Frases sobre prostitutas

Uma coleção de frases e citações sobre o tema da prostituta.

Tópicos relacionados

Total 32 citações prostituta, filtro:


Jair Bolsonaro photo

„Competência? É problema do deputado. Se quiser botar uma prostituta no meu gabinete, eu boto. Se quiser botar a minha mãe, eu boto. É problema meu.“

—  Jair Bolsonaro 38º Presidente do Brasil 1955

A respeito da proposta de Emenda Constitucional que tornaria ilegal o nepotismo nos três poderes. 05/03/2007.
Década de 2000, 2007
Fonte: http://www.agenciabrasil.gov.br/noticias/2007/03/05/materia.2007-03-05.8339277579/view

Honoré De Balzac photo
Bertolt Brecht photo
Tim Maia photo
Antônio Carlos Jobim photo
Freddie Mercury photo

„Eu sou uma prostituta musical, querido.“

—  Freddie Mercury cantor e compositor britânico 1946 - 1991

Freddie Mercury, Queen, em entrevista

„Evangelismo Honesto

Me limpe do meu pecado. . . . Então eu ensinarei os transgressores Seus caminhos. -

Salmo 51: 2,13 Escritura de hoje :
Salmo 51

Se os cristãos fossem mais honestos sobre sua própria pecaminosidade, seriam mais eficazes em alcançar descrentes para Cristo.

Philip Yancey contou sobre uma prostituta, doente e sem comida, que pediu ajuda a um trabalhador cristão do centro da cidade. Quando ele sugeriu que ela deveria ir a uma igreja, ela respondeu: “Igreja! Por que eu iria lá? Eles me fazem sentir pior do que eu já faço!

Nós, que freqüentamos regularmente a igreja, costumamos ter um rosto feliz ou parecermos piedosos na manhã de domingo. Isso pode dar a impressão de que nunca lutamos contra a tentação ou não atingimos o alto padrão que professamos. Não é de admirar que muitas pessoas de rua ou pessoas que visitam a igreja tenham a impressão de que são os únicos que estão lá.

Isto não é para sugerir que devemos tornar públicos todos os nossos pensamentos e ações pecaminosos. Pelo contrário, a solução para esta situação começa com total honestidade sobre nós mesmos como a expressa por Davi no Salmo 51. Se admitirmos a nós mesmos nossas próprias tendências pecaminosas e reconhecermos nossa própria capacidade para o mal, não transmitiremos uma atitude mais santa do que tu. . Os pecadores de baixo para cima sentirão isso, e Deus então poderá nos usar para “ensinar aos transgressores [Seus] caminhos” (Sl. 51:13).

Refletir e Orar
Oração
Senhor Jesus, ajude-nos a ser honestos sobre o nosso pecado
e nossa necessidade da Tua graça. Ajude-nos a ser
o tipo de pessoa que atrai os outros para você.

Conhecer o potencial para o pecado em nosso coração nos dá um coração mais compreensivo para os pecadores. Herbert Vander Lugt“

—  ministério_pão_diário

Tim Maia photo
Friedrich Engels photo
Pitirim Sorokin photo

Help us translate English quotes

Discover interesting quotes and translate them.

Start translating
William Shakespeare photo

„Eu rezo por ninguém além de mim mesmo: Grant, eu posso nunca ser tão afeiçoado; Confiar no homem em seu juramento ou vínculo; Ou uma prostituta, por seu choro; Ou um cachorro que parece estar dormindo: Ou um guardião com minha liberdade; Ou meus amigos, se eu precisar deles.“

—  William Shakespeare dramaturgo e poeta inglês 1564 - 1616

I pray for no man but myself: Grant I may never prove so fond, To trust man on his oath or bond; Or a harlot, for her weeping; Or a dog, that seems a-sleeping: Or a keeper with my freedom; Or my friends, if I should need 'em.
Timon of Athens in: The Dramatic Works of William Shakepeare: With Explanatory Notes. To which is Added a Copious Index to the Remarkable Passages and Words, Volume 2, página 807 https://books.google.com.br/books?id=cMgjAAAAMAAJ&pg=PA807, William Shakespeare, ‎Samuel Ayscough - J. Stockdale, 1807
Outras obras

Philip Kerr photo
Acelino Freitas photo

„Eu era um prostituto, traía minha mulher todo dia.“

—  Acelino Freitas Ex-pugilista brasileiro 1975

tricampeão mundial de boxe, garantindo que os tempos de esbórnia acabaram depois que ele se converteu ao evangelho e que hoje é fiel à mulher
Fonte: Revista Veja http://veja.abril.com.br/130405/vejaessa.html; Edição 1900 . 13 de abril de 2005

Paula Lavigne photo

„Virei prostituta cultural para fazer filmes. Eu ofereço sociedade às empresas, mostro as possibilidades de retorno. É troca de interesses“

—  Paula Lavigne atriz brasileira 1969

Sobre a captação de recursos para filmar no Brasil, em outubro
Fonte: Revista IstoÉ Gente!, n. 332

Jean Wyllys photo
Nélson Rodrigues photo

„Eu sempre falo nas minhas palestras, que a única coisa boa que o branco fez para o Brasil foi trazer as várias etnias, foi a única coisa boa, senão hoje a gente não estava nessa balbúrdia aí, hoje a gente vai para Pernambuco e tem lá uma etnia completamente diferente da que viveu em Salvador, completamente diferente da que viveu no Rio, completamente diferente da que viveu lá no Maranhão, então a gente teve os Ebás e Ibôs, lá em Pernambuco, aqui a gente teve os povos de Ketu, Ioruba, mais para cima a gente teve os Jeje e o Jeje Marri, isso pra mim foi a grande balbúrdia da parada que os brancos, fizeram. Eu não sou racista, mas foi a única coisa boa que os caras fizeram, todo mundo acha que vieram para cá os grandes e poderosos, não vieram! Quando os brancos chegaram aqui, vieram os traficantes, matadores, estupradores, ladrões, prostitutas foram esses que vieram para cá. A coroa portuguesa só trouxe quem não prestava para cá, e quando resolveu trazer os negros, trouxeram os reis, rainhas e seus súditos, vieram cortejos inteiros! E hoje a gente vive isso aí, o legal disso tudo são as diferenças, nós somos diferentes, mas somos iguais, iguais nos direitos e nos deveres. Eu acho maravilhoso essa dicotomia de sotaques, o que difere a gente é só sotaque, a gente é muito igual e quando você começa a descobrir isso é felicidade e está sendo até hoje, porque eu sempre busco literatura, tô sempre buscando grandes escritores.“

—  Alexandre Garnizé 1971

Revista África e Africanidades http://www.africaeafricanidades.com.br/documentos/Entrevista_com_Garnize.pdf
"Tenho um livro de cabeceira que não largo, um livro chamado “Agadá dinâmica da civilização africano-brasileira”, do Marco Aurélio de Oliveira Luz, eu indico para todo mundo. Tem outro que é “Águas de Oxalá” de José Beniste, “Orun Ayê” também, que é maravilhoso. Lepê Correia, que escreve poesias maravilhosas, um grande poeta negro pernambucano Solano Trindade, muita gente, muita gente importante que nós temos. Nós somos um povo sem memória e um povo sem memória é um povo sem história, a gente tem que começar a valorizar o nosso panteão negro de escritores, músicos, de mulheres guerreiras que se parecem tanto com a Acotirene, Aqualtune e Rainha Nzinga Onde eu vou eu estou com um livro, vivo catando livros, eu não deixo de ler, eu sou um leitor nato, é chato ficar falando isso, porque pode parecer pedância minha, mas onde eu vou, eu estou com um livro, se eu viajo eu levo um livro. Tá na hora de a gente começar a traficar informação, porque ao invés de traficar drogas os caras não traficam livros, vamos propor um dia traficar livros, vamos trocar, fazer esse escambo, você me dá um livro seu e eu te dou um livro meu, não fizeram troca de armas? Você dava uma arma e ganhava uma grana. Vamos entupir as comunidades com livros, encher as comunidades de bibliotecas e abrir espaço para juventude negra, pro pobre que mora na periferia ler, porque a gente não lê? Não lê porque o livro é caro no Brasil, é muito caro, eu lembro que com 10 dólares em cuba, eu comprei uns 20 livros, te juro! Lá você compra um livro a centavos, por isso sou fã de sebos de CDs e de livros, e também de brechós."
Revista África e Africanidades http://www.africaeafricanidades.com.br/documentos/Entrevista_com_Garnize.pdf

Philippa Gregory photo
Paulo Queiroz photo