhá-lo, dizendo-lhes o que fazer, como se render, como cancelar os impulsos bem-sucedidos de sua [raça] contra os invasores italianos. Sim, eles estavam dizendo a ele como preparar seu vôo e, como uma criança imbecil, ele seguiu todos os conselhos e finalmente fugiu de seu país para a Inglaterra, deixando seu povo massacrado pelos italianos e deixando o sério mundo branco para rir. em cada negro e repita a carga e a armadilha - "ele é incompetente", "nós avisamos". De fato, Haile Selassie provou a incompetência do negro para a autoridade política, mas graças a Deus há negros que percebem que Haile Selassie não representava as qualidades mais verdadeiras da raça negra. Como ele poderia, quando ele queria brincar de branco? Como ele poderia, quando se cercou de influência branca? Como poderia ele, quando em um mundo moderno e numa civilização progressista, preferir um Estado negro de negros do que um país democrático livre, onde os cidadãos negros poderiam ter as mesmas oportunidades que os cidadãos brancos em suas democracias?“

—  Marcus Garvey 1887 - 1940

Baltasar Gracián photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Helena Blavatsky photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Ramana Maharshi photo
Rosa Luxemburgo photo
Jim Morrison photo
John Green photo

„Às vezes, um livro enche você de um estranho fervor religioso, e você se convence de que esse mundo despedaçado só vai se tornar inteiro de novo a menos que, e até que, todos os seres humanos o leiam.“

—  John Green Escritor, empresário e vlogger norte-americano 1977

Hazel Grace Lancaster, p. 37
Quem é Você, Alasca? (2005), A Culpa É Das Estrelas (2012)

Otto Von Bismarck photo
Francis Scott Fitzgerald photo
Spinoza photo
Arthur Schopenhauer photo
Friedrich Nietzsche photo
Arthur Schopenhauer photo
Fran Lebowitz photo
Patrick Rothfuss photo
Albert Einstein photo
Joseph Joubert photo
Virginia Woolf photo
Carlota Joaquina de Bourbon photo

„Serei mais livre em meu desterro do que vós em vosso palácio. Minha liberdade pelo menos me acompanhará. Minha alma nunca se escravizou nem nunca se humilhou na presença desses rebeldes vassalos, que ousaram impor-vos leis e esforçaram-se para compelir-me a prestar um juramento que a minha consciência repelia.“

—  Carlota Joaquina de Bourbon princesa espanhola e rainha portuguesa 1775 - 1830

Em carta a D. João VI, referindo-se à sua recusa em jurar a Constituição de 1822, pelo que foi exilada na Quinta do Ramalhão. Depois de dois anos de exílio, foi libertada pelo movimento conhecido como Vilafrancada, que suspendeu o regime constitucional. Porém, como continuasse a tramar contra o rei, este determinou seu desterro perpétuo em Queluz. - Tobias Monteiro, História do Império, p. 106.

Cornelia Funke photo
Epiteto photo
Ezra Pound photo
Liev Tolstói photo
Aleksandr Solzhenitsyn photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Abraham Lincoln photo
Henry David Thoreau photo

„Fui para os Bosques viver de livre vontade. Para sugar todo o Tutano da Vida. Para aniquilar tudo o que não era vida e para quando morrer, não Descobrir que não vivi.“

—  Henry David Thoreau 1817 - 1862

Variante: Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi.

João da Cruz photo
Stephen Vincent Benét photo
Menandro photo

„Serve livremente e não serás servo.“

—  Menandro autor grego da comédia nova -342 - -291 a.C.

Castro Alves photo
Gerson De Rodrigues photo

„Poema – Tudo que eu preciso fazer agora é dormir

Acordei as seis horas da manhã
com um vazio em meu peito
que me faz desejar um câncer em meu cérebro

Preciso devolver um livro na biblioteca
ando pela rua como um homem doente
passei tanto tempo sozinho
que eu já não sei mais conviver em sociedade

Chego até a biblioteca
o local está repleto de gente
todos eles me olham com cara de nojo

Como se eu fosse algum tipo de monstro
não posso culpá-los
talvez eu realmente seja

Na minha mente
estão todos mortos
e o diabo dança sobre os seus cadáveres

Caminho em direção a balconista
e as minhas pernas começam a falhar
sem que eu perceba caio em meio a uma pilha de livros

As pessoas correm ao meu redor
e me apontam os seus dedos sujos

Levanto-me em desespero,
e volto correndo para casa

Tranco-me em meu quarto
como quem procura se esconder das estrelas
e novamente eu sou um lobo solitário
abandonado em um ninho de ratos

As paredes do meu quarto
jorram o sangue de um suicídio inevitável

Todos os dias eu me pergunto;

O que diabos eu estou fazendo aqui?
quando foi que eu me perdi?

Rasguei as entranhas da minha própria Mãe
e a amaldiçoei com a minha vida

Eu afastei todos aqueles
que se aproximaram de mim

Como uma barata
que rasteja em meio aos vermes
sinto-me repugnante

Sozinho no mundo
um escravo da minha própria insanidade
o Cristo do meu próprio testamento

As fotos velhas na minha estante
me lembram os dias em que eu fui feliz

Sinto-me culpado por existir
e a cada segundo eu me odeio cada vez mais

Volto para o meu quarto,
tudo que eu preciso fazer agora é dormir;

Acordei as seis horas da manhã
com um vazio em meu peito
que me faz desejar um câncer em meu cérebro

Vou até o espelho e me pergunto;
por quantos anos eu ainda irei suportar
essa rotina de sofrimento?

Uma lágrima sincera escorre pelo meu rosto
volto até o meu quarto
decidido a acabar com tudo
sátiros dançam ao redor da minha cama

Pego as minhas roupas e tampo todas as
saídas de ar da minha casa
vou até a cozinha e ligo o gás

Tudo que eu preciso fazer agora
é dormir…“

—  Gerson De Rodrigues poeta, escritor e anarquista Brasileiro 1995

Fonte: Solidão Deuses Ateísmo Niilismo

Jean Jacques Rousseau photo

„O homem verdadeiramente livre apenas quer o que pode e faz o que lhe agrada.“

—  Jean Jacques Rousseau, livro Emílio, ou Da Educação

L'homme vraiment libre ne veut que ce qu'il peut , et fait ce qu'il lui plaît.
Émile, ou, De l'éducation - Volume 1, Página 162 http://books.google.com.br/books?id=f2lBAAAAYAAJ&pg=PA162, Jean-Jacques Rousseau - 1791
Emile

Gerson De Rodrigues photo
Dag Hammarskjöld photo
W. H. Auden photo

„Ser livre é com freqüência estar sozinho.“

—  W. H. Auden 1907 - 1973

to be free is often to be lonely
Selected poetry of W. H. Auden - Página 57, Volume 102 de Vintage international, Wystan Hugh Auden - Vintage Books, 1971

Andy Warhol photo

„Acho que tenho uma interpretação muito livre de trabalho, porque penso que estar vivo já dá tanto trabalho que não queremos fazer mais nada.“

—  Andy Warhol 1928 - 1987

I suppose I have a really loose interpretation of “work,” because I think that just being alive is so much work at something you don't always want to do.
Andy Warhol, 1928-1987: works from the collections of José Mugrabi and an Isle of Man company - página 82, Andy Warhol, Jacob Baal-Teshuva, David Bourdon - Prestel, 1993, ISBN 3791312774, 9783791312774 - 144 páginas

John Locke photo

„(…) todo homem livre da Carolina deve ter absoluto poder e autoridade sobre seus escravos negros seja qual for sua opinião e religião.“

—  John Locke Filósofo e médico inglês. pai do liberalismo clássico. 1632 - 1704

In The Fundamental Constitutions of Carolina (1669) in Political Writings, (org.) David Wooton, Penguin Books, London-New York, p. 196 (art. CX) apud Losurdo, Dominico in Contra-História do Liberalismo, 2006, p. 15.

Jean Jacques Rousseau photo
Simone de Beauvoir photo

„Querer-se livre é também querer livres os outros.“

—  Simone de Beauvoir Escritora francesa 1908 - 1986

Variante: Querer ser livre é também querer livres os outros.

Sigmund Freud photo

„A humanidade progride. Hoje queimam meus livros, séculos atrás teriam queimado a mim.“

—  Sigmund Freud 1856 - 1939

citado em "Sobre Homens & Bestas‎" - Página 91, Dix, 2007, ISBN 8574197181, 9788574197180
Atribuídas

Sigmund Freud photo
John Locke photo
Arthur Schopenhauer photo

„O motor principal e fundamental no homem, bem como nos animais, é o egoísmo, ou seja, o impulso à existência e ao bem-estar. […] Na verdade, tanto nos animais quanto nos seres humanos, o egoísmo chega a ser idêntico, pois em ambos une-se perfeitamente ao seu âmago e à sua essência. Desse modo, todas as ações dos homens e dos animais surgem, em regra, do egoísmo, e a ele também se atribui sempre a tentativa de explicar uma determinada ação. Nas suas ações baseia-se também, em geral, o cálculo de todos os meios pelos quais procura-se dirigir os seres humanos a um objetivo. Por natureza, o egoísmo é ilimitado: o homem quer conservar a sua existência utilizando qualquer meio ao seu alcance, quer ficar totalmente livre das dores que também incluem a falta e a privação, quer a maior quantidade possível de bem-estar e todo o prazer de que for capaz, e chega até mesmo a tentar desenvolver em si mesmo, quando possível, novas capacidades de deleite. Tudo o que se opõe ao ímpeto do seu egoísmo provoca o seu mau humor, a sua ira e o seu ódio: ele tentará aniquilá-lo como a um inimigo. Quer possivelmente desfrutar de tudo e possuir tudo; mas, como isso é impossível, quer, pelo menos, dominar tudo: "Tudo para mim e nada para os outros" é o seu lema. O egoísmo é gigantesco: ele rege o mundo.“

—  Arthur Schopenhauer, livro A Arte de Insultar

Página 51
A Arte de Insultar

Arthur Schopenhauer photo
Arthur Schopenhauer photo

„O Homem é livre para fazer o que quer, mas não para querer o que quer.“

—  Arthur Schopenhauer filósofo alemão 1788 - 1860

Der Mensch kann zwar tun, was er will, er kann aber nicht wollen, was er will.
Schopenhauer como citado in: Der Biologe - Volume 10 - Página 67, J. F. Lehmanns Verlag.,1941
Atribuídas

Abraham Lincoln photo
Jane Austen photo
Theodor W. Adorno photo
Ville Valo photo
Epiteto photo
Julio Cortázar photo