Frases de Patrick Rothfuss

Patrick Rothfuss photo
20   53

Patrick Rothfuss

Data de nascimento: 6. Junho 1973

Patrick James Rothfuss é um escritor de fantasia americano. Ele é o autor da série A Crônica do Matador do Rei. O primeiro livro da série, uma trilogia, O Nome do Vento, que é também seu romance de estreia, fez grande sucesso e foi aclamado pela crítica, entrando para a lista dos mais vendidos do New York Times. O segundo livro da série, The Wise Man's Fear , foi publicado em 1º de março de 2011 nos Estados Unidos.

Obras

O Nome do Vento
O Nome do Vento
Patrick Rothfuss
The Wise Man's Fear
Patrick Rothfuss

Citações Patrick Rothfuss

„A maior faculdade que nossa mente possui é, talvez, a capacidade de lidar com a dor. O pensamento clássico nos ensina sobre as quatro portas da mente, e cada um cruza de acordo com sua necessidade.

Primeiro, existe a porta do sono. O sono nos oferece uma retirada do mundo e de todo o sofrimento que há nele. Marca a passagem do tempo, dando-nos um distanciamento das coisas que nos magoaram. Quando uma pessoa é ferida, é comum ficar inconsciente. Do mesmo modo, quem ouve uma notícia dramática comumente tem uma vertigem ou desfalece. É a maneira de a mente se proteger da dor, cruzando a primeira porta.
Segundo, existe a porta do esquecimento. Algumas feridas são profundas demais para cicatrizar, ou profundas de mais para cicatrizar depressa. Além disso, muitas lembranças são simplesmente dolorosas e não há cura alguma a realizar. O provérbio 'O tempo cura todas as feridas' é falso. O tempo cura a maioria das feridas. As demais ficam escondidas atrás dessa porta.
Terceiro, existe a porta da loucura. Há momentos em que a mente recebe um golpe tão violento que se esconde atrás da insanidade. Ainda que isso não pareça benéfico, é. Há ocasiões em que a realidade não é nada além do penar, e, para fugir desse penar, a mente precisa deixá-la para trás.
Por último, existe a porta da morte. O último recurso. Nada pode ferir-nos depois de morrermos, ou assim nos disseram.“

—  Patrick Rothfuss, livro O Nome do Vento

The Name of the Wind

Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?

„Por quê? Porque o orgulho é uma coisa estranha, e porque a generosidade merece ser retribuída com generosidade. Mas foi sobretudo por me parecer a coisa certa, e essa é uma razão suficiente.“

—  Patrick Rothfuss, livro O Nome do Vento

The Name of the Wind
Variante: Por quê? Porque o orgulho é uma coisa estranha, e porque a generosidade merece ser retribuída com generosidade. Mas foi sobretudo por me parece a coisa certa, e essa é uma razão suficiente.

Help us translate English quotes

Discover interesting quotes and translate them.

Start translating
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?

„Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Etiam egestas wisi a erat. Morbi imperdiet, mauris ac auctor dictum.“

Aniversários de hoje
Ingmar Bergman photo
Ingmar Bergman13
1918 - 2007
Swami Sivananda photo
Swami Sivananda5
1887 - 1963
Arthur de Gobineau photo
Arthur de Gobineau4
1816 - 1882
Outros 49 aniversários hoje