Frases sobre povo

Uma coleção de frases e citações sobre o tema da povo, ser, todo, outro.

Total 802 citações, filtro:

Enéas Carneiro photo
Bertolt Brecht photo
Luiz Inácio Lula da Silva photo
João Baptista de Oliveira Figueiredo photo

„Prefiro cheiro de cavalo do que cheiro de povo.“

—  João Baptista de Oliveira Figueiredo militar e político brasileiro, 30º presidente do Brasil 1918 - 1999

Fonte: Brasil:uma história, por Eduardo Bueno, página 383, editora Ática, ISBN 8508082134, 9788508082131

Karl Marx photo
Nicolau Maquiavel photo

„Como é perigoso libertar um povo que prefere a escravidão!“

—  Nicolau Maquiavel filósofo, historiador, poeta, diplomata e músico 1469 - 1527

„Chuvas de primavera


…como a alva a sua vinda é certa; e ele descerá sobre nós como a chuva, […] que rega a terra. v.3


Precisando de uma pausa, fui caminhar num parque das proximidades. Enquanto caminhava, uma explosão de verde me chamou a atenção. Fora da lama surgiam rebentos de vida que em poucas semanas seriam narcisos alegres, anunciando a primavera e o calor que se aproximava. Tínhamos sobrevivido a mais um inverno!

Quando lemos o livro de Oseias, podemos nos sentir, em parte, como num inverno implacável. O Senhor deu a este profeta a pouco invejável tarefa de se casar com uma mulher infiel para demonstrar o amor do Criador por Seu povo Israel (1:2,3). A esposa de Oseias, Gomer, quebrou seus votos de casamento, mas Oseias a aceitou novamente, desejando que ela o amasse com dedicação (3:1-3). Assim também o Senhor deseja que o amemos com a força e empenho que não se evaporarão como a névoa da manhã.

Como nos relacionamos com Deus? Será que o buscamos, principalmente em momentos de dificuldade, procurando respostas ao nosso sofrimento, mas ignorando-o em nossas celebrações? Somos como os israelitas, facilmente seduzidos pelos ídolos do nosso tempo, tais como: ocupação, sucesso e influência?

Hoje, podemos novamente nos comprometer com o Senhor, que nos ama, tão certo como os botões em flores na primavera.

Embora possamos ser infiéis a Deus, 
Ele nunca vai virar Suas costas a nós. Amy Boucher Pye“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Nos bastidores

…foram ouvidas as tuas palavras; e, por causa das tuas palavras, é que eu vim. v.12

Minha filha enviou uma mensagem a um amigo, esperando receber logo a resposta. O telefone mostrava que a mensagem fora lida, e ela esperou ansiosa. Momentos depois, frustrada, gemeu de irritação pela demora. A irritação virou preocupação, e ela se questionou se isso significava que havia um problema entre ambos. A resposta veio e ela se sentiu aliviada ao ver que tudo estava bem. O amigo simplesmente levara algum tempo verificando os detalhes necessários.

O profeta Daniel também aguardou ansiosamente por uma resposta. Após receber a visão assustadora de grande guerra, Daniel jejuou e buscou a Deus em humilde oração (10:3,12). Durante três semanas, ficou sem resposta (vv.2,13). Finalmente, um anjo assegurou a Daniel de que suas preces tinham sido ouvidas “desde o primeiro dia”. Nesse meio tempo, o anjo estava lutando em defesa dessas orações. Embora Daniel não soubesse no início, Deus estava agindo durante cada um dos 21 dias que decorreram entre a primeira oração e a vinda do anjo.

Confiar que Deus ouve as nossas orações (Salmo 40:1) pode nos tornar ansiosos quando a resposta divina não vem quando a desejamos. Tendemos a questionar se o Senhor se importa. No entanto, a experiência de Daniel nos lembra de que Deus está agindo em favor dos que ama, mesmo se isso não nos parecer óbvio.

Deus está sempre pronto a agir em favor do Seu povo. Kirsten Holmberg“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Seu maravilhoso olhar


Buscai o Senhor e o seu poder, buscai perpetuamente a sua presença. v.11


Meu filho de 4 anos, está cheio de perguntas, e conversa muito. Gosto muito de conversar com ele, mas ele desenvolveu o hábito impróprio de falar comigo, mesmo quando ele está de costas. Muitas vezes, lhe digo: “Eu não posso te ouvir, por favor olhe para mim quando estiver falando.”

Às vezes, penso que Deus quer dizer a mesma coisa para nós, não porque Ele não pode nos ouvir, mas talvez porque falhamos com Ele, sem realmente “olhar” para o Senhor. Oramos, mas permanecemos presos às nossas próprias perguntas e concentrados em nós mesmos, esquecendo da pessoa a quem estamos orando. Tal como o meu filho, fazemos perguntas sem prestar atenção à pessoa com quem falamos.

Muitas das nossas preocupações serão resolvidas se nos lembrarmos de quem Deus é o que Ele tem feito. Pelo simples fato de nos voltarmos a Ele, encontramos conforto naquilo que já conhecemos de Seu caráter: que Ele é amoroso, perdoador, soberano, e cheio de misericórdia.

O salmista acreditava que devemos buscar a face de Deus continuamente (Salmo 105:4). Quando Davi nomeou os líderes de adoração e oração, ele incentivou o povo a louvar o caráter de Deus e contar histórias de Sua fidelidade no passado (1 Crônicas 16:8-27).

Quando voltamos os nossos olhos para a bela face de Deus, podemos encontrar a força e o conforto que nos sustentam, mesmo em meio a perguntas sem resposta.

Buscar a face de Deus 
pode fortalecer a nossa fé. Amy Peterson“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Os erros cometidos


Então, eu lhes disse: quem tem ouro, tire-o. Deram-mo; e eu o lancei no fogo, e saiu este bezerro. v.24


Ao discutir sobre a atividade ilegal que envolvia a sua empresa, um CEO disse: “Os erros foram cometidos”. Ele parecia arrependido, no entanto, não assumia a culpa e não admitia que tivesse, pessoalmente, feito nada de errado.

Alguns “erros” são apenas erros: dirigir na direção contrária, esquecer-se de definir a hora no temporizador e queimar o jantar, calcular o seu saldo na conta bancária. Mas há os atos deliberados que vão muito além e que Deus os chama de pecado. Quando Deus questionou Adão e Eva sobre o porquê de eles o terem desobedecido, o casal rapidamente tentou transferir a culpa entre si (Gênesis 3:8-13). Arão não se responsabilizou quando o povo construiu um bezerro de ouro para adorar no deserto. Ele explicou a Moisés: “Deram-mo; e eu o lancei no fogo, e saiu este bezerro“ (v.24).

Ele poderia muito bem ter murmurado: “Os erros foram cometidos.”

Às vezes, nos parece mais fácil culpar alguém, em vez de admitir nossas próprias falhas. Igualmente perigoso é tentar minimizar o nosso pecado, chamando-o de “apenas um erro” em vez de reconhecer a sua verdadeira natureza.

Mas quando assumimos a responsabilidade, reconhecendo e confessando o nosso pecado, Aquele que “…é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça“ o fará (1 JOÃO 1:9).

Admitir que precisamos do perdão de Deus 
é o primeiro passo para recebê-lo. Cindy Hess Kasper“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Todo o coração!


…nele houve outro espírito, e perseverou em seguir-me, eu o farei entrar a terra que espiou… 14:24


Calebe era uma pessoa “dedicada”. Ele e Josué fizeram parte da equipe de reconhecimento de 12 homens que foi espiar a Terra Prometida e trouxeram o relatório a Moisés e ao povo. Calebe disse: “…Subamos e possuamos a terra, porque, certamente, prevaleceremos contra ela” (13:30). Mas dez espias duvidaram de que seriam bem-sucedidos. Apesar das promessas de Deus, eles viram apenas os obstáculos (vv.31-33).

Esses dez espias desanimaram as pessoas e murmuraram contra Deus, o que lhes causou 40 anos de peregrinação no deserto. Mas Calebe nunca desistiu. O Senhor disse: “Porém o meu servo Calebe, visto que nele houve outro espírito, e perseverou em seguir-me, eu o farei entrar a terra que espiou, e a sua descendência a possuirá” (14:24). Quarenta e cinco anos mais tarde Deus honrou Sua promessa quando Calebe, com 85 anos, recebeu a cidade de Hebron “…visto que perseverara em seguir o Senhor, Deus de Israel” (Josué 14:14).

Séculos mais tarde, um perito na lei perguntou a Jesus: “…qual é o grande mandamento na Lei?” Jesus respondeu: “Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento” (Mateus 22:35-38).

Calebe ainda nos inspira com a sua confiança em Deus, o qual merece o nosso sincero amor, confiança e compromisso.

O compromisso com Cristo 
é um chamado que se renova diariamente. David C. McCasland“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Árvore do rio


Porque ele é como a árvore plantada junto às águas… v.8


Esta árvore era digna de inveja. Crescendo na propriedade ribeirinha, não precisava se preocupar com boletins meteorológicos, temperaturas devastadoras, ou um futuro incerto. Nutrida e resfriada pelo rio, passou os seus dias levantando seus ramos para o sol, sedimentando a terra com as suas raízes, limpando o ar com suas folhas e oferecendo sombra a todos os que precisavam refugiar-se do sol.

Em contraste a isso, o profeta Jeremias apontou para um arbusto (17:6). Quando as chuvas pararam e o sol do verão transformou o chão em poeira, o mato murchou, não oferecendo sombra ou fruta para ninguém.

Por que o profeta compararia uma frondosa árvore a um arbusto murcho? Ele queria que o seu povo se lembrasse do que tinha acontecido desde o seu resgate milagroso dos campos de escravidão do Egito. Por 40 anos no deserto, eles viveram como a árvore plantada junto a um rio (2:4-6). No entanto, na prosperidade de sua Terra Prometida eles esqueceram a sua própria história; confiaram em si mesmos e em deuses que eles mesmo criaram (v.8), até ao ponto de voltar ao Egito em busca de ajuda (42:14).

Assim Deus, por intermédio de Jeremias, exortou, amorosamente, os filhos esquecidos de Israel para esperar e confiar no Senhor e ser como a árvore e não como o arbusto.

Vamos lembrar em tempos bons 
o que aprendemos em dias de angústia. Mart De Haan“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Melhor do que uma Piñata


…pela graça sois salvos. v.5


Não pode haver uma festa mexicana sem uma piñata, ou seja, um recipiente ou caixa de papelão ou argila com doces e guloseimas. As crianças a golpeiam com um bastão e tentam arrebentá-la, na esperança de desfrutar de seu conteúdo.

Os monges usavam as piñatas no século 16 para ensinar lições aos povos indígenas do México. As piñatas eram feitas como estrelas com sete pontos que representavam os sete pecados capitais. Bater na piñata mostrava a luta contra o mal, e uma vez que as guloseimas caíssem no chão, as pessoas poderiam levá-los para casa para lembrar-se das recompensas por manter a fé.

Mas não podemos lutar contra o mal com nossa própria força. Deus não está à espera de nossos esforços para que Ele possa mostrar a Sua misericórdia. Efésios ensina que “pela graça sois salvos, mediante a fé […] isso é dom de Deus” (2:8). Nós não vencemos o pecado; Cristo o venceu por nós.

As crianças lutam pelos doces na piñata, mas os dons de Deus nos são dados quando cremos em Jesus. Deus “nos tem abençoado […] com toda sorte de bênção espiritual” (Efésios 1:3). Temos o perdão dos pecados, redenção, adoção, uma nova vida, alegria, amor e muito mais. Não temos essas bênçãos espirituais porque temos mantido a fé e somos fortes; nós as obtemos porque cremos em Jesus. As bênçãos espirituais vêm apenas pela graça — imerecida graça!

Fomos salvos pela graça. Vamos desfrutar 
das muitas bênçãos que vêm por meio dela. Keila Ochoa“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Reconstruindo


…vinde, pois, reedifiquemos os muros de Jerusalém e deixemos de ser opróbrio. v.17


Quando Edward Klee voltou a Berlim após muitos anos de afastamento, a cidade que ele lembrava e à qual amava não estava mais lá. Ela havia mudado drasticamente — e ele também. Escrevendo na revista Hemispheres, Klee disse: “Voltar a uma cidade que você amava tende a ser uma aposta incerta… Pode ser uma decepção.” Voltar aos lugares de nosso passado pode produzir uma sensação de tristeza e perda. Já não somos mais a mesma pessoa que éramos então, nem o lugar que era tão importante em nossa vida está exatamente como era.

Neemias estava no exílio, distante da terra de Israel durante muitos anos, quando soube da situação desesperada de seu povo e da devastação na cidade de Jerusalém. Ele recebeu permissão de Artaxerxes, o rei da Pérsia, para retornar e reconstruir os muros. Após um reconhecimento noturno para examinar a situação (vv.13-15), Neemias disse aos habitantes da cidade: “…Estais vendo a miséria em que estamos, Jerusalém assolada, e as suas portas, queimadas; vinde, pois, reedifiquemos os muros de Jerusalém e deixemos de ser opróbrio” (v.17).

Neemias não voltou para relembrar, mas para reconstruir. Essa é uma poderosa lição para nós, ao considerarmos as partes danificadas de nosso passado que necessitam de reparos. Nossa fé em Cristo e no Seu poder é o que nos capacita a olhar para a frente, avançar e reconstruir.

Não podemos mudar o passado, 
mas Deus está nos transformando para o futuro. David C. McCasland“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Heróis invisíveis


…Arão e Hur sustentavam-lhe 
as mãos […] assim 
lhe ficaram as 
mãos firmes até ao 
pôr do sol. v.12


Há histórias da Bíblia que conseguem nos fazer parar e imaginar. Por exemplo, quando Moisés conduzia o povo de Deus à Terra Prometida e os amalequitas os atacaram, como ele sabia que devia ir ao topo da colina e manter levantado o bordão de Deus (Êxodo 17:8-15)? Não nos é dito, mas aprendemos que, quando Moisés erguia as mãos, os israelitas venciam a batalha, e quando ele as abaixava, os amalequitas venciam. Quando Moisés se cansava, seu irmão Arão e outro homem, Hur, erguiam os braços de Moisés para que os israelitas pudessem triunfar.

Sabemos pouco sobre Hur, mas ele teve um papel crucial nesse momento da história de Israel. Isto nos lembra de que os heróis invisíveis importam, que os apoiadores e os encorajadores dos líderes desempenham um papel essencial e, frequentemente, omitido. Os líderes podem ser mencionados nos livros de história ou louvados na mídia social, mas a testemunha fiel e silenciosa daqueles que servem de outras maneiras não é negligenciada pelo Senhor. Ele vê a pessoa que intercede diariamente em oração por amigos e familiares. Ele vê a mulher que, todos os domingos, recolhe as cadeiras da igreja. Ele vê o próximo que vem a nós com uma palavra de encorajamento.

Deus está nos usando, mesmo que a nossa tarefa pareça ser insignificante. Que possamos perceber e agradecer a qualquer herói invisível que nos ajude.

Deus sempre vê os heróis invisíveis. Amy Boucher Pye“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„O vale da bênção


Se algum mal nos sobrevier, […] clamaremos a ti na nossa angústia, e tu nos ouvirás… v.9


O artista francês Henri Matisse sentiu que o trabalho de seus últimos anos de vida o representava melhor. Naquele tempo, ele experimentou um novo estilo, criando imagens coloridas e grandes, com papel em vez de tinta. Ele decorou as paredes de seu quarto com essas imagens brilhantes. Para ele, isso foi importante, pois fora diagnosticado com câncer e, frequentemente, estava confinado à sua cama.

Adoecer, perder o emprego ou sofrer desgosto são exemplos do que alguns chamam “estar no vale”, onde o temor ofusca todo o restante. O povo de Judá vivenciou isso ao saber que um exército invasor se aproximava (2 Crônicas 20:2-3.). Seu rei orou: “Se algum mal nos sobrevier, […] clamaremos a ti na nossa angústia, e tu nos ouvirás…” (v.9). Deus respondeu: “…amanhã, saí-lhes ao encontro, porque o Senhor é convosco” (v.17).

Quando o exército de Judá chegou ao campo de batalha, seus inimigos já haviam destruído um ao outro. O povo de Deus passou três dias recolhendo os equipamentos, roupas e objetos de valor abandonados. Antes de saírem, eles se reuniram para louvar a Deus e chamaram ao lugar “vale de Beraca”, que significa “bênção”.

Deus caminha ao nosso lado quando atravessamos os vales mais profundos de nossa vida. E Ele pode nos fazer descobrir bênçãos nesses vales.

Deus é mestre em transformar 
fardos em bênçãos. Jennifer Benson Schuldt“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Embeber-se da Palavra


Guardem […] as leis que eu lhes estou dando hoje e não deixem de ensiná-las aos seus filhos… vv.6,7


Quando o nosso filho Xavier era pequeno, nós o levamos para visitar um aquário. Ao entrar no edifício, mostrei-lhe uma grande escultura suspensa no teto. “Veja. Uma baleia jubarte.” Ele arregalou os olhos, dizendo “é enorme!”

Meu marido perguntou-me: “Como ele conhece essa palavra?”

“Deve ter nos ouvido dizer isso.” Encolhi os ombros, espantada que o nosso bebê tinha absorvido o vocabulário que nunca o ensináramos intencionalmente.

Em Deuteronômio 6, Deus incentivou o Seu povo a ser intencional sobre ensinar as gerações mais jovens a conhecer e obedecer às Escrituras. À medida que os israelitas aumentassem o seu conhecimento sobre Deus, eles e seus filhos seriam mais propensos a crescer em reverência a Deus e a desfrutar as recompensas que vêm por conhecê-lo intimamente, amando-o completamente e seguindo-o obedientemente (vv.2-5).

Ao saturar intencionalmente o nosso coração e nossa mente com as Escrituras (v.6), estaremos melhor preparados para compartilhar o amor e a verdade de Deus com as crianças durante nossas atividades cotidianas (v.7). Liderando pelo exemplo, podemos equipar e encorajar os jovens a reconhecer e respeitar a autoridade e a relevância da verdade imutável de Deus (vv.8,9).

À medida que as palavras de Deus fluem naturalmente de nosso coração e da nossa boca, podemos deixar um forte legado de fé para ser transmitido de geração em geração (4:9).

As palavras que escolhemos determinam o que falamos, 
vivemos e passamos para os que nos rodeiam. Xochitl Dixon“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

Marcus Garvey photo

„Face a face


Falava o Senhor a Moisés face a face, como qualquer fala a seu amigo… v.11


Embora o mundo esteja conectado como jamais esteve, nada substitui o encontro pessoal. À medida que compartilhamos e rimos juntos, muitas vezes sentimos, quase inconscientemente, as emoções da outra pessoa observando seus movimentos faciais. Aqueles que se amam, familiares ou amigos, gostam de compartilhar face a face uns com os outros.

Vemos essa relação face a face entre o Senhor e Moisés, o homem que Deus escolheu para liderar o Seu povo. A confiança de Moisés cresceu ao longo dos anos, enquanto ele andava com Deus, e continuava a segui-lo, apesar da rebeldia e idolatria do povo. Depois que o povo adorou um bezerro de ouro em vez de adorar o Senhor (Êxodo 32), Moisés estabeleceu uma tenda fora do acampamento para se encontrar com Deus, e o povo tinha que observar de longe (vv.7-11). Quando a coluna de nuvem representando a presença de Deus desceu à tenda, Moisés falou em favor do povo. O Senhor prometeu que Sua Presença iria com eles (v.14).

Por causa da morte de Jesus na cruz e Sua ressurreição, não precisamos de alguém como Moisés para falar com Deus por nós. Em vez disso, assim como Jesus afirmou aos Seus discípulos, podemos ter comunhão com Deus através de Cristo (JOÃO 15:15). Nós também podemos nos encontrar com Ele, e falar com o Senhor como alguém que fala a um amigo.

Podemos conversar com o Senhor 
como um verdadeiro amigo. Amy Boucher Pye“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Um dia para descansar


Seis dias farás a tua obra, mas, ao sétimo dia, descansarás… v.12


Certo domingo, fiquei em pé junto à corrente de água borbulhante que atravessa a nossa comunidade, deliciando-me com a beleza que ela traz para a nossa área. Senti-me relaxar enquanto observava a pequena cascata e ouvia os pássaros cantando. Fiz uma pausa para dar graças ao Senhor pela maneira como Ele nos ajuda a encontrar o descanso para nossa alma.

O Senhor instituiu o sábado: um dia para o descanso e renovação para o Seu povo no antigo Oriente, pois queria que eles prosperassem. Como vemos no livro de Êxodo, Ele lhes diz para semear seus campos por seis anos e descansar no sétimo. Assim também com o trabalho em seis dias e descanso no sétimo. Seu modo de vida distinguiu os israelitas de outras nações, pois não só eles, mas também os estrangeiros e escravos em suas casas foram autorizados a seguir este padrão.

Podemos nos aproximar do nosso dia de descanso com expectativa e criatividade, acolhendo a oportunidade de adorar e de fazer algo que alimenta a nossa alma, o que varia de acordo com nossas preferências. Alguns gostariam de jogar, outros de fazer jardinagem, compartilhar uma refeição com amigos e família; tirar uma soneca à tarde.

Como podemos redescobrir a beleza e a riqueza de separar um dia para o descanso, se isso estiver faltando em nossa vida?

Em nossa fé e serviço, o descanso 
é tão importante quanto o trabalho.
Amy Boucher Pye“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Livre-se do pecado


…já não serei convosco, se não eliminardes do vosso meio a coisa roubada. v.12


O prazo de entrega de texto pairava sobre mim, e a discussão com o meu marido ainda girava em minha mente. Olhei para o cursor piscando, as pontas dos dedos no teclado. Ele também estava errado, Senhor.

A tela do computador ficou preta e franzi os cenhos. Não reconhecer meus erros estava mais do que dificultando o meu trabalho. Estava prejudicando o meu relacionamento com meu marido e meu Deus.

Peguei o celular, engoli o orgulho e pedi perdão. Saboreei a reconciliação quando o meu cônjuge se desculpou também, agradeci a Deus e terminei o artigo que devia, em tempo.

Os israelitas experimentaram a dor do pecado pessoal e a alegria da restauração. Josué advertiu o povo de Deus para não se enriquecerem na batalha de Jericó (Josué 6:18), mas Acã roubou os itens capturados e os escondeu em sua tenda (7:1). Somente após seu pecado ser exposto e tratado (vv.4-12), a nação reconciliou-se com seu Deus.

Como Acã, nem sempre reconhecemos como o fato de “esconder o pecado em nossa tenda” desvia o nosso coração de Deus e afeta os que nos rodeiam. Reconhecer Jesus como Senhor, admitir nosso pecado e buscar o perdão é a base para os relacionamentos saudáveis e fiéis com Deus e com os outros. Submetendo-nos diariamente ao nosso Criador e Sustentador, podemos servi-lo e desfrutar da Sua presença — juntos.

Deus pode purificar o nosso coração do pecado 
que destrói nossa intimidade com Ele e com os outros. Xochitl Dixon“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Silêncio


Até quando, Senhor, clamarei eu, e tu não me escutarás?… 1:2


As aves se espalharam quando os caminhões de distribuição de alimentos passaram pelas cabanas desgastadas da aldeia. As crianças descalças olhavam. Era raro o tráfego nesta “estrada” devastada pela chuva.

De repente, a mansão do prefeito, toda murada, surgiu à vista do comboio. O povo carecia de necessidades básicas, enquanto ele descansava no luxo duma cidade distante.

Tal injustiça nos indigna. E indignou também o profeta de Deus. Quando Habacuque viu a opressão desenfreada, perguntou: “Até quando, Senhor, clamarei eu, e tu não me escutarás?” (v.2). Mas Deus tinha notado, e disse, “Ai daquele que acumula o que não é seu […] Que constrói a sua casa por ganho injusto!” (2:6,9). O julgamento estava chegando!

Alegramo-nos com o julgamento de Deus aos outros, mas Habacuque nos faz dar uma pausa: “O Senhor, porém, está no seu santo templo; cale-se diante dele toda a terra” (2:20). Toda a terra. Os oprimidos e os opressores. Às vezes, o silêncio é a resposta apropriada ao silêncio aparente de Deus!

Por que silêncio? Porque facilmente esquecemos a nossa pobreza espiritual. O silêncio nos permite reconhecer nossa pecaminosidade na presença de um Deus santo.

Habacuque aprendeu a confiar em Deus, e nós também o podemos. Não conhecemos todos os Seus caminhos, mas sabemos que Ele é bom. Nada está além do Seu controle e tempo.

Informa-se o justo da causa dos pobres, 
mas o perverso de nada disso quer saber. Provérbios 29:7 Tim Gustafson“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Posturas do coração


…ajoelhou-se em presença de toda a congregação de Israel, estendeu as mãos para o céu… vv.13,14


Quando meu marido toca a harmônica no grupo de louvor da igreja, noto que às vezes ele fecha os olhos ao tocar. Ele diz que isso o ajuda a concentrar-se e bloquear distrações. Sua harmônica, a música e ele, louvando a Deus.

Algumas pessoas se perguntam se nossos olhos devem estar fechados ao orarmos. Como podemos orar a qualquer momento e lugar, pode ser difícil fechar os olhos sempre, especialmente se estivermos caminhando, retirando ervas daninhas ou dirigindo um veículo!

Também não há regras sobre a posição em que nosso corpo deve estar quando falamos com Deus. Quando o rei Salomão orou para dedicar o templo que tinha construído, ajoelhou-se e “estendeu as mãos para o céu” (vv.13,14). Ajoelhar-se (Efésios 3:14), de pé (Lucas 18: 10-13), e mesmo deitado de bruços (Mateus 26:39) são todos mencionados na Bíblia como posições para oração.

Quer nos ajoelhemos ou nos levantemos diante de Deus, quer levantemos nossas mãos para o céu ou fechemos nossos olhos para que possamos nos concentrar melhor em Deus, não é a postura de nosso corpo, mas a de nosso coração que é importante. Tudo o que fazemos “flui do [nosso coração]” (Provérbios 4:23). Quando oramos, que nosso coração esteja sempre curvado em adoração, gratidão e humildade ao nosso Deus amoroso, pois sabemos que Seus olhos estão “abertos e [Seus] ouvidos atentos às orações” de Seu povo (2 Coríntios 6:40).

A forma mais elevada de oração 
vem das profundezas de um coração humilde. Cindy Hess Kasper“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Razão para cantar


Salmodiai a Deus, cantai louvores; salmodiai ao nosso Rei, cantai louvores. Salmo 47:6


Cantar muda o cérebro! Os estudos mostram que ao cantarmos, o nosso corpo libera hormônios que aliviam a ansiedade e estresse. Indicam também que quando as pessoas cantam em conjunto, os batimentos cardíacos sincronizam-se.

Em Efésios 5:19, Paulo encoraja a igreja a compartilhar com salmos, hinos e canções espirituais. A Bíblia ensina: “Cante louvores” mais de 50 vezes.

O povo de Deus demonstra sua confiança no Senhor, por meio de cânticos ao marchar para a batalha (2 Crônicas 20). Os inimigos se dirigiam para o povo de Judá e, alarmado, o rei Jeosafá chamou a todos, e liderou a comunidade em intensa oração. Eles não se alimentaram, apenas oraram: “…não sabemos nós o que fazer; porém os nossos olhos estão postos em ti” (v.12). No dia seguinte, partiram. Eles não eram liderados por seus guerreiros mais ferozes, mas por seu canto. E acreditavam na promessa de Deus de que seriam libertos sem ter de enfrentar lutas (v.17).

Enquanto cantavam e caminhavam rumo ao conflito, seus inimigos lutaram uns contra outros! Quando o povo de Deus chegou ao campo de batalha, os combates tinham terminado. Deus salvou o Seu povo enquanto eles marchavam pela fé para o desconhecido, cantando louvores ao Senhor.

Deus nos encoraja a louvá-lo por boas razões. Se estamos ou não marchando para a batalha, louvar a Deus tem poder para mudar os nossos pensamentos, nosso coração e nossa vida.

Os corações em sintonia com Deus 
cantam os Seus louvores. Amy Peterson“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Ao piscar, pense em Deus


…cuidou dele, guardou-o como a menina dos olhos. v.10


“Deus é como uma pálpebra”, minha amiga Rosane disse, e eu pisquei de surpresa. O que ela queria dizer com isso?

“Diga-me mais”, respondi. Juntas, estudávamos as imagens surpreendentes de Deus na Bíblia, coisas como Deus representado numa mulher em dores do parto (Isaías 42:14) ou como um apicultor (7:18), mas esta era nova para mim. Rosane me mostrou em Deuteronômio 32, a passagem em que Moisés louva a maneira como Deus cuida do Seu povo. O versículo 10 diz que Deus cuida e protege o Seu povo, guardando-os “como a menina dos olhos”.

Mas a palavra que traduzimos como menina, Rosane me disse, literalmente significa pupila. E o que envolve e guarda a pupila? A pálpebra, é claro! Deus é como a pálpebra, que protege instintivamente o olho sensível. A pálpebra protege o olho do perigo, e o ato de piscar ajuda a remover a sujeira ou poeira, e mantém o suor fora do olho. Lubrifica o globo ocular, mantendo-o saudável. Fecha-se, permitindo o descanso.

Ao considerar a imagem de Deus como uma pálpebra, não pude deixar de agradecer a Deus pelas muitas metáforas que Ele nos deu para nos ajudar a entender o Seu amor por nós. Quando fechamos os olhos à noite e os abrimos de manhã, podemos pensar em Deus e louvá-lo por Sua terna proteção e cuidado por nós.

Quando você piscar, lembre-se 
de agradecer a Deus por Sua proteção. Amy Peterson“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„O ministério da memória


Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz e não de mal… v.11


Nossas experiências de perda e desapontamentos podem nos deixar irados, culpados e confusos. Se nossas escolhas fecharam certas portas que nunca serão reabertas ou, sem que fosse culpa nossa, a tragédia invadiu a nossa vida, o resultado muitas vezes é o que Oswald Chambers chamou de: “a tristeza insondável do ‘poderia ter sido’”. Podemos tentar suprimir a memória dolorosa, mas descobrimos que é impossível.

Chambers nos lembra de que o Senhor ainda está ativo em nossa vida. “Nunca tenha medo quando Deus traz o passado de volta”, disse ele. “Deixe a memória percorrer o seu caminho, como um ministro de Deus com sua repreensão, castigo e tristeza. Deus transformará o ‘poderia ter sido’ em algo maravilhoso [lugar de crescimento] para o futuro.”

Nos dias do Antigo Testamento, quando Deus enviou o povo de Israel para o exílio na Babilônia, Ele lhes disse para servi-lo naquela terra estrangeira e crescer na fé até que Ele os trouxesse de volta à casa deles. “Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais” (v.11).

Deus os exortou a não ignorar ou prender-se aos acontecimentos do passado, mas em vez disso se concentrarem nele e olharem para frente. O perdão do Senhor pode transformar a memória de nossa tristeza em confiança em Seu amor eterno.

Deus pode usar as nossas mais profundas decepções 
para nutrir a nossa fé nele. David C. McCasland“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Perguntas para Deus


Vai nessa tua força […] já que eu estou contigo… vv.14,16


O que você faria se o Senhor aparecesse no meio de seu expediente com uma mensagem? Isto aconteceu com Gideão: “…o Anjo do Senhor lhe apareceu e lhe disse: o Senhor é contigo, homem valente!” Gideão poderia ter respondido com um aceno e engolido em seco, mas disse: “…Se o Senhor é conosco, por que nos sobreveio tudo isto?…” (vv.12,13). Gideão queria entender o porquê parecia que Deus tinha abandonado o Seu povo.

Deus não lhe deu a resposta. Depois que Gideão suportou por 7 anos os ataques dos inimigos, a fome e o esconder-se em cavernas, Deus não explicou por que Ele nunca interveio. O Senhor poderia ter revelado que o motivo era o pecado passado de Israel, mas em vez disso deu-lhe esperança para o futuro, dizendo: “…Vai nessa tua força… eu o ajudarei. Você esmagará todos os midianitas” (vv.14,16).

Você já se questionou por que Deus permitiu o sofrimento em sua vida? Em vez de responder-lhe, Deus pode satisfazê-lo com a Sua presença hoje e lembrá-lo de que você pode confiar na força dele quando se sentir fraco. Quando Gideão finalmente acreditou que Deus estava com ele e o ajudaria, construiu-lhe um altar e o chamou de “O Senhor é paz” (v.24).

Há paz em saber que em tudo o que fizermos e onde formos, iremos com Deus, que prometeu nunca nos deixar e nem abandonar os Seus seguidores.

O que poderia ser melhor do que obter respostas 
para os nossos por quês? Confiar em Deus. Jennifer Benson Schuldt“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Aprender a língua


…encontrei também um altar no qual está inscrito: AO DEUS DESCONHECIDO. v.23


Eu estava numa pequena igreja da Jamaica e disse em meu melhor dialeto local, “Wah Gwan, Jamaica?” A reação foi melhor do que eu esperava, com os sorrisos e aplausos que recebi em troca.

Eu tinha dito apenas a saudação padrão: “O que está acontecendo?” Em Patois [pa-twa], mas para eles estava dizendo: “Preocupo-me o suficiente para falar a sua língua.” Claro que eu não sabia continuar, mas abri uma porta para comunicação.

Quando Paulo, esteve diante do povo de Atenas, ele os fez saber que conhecia a cultura deles, ao mencionar que tinha observado o seu altar ao “AO DEUS DESCONHECIDO”, e ao citar um de seus poetas. Nem todos acreditavam na mensagem de Paulo sobre a ressurreição de Jesus, mas alguns disseram: “A respeito disso te ouviremos noutra ocasião” (Atos 17:32).

À medida que compartilhamos com os outros sobre Jesus e a salvação que Ele oferece, as lições das Escrituras nos mostram que devemos investir o nosso tempo com outras pessoas, aprender um pouco de sua língua, demonstrando interesse e como uma maneira de abrir a porta para anunciar-lhes as boas-novas (1 Coríntios 9:20-23).

Quando descobrimos, “Wah Gwan?” com os outros, será fácil compartilhar o que Deus tem feito em nossa vida.

Antes de anunciar sobre Cristo aos outros, 
deixe-os ver o quanto você se importa com eles. Dave Branon“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Ele entende e se importa


Certamente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si… v.4


Quando lhe foi perguntado se ele achava que a ignorância e a apatia eram problemas na sociedade moderna, o homem brincou: “Não sei e não me importo.”

Acho que muitas pessoas desanimadas se sentem assim sobre o mundo e as pessoas de hoje. Mas quando se trata das perplexidades e preocupações de nossa vida, Jesus as entende perfeitamente, e se importa profundamente. Em Isaías 53, temos uma profecia do Antigo Testamento sobre a crucificação de Jesus, que nos dá um vislumbre do que Ele enfrentou em nosso lugar. “Ele foi oprimido e humilhado, […] como cordeiro foi levado ao matadouro…” (v.7). “…por causa da transgressão do meu povo, foi ele ferido” (v.8). “…ao Senhor agradou moê-lo, fazendo-o enfermar; quando der ele a sua alma como oferta pelo pecado, verá a sua posteridade e prolongará os seus dias; e a vontade do Senhor prosperará nas suas mãos” (v.10).

Na cruz, Jesus voluntariamente suportou nosso pecado e culpa. Ninguém jamais sofreu mais do que nosso Senhor por nós. Cristo sabia o que custaria para salvar-nos de nossos pecados e, em amor, Ele voluntariamente pagou (vv.4-6).

Por causa da ressurreição de Jesus dentre os mortos, Ele está vivo e conosco ainda hoje. Seja qual for a situação que enfrentamos, Jesus a entende e se preocupa. E Ele vai nos amparar.

Ele não está aqui, mas ressuscitou… 
Lucas 24:6 David C. McCasland“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„O maior dos convites


Ah! […] os que tendes sede, vinde às águas; e vós, os que não tendes dinheiro, vinde, comprai e comei… v.1


Recentemente, recebi vários convites via e-mail. Alguns 
convidando-me a participar de seminários “grátis” sobre a aposentadoria, imóveis e seguros de vida que foram imediatamente descartados. Mas o convite para uma reunião em homenagem a um amigo de longa data me fez responder imediatamente: “Sim! Aceito. Convite + Desejo = Aceitação”.

Isaías 55:1 traz um dos maiores convites da Bíblia. O Senhor disse ao Seu povo que estava em circunstâncias difíceis, “Vinde, vós todos os que têm sede, vinde às águas; e os que não tendes dinheiro, vinde, comprai e comei! Vinde, comprai vinho e leite sem dinheiro e sem custo.” Esta é a extraordinária oferta de Deus para a nutrição interior, profunda satisfação espiritual, e vida eterna (vv.2,3).

O convite de Jesus é repetido no último capítulo da Bíblia: “O Espírito e a noiva dizem: Vem! Aquele que ouve, diga: Vem! Aquele que tem sede venha, e quem quiser receba de graça a água da vida” (Apocalipse 22:17).

Muitas vezes pensamos em vida eterna como um início depois de morrermos. Na verdade, ela começa quando recebemos Jesus Cristo como nosso Salvador e Senhor.

O convite de Deus para termos a vida eterna nele é o maior convite de todos! Convite + Desejo = Aceitação.

Quando aceitamos o convite de Jesus para segui-lo, 
toda a nossa vida muda de direção. David C. McCasland“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

„Tendo bons frutos


Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto… v.3


A vista da minha janela do avião era marcante: uma fita estreita de campos de trigo maduros e pomares entre duas montanhas áridas. Um rio atravessava o vale. Água gerando vida, sem a qual não haveria qualquer fruto.

Assim como uma colheita abundante depende de uma fonte de água limpa, a qualidade do “fruto” em minha vida, as minhas palavras, ações e atitudes dependem do meu alimento espiritual. O salmista descreve isso no Salmo 1: A pessoa “…cujo prazer está na lei do Senhor […]. É como a árvore plantada junto a corrente de águas, que no devido tempo, dá o seu fruto…” (vv.1-3). E Paulo escreve em Gálatas 5 que aqueles que andam em sintonia com o Espírito são marcados por “amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio…” (vv.22,23).

Às vezes, a minha perspectiva sobre as minhas circunstâncias azeda, ou minhas ações e palavras tornam-se persistentemente indelicadas. Não há bons frutos, e percebo que não investi tempo em quietude diante da Palavra de Deus. Mas quando o ritmo dos meus dias está enraizado na confiança em Deus, produzo bons frutos. A paciência e a gentileza caracterizam as minhas interações com os outros; e é mais fácil escolher a gratidão do que murmurar.

O Deus que se revelou a nós é a nossa fonte de força, sabedoria, alegria, compreensão e paz (Salmo 119:28,98,111,144,165). Ao fortalecermos a nossa alma nas palavras que nos levam a Ele, a obra do Espírito de Deus se tornará clara em nossa vida.

O Espírito de Deus habita em Seu povo, 
a fim de trabalhar por meio deles. Peter Chin“

—  pão_diário_é_só_noticias_boas

Dilma Rousseff photo
John Locke photo

„Não se revolta um povo inteiro senão quando a opressão é geral.“

—  John Locke Filósofo e médico inglês. pai do liberalismo clássico. 1632 - 1704

John Locke citado em "Dicionário de pensamentos: máximas, aforismos, paradoxos, provérbios, etc ..." - Página 370, ‎de Folco Masucci - Publicado por Ed. Leia, 1968 - 685 páginas
Citações Atribuidas

Ruy Barbosa photo
Karl Marx photo

„O povo que subjuga outro, forja suas próprias cadeias.“

—  Karl Marx filósofo, economista e sociólogo alemão 1818 - 1883

Adam Smith photo

„A riqueza de uma nação se mede pela riqueza do povo e não pela riqueza dos príncipes.“

—  Adam Smith 1723 - 1790

Uma Investigação Sobre a Natureza e a Causa da Riqueza das Nações

João Baptista de Oliveira Figueiredo photo

„Não posso obrigar o povo a gostar de mim. Sou o que sou, não vou mudar para que o povo goste.“

—  João Baptista de Oliveira Figueiredo militar e político brasileiro, 30º presidente do Brasil 1918 - 1999

Fonte: Brasil:uma história, por Eduardo Bueno, página 383, editora Ática, ISBN 8508082134, 9788508082131

José Saramago photo

„Integridade moral de Deus

O Senhor vinga e fica furioso. . . . O Senhor é bom. . . e Ele conhece aqueles que confiam nEle. - Naum 1: 2,7

Bertrand Russell tornou-se ateu depois de ler as palavras de Jesus sobre o inferno. Ele aparentemente queria um Deus que nunca se zangasse ou punisse ninguém. O Dr. Russell certamente não gostaria que a leitura das Escrituras de hoje, que fala de Deus como Aquele que “vinga e está furioso”.

Pessoalmente, eu teria dificuldade em acreditar em um Deus que nunca se zangou e não puniu o pecado. Tal Deus não seria um bom Deus. O que você acha, por exemplo, de uma testemunha de um assassinato brutal que não sentiu emoção e permaneceu indiferente para punir o transgressor? Você consideraria essa pessoa uma boa pessoa? Dificilmente!

Deus nos dá um livre arbítrio e geralmente não nos impede de realizar nossas escolhas erradas. Mas Ele nos considera responsáveis ​​e nos julgará.

Nos dias de Naum, os ninivitas eram um povo cruel que cometiam atrocidades inacreditáveis. Mas o profeta assegurou aos israelitas que Deus viu a iniquidade daquelas pessoas, ficou enfurecido com isso e punia-os justamente.

Eu sou grato que Deus possui esse tipo de integridade moral. Dá-me razão para confiar nEle para guardar todas as Suas promessas, e isso me assegura que Ele corrigirá todos os erros da história.

Às vezes parece que o pecado é ignorado
E o mal tem o seu caminho;
Mas não se engane, os olhos de Deus não estão fechados;
Ele vai nos julgar algum dia. —Sesper

O julgamento de Deus pode não ser imediato, mas é inevitável. Herbert Vander Lugt“

—  ministério_pão_diário

„Uma maioria de um

Com ele é um braço de carne; mas conosco é o Senhor nosso Deus. - Escritura de hoje :
2 Crônicas 32: 1-8

Quando Senaqueribe, rei da Assíria, invadiu Judá, Ezequias soube que a cidade de Jerusalém seria atacada, então ele entrou em ação para defender a cidade. Ele construiu a parede quebrada e levantou outro fora dela. Ele também “fez armas e escudos em abundância” e “pôs capitães militares sobre o povo” (vv.5-6).

Mas seria preciso mais do que isso para salvar a cidade do ataque dos poderosos exércitos de Senaqueribe. Então Ezequias convocou as pessoas para encorajá-las. Em face de sua situação aparentemente sem esperança, ele declarou: “Há mais conosco do que com ele” (v.7).

Como ele poderia dizer isso? Ele dá a resposta no versículo seguinte: “Com [Senaqueribe] é um braço de carne; mas conosco está o Senhor nosso Deus, para nos ajudar e combater nossas batalhas. ”Essa era a esperança deles. Senaqueribe tinha poder, homens e prestígio - “um braço de carne” -, mas os habitantes de Jerusalém tinham o Senhor!

Existe algum "inimigo" pressionando você hoje? Você se sente como se a oposição estivesse prestes a esmagá-lo e destruí-lo? Tudo parece sem esperança? Tome coração, filho de Deus! Com o Senhor do seu lado, você nunca está em desvantagem.

Refletir e Orar
Uma poderosa fortaleza é o nosso Deus,
um baluarte que nunca falha;
Nosso ajudador Ele, em meio ao dilúvio
De males mortais prevalecentes. —Lutter

Um mais Deus é sempre uma maioria. Richard DeHaan“

—  ministério_pão_diário

„Diga como é

Você sempre resiste ao Espírito Santo; como seus pais fizeram, você também. - Escritura de hoje : Atos 7: 51-60

É difícil ser aquele que leva notícias indesejadas. O meteorologista da TV pode incomodar as pessoas apenas prevendo que vai chover no dia 4 de julho. Não é culpa dele ou dela, mas o meteorologista ainda leva o calor para trazer a mensagem.

Em uma nota muito mais séria, quando Estêvão se dirigiu aos líderes religiosos de Israel, ele incorreu em sua ira porque ele corajosamente disse a eles a verdade sobre eles mesmos. Ele criticou seus ancestrais e envolveu todo o conselho no assassinato de Jesus Cristo. Tudo o que ele disse era verdade. Então, o que eles fizeram com essa acusação? Eles "rangiam com os dentes" (Atos 7:54). Eles o expulsaram da cidade e o mataram. Porque ele disse a verdade, Stephen morreu sob uma barragem de pedras.

Quando falamos de pureza, justiça e piedade em um mundo pecaminoso e amante do prazer que parece destinado a se autodestruir, nós também seremos criticados. Mas não importa o que aconteça a nós, podemos invocar a Deus como Stephen fez. Podemos nos confortar sabendo que pertencemos a Ele e que, em última análise, Ele nos justificará.

Como povo de Deus, vamos orar para que tenhamos a coragem de dizer como é.

Refletir e Orar
Senhor, dá-nos coragem para falar
contra os males dos nossos dias;
Somente quando a verdade é conhecida, os
pecadores podem escolher o melhor caminho. —DJD

É melhor declarar a verdade e ser rejeitado do que retê-lo apenas para ser aceito. Dave Branon“

—  ministério_pão_diário

Carlos Drummond de Andrade photo
Adolf Hitler photo
Michail Bakunin photo
Julio César photo

„Há nos confins da Ibéria um povo que nem se governa nem se deixa governar.“

—  Julio César Consul Vitalício romano/Ditador romano -100 - -44 a.C.

João Baptista de Oliveira Figueiredo photo
Ruy Barbosa photo
Abraham Lincoln photo

„Democracia é o governo do povo, pelo povo e para o povo.“

—  Abraham Lincoln 16° Presidente dos Estados Unidos 1809 - 1865

Democracy: government of the people, by the people, for the people
citado em "Abraham Lincoln; the tribute of a century, 1809-1909: commemorative of the Lincoln centenary and containing the principal speeches made in connection therewith"‎ - Página 35, Nathan William MacChesney - A.C. McClurg & Co., 1910 - 555 páginas

Paulo Freire photo
Olavo de Carvalho photo
Castro Alves photo
Adolf Hitler photo
Charles Spurgeon photo

„Meu povo ora por mim.“

—  Charles Spurgeon 1834 - 1892

My people pray for me.
Quando perguntado sobre seu sucesso; citado em "C.H. Spurgeon, an interpretative biography" - página 9, John Charles Carlile - The Religious Tract Society and The Kingsgate Press, 1934 - 309 páginas.
Atribuídas

Afonso Henriques de Lima Barreto photo

„O Brasil não tem povo, tem público.“

—  Afonso Henriques de Lima Barreto escritor e jornalista brasileiro 1881 - 1922

citado em "O império do grotesco" - Página 151; de Muniz Sodré, Muniz Sodre - Raquel Paiva, Raquel Paiva - Publicado por Mauad Editora Ltda, 2002 ISBN 8574780618, 9788574780610 - 154 páginas
Outras citações

Confucio photo
Henry Ford photo
Jair Bolsonaro photo
Jean Jacques Rousseau photo

„Maquiavel, fingindo dar lições aos Príncipes, deu grandes lições ao povo.“

—  Jean Jacques Rousseau, livro Do Contrato Social

Maquiavel [...] en feignant de donner des leçons aux rois, il en a donné de grandes aux peuples.
Du contrat social ou Principes du droit politique - página 93 http://books.google.com.br/books?id=xw8h2k-MIvoC&pg=PA93, Jean-Jacques Rousseau - 1762
Do Contrato Social

Joseph Goebbels photo
Maximilien Robespierre photo

„Não é por um povo que combatemos, mas pelo universo! Não pelos que vivem hoje, mas por todos aqueles que existirão.“

—  Maximilien Robespierre político francês 1758 - 1794

n'est pas pour un peuple que nous combattons , mais pour l'univers? pour les hommes qui vivent aujourd'hui , mais pour tous ceux qui existeront?
Œuvres de Maximilien Robespierre: avec une notice historique, des notes et des commentaires, Volume 3‎ - Página 468 http://books.google.com.br/books?id=f4YfAAAAYAAJ&pg=PA468, Maximilien Robespierre, Laponneraye, Armand Carrel - Chez l'éditeur, 1840

Madre Teresa de Calcutá photo
João Baptista de Oliveira Figueiredo photo
Nicolau Maquiavel photo

„Para bem conhecer o caráter do povo, é preciso ser príncipe, e para bem conhecer o do príncipe, é preciso pertencer ao povo.“

—  Nicolau Maquiavel, livro O Príncipe

O Príncipe
Variante: Para bem conhecer a natureza dos povos, é necessário ser príncipe, e para bem conhecer a dos príncipes, é necessário pertencer ao povo.

Josef Stalin photo

„Líderes vão e vem, mas o povo permanece. Apenas o povo é imortal.“

—  Josef Stalin secretário geral do Partido Comunista da União Soviética 1879 - 1953

Eduardo Galeano photo
Hannah Arendt photo
Adam Smith photo
John Wesley photo
Luiz Inácio Lula da Silva photo
Luiz Inácio Lula da Silva photo

„Descobri no governo que a esquerda faz oposição, mas direita tenta dar golpes todos os dias, e resolvi que iria enfrentá-los com o povo, com os movimentos sociais, e não ficar no gabinete lendo os jornais deles.“

—  Luiz Inácio Lula da Silva político brasileiro, 35º presidente do Brasil 1945

Em Porto Alegre, num comício para campanha eleitoral de Dilma em 30 de julho de 2010
Oposição, 2010
Fonte: Portal Vermelho http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=134211&id_secao=1, 30/07/2010

Florestan Fernandes photo

„Um povo educado não aceitaria as condições de miséria e desemprego como as que temos“

—  Florestan Fernandes 1920 - 1995

Fonte: Nova Escola, 1991 http://revistaescola.abril.com.br/edicoes/0189/aberto/mt_122228.shtml

Olavo de Carvalho photo
Abraham Lincoln photo
António Lobo Antunes photo
Luiz Inácio Lula da Silva photo
Olavo Bilac photo
William Shakespeare photo
Gerson De Rodrigues photo

„Homem e o Conhecimento – Uma Alegoria dialética.

Certa vez, um filósofo em busca de conhecimento e sabedoria foi ao encontro de um velho Monge, conhecido por seus grandes feitos na literatura e no conhecimento mundial.

Esse monge, conhecido como ‘’ Thoth o Sábio’’ Vivia no alto de um monte em uma biblioteca pessoal de livros escritos por ele mesmo.

Ao subir o grande monte com muito esforço e dedicação e adentrar os portões de ouro da sagrada biblioteca, o Filósofo se surpreende com aquele velho monge. Que se encontrava sentado em meio aos livros em posição de Lótus expressando tamanha sabedoria.

Com cautela, o Filósofo calmamente indaga uma forte questão ao sábio monge. Questão da qual, nunca a ele foi dirigida antes

― Como podes um homem tão sábio, possuir tamanha certeza de sua vasta sabedoria? Poderias tu, me guiar a sabedoria do mundo?

O Monge, abre calmamente seus olhos que antes estavam fechados e meditando calmamente. Ainda sentado na posição de Lótus, respondeu friamente

― Quem eres essa tola alma que ousas dirigir-me a palavra?

O Filósofo, ao ser chamado de tolo sorriu de maneira irônica com o canto de sua boca.

― Sou apenas um jovem poeta, um velho filósofo, muitas histórias eu escutei sobre ti. Homens que o seguem como um deus, mulheres que o idolatram como um símbolo, crianças que leem seus livros e tornam-se jovens revolucionários. Pensei, se tamanha mente existe, o que seria de mim então? Um tolo. Tu és de fato, o mais sábio dos homens por isso escalei o mais alto dos montes, com o único objetivo de conhecer o mais sábio dos homens.

O Sábio monge, orgulhoso de sua vasta sabedoria sendo elogiada por um jovem Filósofo. Se levanta, e caminha a um de seus muitos livros naquela vasta biblioteca. Pega um deles, intitulado ‘’ A Sabedoria do mundo’’ e então, abre em uma página com uma precisa marcação começando então a leitura de sua citação

― E era a sabedoria de Salomão maior do que a sabedoria de todos os do oriente e do que toda a sabedoria dos egípcios. Tudo isto provei-o pela sabedoria; eu disse: Sabedoria adquirirei; mas ela ainda estava longe de mim. E vinham de todos os povos a ouvir a sabedoria de Salomão, e de todos os reis da terra que tinham ouvido da sua sabedoria. Andai com sabedoria para com os que estão de fora, remindo o tempo. Com ele está a sabedoria e a força; conselho e entendimento

Após escutar tal citação, o Filósofo reconhece que tal pensamento, não poderia ter advindo de tal homem, ele então indagou

― Essa citação do seu livro, não eres da Bíblia sagrada? Tenho certeza que eu poderia encontra-la em Jó 12:13.

O Monge, cai em gargalhadas. Colocando seu livro sobre uma velha mesa, perguntou ao Filósofo.

― E não são os homens diabos copiadores? Todo conhecimento adquirido pelo homem, adveio de outro homem mais sábio.

O Filósofo furioso, começa a caminhar por toda a biblioteca pegando todos os livros e abrindo-os de um a um.

― Friedrich Nietzsche, Zaratustra, William Godwin, Schopenhauer, mas isso é um absurdo! Como pode se dizer o grande sábio? Se nenhum destes livros foi escrito por você, são apenas ideias de outros homens! Você é uma grande fraude!!

Gritava o filósofo enquanto verificava e arremessava cada livro nas estantes.

O Monge, ainda mantendo sua plena calma, indaga ao Filósofo uma simples questão.

― Poderia me dizer, o que achas sobre Deus?

O Filósofo, escutando tal pergunta simples e tola responde rapidamente sem pestanejar

― Uma fantasia criada por homens, um mero mito, uma ideia, deus a muito tempo morreu e somos hoje homens da ciência!

O Monge caindo em gargalhadas responde

― Ainda não percebeu não é? Tudo o que disse, veio de outras mentes eu poderia categorizar sua resposta com o nome e o livro de cada pensador.

O Filósofo, escutando tal resposta começa a refletir, refletindo ele responde calmamente

― Não… essa resposta veio da minha mente, eu apenas a aprendi ao longo dos anos. No entanto, não me intitulo o grande sábio.

― Então poderia me dar uma resposta a respeito da existência de Deus, sem mencionar ou pensar sobre alguma literatura que leu ou aprendeu durante seus longos anos de vida? Perguntou o Monge.

O Filósofo caminha de um lado para o outro, seus neurônios queimando como um vulcão

― Mas é impossível! Desde os pré-socráticos a mente do homem… vem aprendendo e evoluindo como um coletivo, esse desafio que me propôs é humanamente impossível.

Respondeu o Filósofo com uma tonalidade séria em sua voz.

O Monge calmamente pega um caderno velho, com anotações por todas suas folhas e entrega nas mãos do Filósofo.

― Esta vendo cada anotação? Cada ideia? Todas as ideias que eu tive, toda a reflexão, em algum momento ela nasceu de algum outro homem. Até mesmo Nietzsche se inspirou em Stirner, todos os homens compartilham de uma filosofia coletiva, de uma ciência mental. Não se pode ser sábio, se negar o conhecimento preestabelecido pela humanidade.

O Filósofo confuso, vendo tais anotações enquanto sua mente conectava cada referência literária, coloca o caderno sobre a mesa e pergunta

― Como um monge, intitulado o sábio, nada mais é do que qualquer outro Filósofo, escritor ou homem que pisou nesse planeta? Me diga, o que diferencia você dos outros homens?

O Monge, caminha até o Filósofo enquanto desvia das pilhas de livros, coloca a mão em seu ombro e pede que o siga. Ambos sobem uma escada, que leva ao segundo andar daquela biblioteca. Aonde um grande telescópio apontando para o céu os aguardava

― Por favor, veja com seus próprios olhos

O Filósofo, se aproxima do telescópio e ao observar a imensidão do cosmos é chocado por uma realidade assustadora. Diante de seus olhos, foram apresentadas incontáveis galáxias, planetas e mundos distantes.

O Filósofo é claro, já havia lido em livros de astronomia sobre a imensidão do cosmos, mas nunca de fato o viu com seus próprios olhos.

O Filósofo então, ao tornar-se o sábio monge realizou em sua primitiva mente de macaco, que mesmo lendo todos os livros já escritos. O conhecimento realizado pelo homem, de nada importa para o universo.

Pois tudo que conhecemos, ou iremos conhecer não passa de um leve suspiro de uma criança que acabou de nascer mas morreu logo depois do parto.

A vida, a existência tudo o que conquistamos, ou iremos conquistar. É apenas um grito ecoante de desespero para nos convencer que somos importantes, mas no fundo todos nós sabemos que somos inúteis.

O Velho filósofo, tornou-se o sábio monge.

Sábio, por reconhecer o seu lugar no nada, como um nada. Pois mesmo com todo o conhecimento do mundo, o nosso mundo é apenas um pontinho luminoso no céu…“

—  Gerson De Rodrigues poeta, escritor e anarquista Brasileiro 1995

Napoleão Bonaparte photo

„Mostre-me uma família de leitores, e lhe mostrarei o povo que dirigirá o mundo.“

—  Napoleão Bonaparte monarca francês, militar e líder político 1769 - 1821

Atribuídas

Papa João Paulo II photo
João Baptista de Oliveira Figueiredo photo

„Peço ao povo que me esqueça“

—  João Baptista de Oliveira Figueiredo militar e político brasileiro, 30º presidente do Brasil 1918 - 1999

João Baptista de Oliveira Figueiredo citado em "O corpo-a-corpo não pode ser assim", por Malu Gaspar e Alexandre Oltramari; Revista Veja http://veja.abril.com.br/131102/p_036.html, Edição 1 777 - 13 de novembro de 2002

Leonel Brizola photo
Emile Zola photo
Wilhelm Reich photo

„Pensamentos como 'onde há fumaça há fogo' ou o 'não sou eu quem estou dizendo é o povo que está falando', são justificativas dos fofoqueiros.“

—  Reginaldo Rodrigues Consultor, Professor, Palestrante, Articulista, Comunicador 1971

Livro Marketing Pessoal - Onde Você Está? O Mercado Quer te Encontrar

Jair Bolsonaro photo
Luiz Inácio Lula da Silva photo

„Eu não quero saber se o João Castelo [prefeito de São Luís] é do PSDB, não quero saber se o outro é do PFL, não quero saber se é do PT, eu quero saber se o povo está na merda e eu quero tirar o povo da merda em que ele se encontra. Esse é o dado concreto“

—  Luiz Inácio Lula da Silva político brasileiro, 35º presidente do Brasil 1945

Em 10 de dezembro de 2009, na cerimônia de assinatura de contratos do programa Minha Casa, Minha Vida, em São Luís, no Maranhão.
Gerais, 2009
Fonte: Folha da Região http://www.folhadaregiao.com.br/noticia?125206

Luiz Inácio Lula da Silva photo
Mustafa Kemal Atatürk photo

„São os professores, somente eles, quem libertam os povos e transformam as coletividades em verdadeiras nações.“

—  Mustafa Kemal Atatürk marechal de campo e estadista revolucionário turco 1881 - 1938

Fonte: BLANCO VILLALTA, Kemal Ataturk, 7ª ed. Ediciones Agon: Buenos Aires, 1993

Noam Chomsky photo
Fernando Henrique Cardoso photo

„O povo deve estar se perguntando: vocês são peixe ou carne de vaca? Temos de dizer claramente quem somos.“

—  Fernando Henrique Cardoso Sociólogo e político brasileiro, ex-presidente do Brasil 1931

Em crítica a aproximação do Partido da Social Democracia Brasileira com Lula.
ISTO É. Frases 2007. Edição n° 1991. 26 de dezembro de 2007 p. 106.

Maximilien Robespierre photo
Herbert Hoover photo

„Quando há falta de honra do governo, a moral de todo o povo estará envenenada.“

—  Herbert Hoover 1874 - 1964

When there is a lack of honor in government, the morals of the whole people are poisoned.
Citado no New York Times (9 de agosto de 1964)