„A maior faculdade que nossa mente possui é, talvez, a capacidade de lidar com a dor. O pensamento clássico nos ensina sobre as quatro portas da mente, e cada um cruza de acordo com sua necessidade.

Primeiro, existe a porta do sono. O sono nos oferece uma retirada do mundo e de todo o sofrimento que há nele. Marca a passagem do tempo, dando-nos um distanciamento das coisas que nos magoaram. Quando uma pessoa é ferida, é comum ficar inconsciente. Do mesmo modo, quem ouve uma notícia dramática comumente tem uma vertigem ou desfalece. É a maneira de a mente se proteger da dor, cruzando a primeira porta.
Segundo, existe a porta do esquecimento. Algumas feridas são profundas demais para cicatrizar, ou profundas de mais para cicatrizar depressa. Além disso, muitas lembranças são simplesmente dolorosas e não há cura alguma a realizar. O provérbio 'O tempo cura todas as feridas' é falso. O tempo cura a maioria das feridas. As demais ficam escondidas atrás dessa porta.
Terceiro, existe a porta da loucura. Há momentos em que a mente recebe um golpe tão violento que se esconde atrás da insanidade. Ainda que isso não pareça benéfico, é. Há ocasiões em que a realidade não é nada além do penar, e, para fugir desse penar, a mente precisa deixá-la para trás.
Por último, existe a porta da morte. O último recurso. Nada pode ferir-nos depois de morrermos, ou assim nos disseram.“

The Name of the Wind

Última atualização 30 de Abril de 2022. História

Citações relacionadas

Mário Quintana photo
William Faulkner photo
Baltasar Gracián photo
Alexander Graham Bell photo

„Quando uma porta se fecha, outra se abre. Mas muitas vezes nós ficamos olhando tanto tempo, tristes, para a porta fechada que nem notamos aquela que se abriu.“

—  Alexander Graham Bell 1847 - 1922

When one door closes another door opens; but we so often look so long and so regretfully upon the closed door, that we do not see the ones which open for us.
citado em "Lifetime speaker's encyclopedia‎" - Volume 1,Página 524, Jacob Morton Braude - Prentice-Hall, 1962 - 1224 páginas

Daniel Defoe photo

„O vício chega às portas da necessidade, não às portas da inclinação.“

—  Daniel Defoe escritor inglês conhecido pela sua obra "Robinson Crusoé" 1660 - 1731

Harrison Ford photo

„[ quando perguntado: Se o céu existe, o que você quereria que deus lhe diga nas portas de pérolas ] "o seu olhar é muito melhor em pessoa."“

—  Harrison Ford Ator norte-americano 1942

[When asked: If heaven exists, what would you want God to say to you at the pearly gates] "You're a lot better looking in person."

Dalai Lama photo
Graciliano Ramos photo
Lucio Anneo Seneca photo
Paulo Coelho photo
Friedrich Hebbel photo

„Amor é um arder, que se não sente; É ferida, que dói, e não tem cura“

—  Abade de Jazente 1719 - 1789

do poema "Amor é um arder, que se não sente"

Françoise Sagan photo
José Saramago photo

Tópicos relacionados