Frases de George Eliot

George Eliot photo
51   58

George Eliot

Data de nascimento: 22. Novembro 1819
Data de falecimento: 22. Dezembro 1880
Outros nomes: Marian Evans

George Eliot, pseudônimo de Mary Ann Evans , foi uma romancista autodidata britânica.

Usava um nom de plume masculino para que seus trabalhos fossem levados a sério. À época, outras autoras publicavam trabalhos sob seus verdadeiros nomes, mas Eliot queria escapar de estereótipos que ditavam que mulheres só escreviam romances leves. Outro fator que pode ter levado Eliot a usar um pseudônimo masculino era o desejo de preservar sua vida íntima, sobretudo seu relacionamento com George Henry Lewes, um homem casado, com quem viveu por mais de vinte anos.

Seu primeiro trabalho literário, de 1844, foi a tradução da Vida de Jesus de David Strauss. O tema principal dos seus romances, como em Silas Marner, é a vida das pessoas simples, que retrata, com uma sensibilidade reconhecida por várias gerações de leitores, os conflitos do ser humano tais quais a angústia, o desespero e a busca da razão da vida .

Desenvolveu o método da análise psicológico característico da ficção moderna. Sua obra Middlemarch: um estudo da vida provinciana ou A vida era assim em Middlemarch é considerada um dos maiores romances do século XIX. Segundo Virginia Woolf, em um artigo em tributo à escritora, este é "um dos poucos romances ingleses escritos para gente grande" .

Foi sepultada no Cemitério de Highgate, Grande Londres na Inglaterra.

Obras

Adam Bede
George Eliot
Middlemarch
George Eliot
Silas Marner
Silas Marner
George Eliot

Citações George Eliot

„Nunca é tarde demais para ser aquilo que você deveria ser.“

—  George Eliot

Variante: Nunca é tarde demais para ser aquilo que sempre se desejou ser.

„Qual a razão de viver se não for para tornar a vida menos difícil para os outros?“

—  George Eliot, livro Middlemarch

What do we live for, if not to make life less difficult for each other?
Middlemarch (1871), Chapter 72
Variante: Para que nós vivemos a não ser para tornarmos a vida menos difícil para os outros?

„Nunca choverão rosas: se quisermos mais rosas, teremos de plantar mais árvores.“

—  George Eliot

It will never rain roses: when we want to have more roses we must plant more trees
The Spanish Gypsy: A Poem‎ - Página 206 http://books.google.com.br/books?id=wwwOAAAAYAAJ&pg=PA206, de George Eliot - Publicado por Ticknor and Fields, 1868 - 287 páginas

„Ninguém pode ser sábio de estômago vazio.“

—  George Eliot, livro Adam Bede

No man can be wise on an empty stomach
Fontes: Adam Bede (1859), Chapter XXI; Revista Caras, Edição 665.

„Que solidão é mais solitária que a desconfiança?“

—  George Eliot, livro Middlemarch

What loneliness is more lonely than distrust?
Middlemarch (1871), Chapter 44

„Os animais são bons amigos, não fazem perguntas e tampouco criticam.“

—  George Eliot

Variante: Os animais são bons amigos, não fazem perguntas e também não criticam.

Help us translate English quotes

Discover interesting quotes and translate them.

Start translating

„Não existe desespero tão absoluto quanto aquele que surge nos primeiros momentos de nosso primeiro grande sofrimento, quando não conhecemos ainda o que é ter sofrido e ser curado, ter se desesperado e recuperado a esperança.“

—  George Eliot, livro Adam Bede

there is no despair so absolute as that which comes with the first moments of our first great sorrow, when whe have not yet known what it is to have suffered and be healed, to have despaired and to have recovered hope.
Adam Bede: Volume 2 - Página 60 http://books.google.com.br/books?id=e2EoAAAAYAAJ&pg=PA60, George Eliot - Tauchnitz, 1859

„Abençoado o homem que, não tendo nada a dizer, se abstém de demonstrá-lo em palavras evidencias de fato.“

—  George Eliot

Blessed is the man who, having nothing to say, abstains from giving us wordy evidence of the fact
Theophrastus Such, Jubal and other poems and The Spanish gypsy - Página 47 http://books.google.com.br/books?id=hdM8AQAAIAAJ&pg=PA47, George Eliot - Belford, 1839 - 504 páginas

„A paixão torna-se uma força quando encontra saída no trabalho dos nossos braços, na perícia da nossa mão ou na actividade criadora do nosso espírito.“

—  George Eliot

Variante: A paixão torna-se uma força quando encontra saída no trabalho dos nossos braços, na perícia da nossa mão ou na atividade criadora do nosso espírito.

„Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Etiam egestas wisi a erat. Morbi imperdiet, mauris ac auctor dictum.“

Autores parecidos

Jane Austen photo
Jane Austen78
romancista britânica
Emily Brontë photo
Emily Brontë30
Escritora e poetisa britânica
Percy Bysshe Shelley photo
Percy Bysshe Shelley29
escritor britânico
Victor Hugo photo
Victor Hugo391
poeta, romancista e dramaturgo francês
Aniversários de hoje
Rabindranath Tagore photo
Rabindranath Tagore76
Poeta bengali e filósofo 1861 - 1941
Caetano Veloso photo
Caetano Veloso51
músico, produtor, arranjador e escritor brasileiro 1942
Tryon Edwards photo
Tryon Edwards3
1809 - 1894
Nicholas Ray photo
Nicholas Ray2
1911 - 1979
Outros 39 aniversários hoje
Autores parecidos
Jane Austen photo
Jane Austen78
romancista britânica
Emily Brontë photo
Emily Brontë30
Escritora e poetisa britânica