Frases de Woody Allen

Woody Allen foto
114  3

Woody Allen

Data de nascimento:1. Dezembro 1935

Woody Allen, nome artístico de Allan Stewart Königsberg, é um cineasta, roteirista, escritor, ator e músico norte-americano.

Allen trabalhou como um escritor de comédia na década de 1950, escrevendo piadas e roteiros para televisão e publicação de vários livros de peças curtas de humor. No início de 1960, Allen começou a atuar como comediante de stand-up, enfatizando monólogos ao invés de piadas tradicionais. Em seus filmes,ele desenvolveu a personalidade de um intelectual, neurótico, nebbish, inquieto e inseguro, que ele insiste que é bem diferente de sua personalidade na vida real. Em 2004, o Comedy Central classificou Allen em quarto lugar em uma lista de 100 maiores comediantes de stand up, enquanto uma pesquisa no Reino Unido classificou Allen como o terceiro maior comediante.

Em meados da década de 1960, Allen estava escrevendo e dirigindo filmes, o primeiro especializado em comédias pastelão antes de passar para o material dramático influenciado pelo cinema de arte europeu durante os anos 1970. É frequentemente identificado como parte da onda New Hollywood de cineastas de meados dos anos 1960 para final dos anos 70. Allen muitas vezes protagonizou seus filmes, geralmente na personagem que ele desenvolveu como um standup. Dos seus mais de 40 filmes, alguns dos mais conhecidos são Annie Hall , Manhattan , A Rosa Púrpura do Cairo , Hannah e Suas Irmãs , Bullets Over Broadway , Match Point , Vicky Cristina Barcelona , Meia-noite em Paris e Blue Jasmine . O crítico de cinema Roger Ebert descreveu Allen como "Um tesouro do cinema".

Allen foi indicado 23 vezes e ganhou quatro Oscars: três de Melhor Roteiro Original e um de Melhor Diretor . Ele tem mais indicações ao Oscar de roteiro do que qualquer outro roteirista: são dezesseis indicações. Ele ganhou nove BAFTA. Allen apresenta-se regularmente como um clarinetista de jazz em locais pequenos em Manhattan.

Dylan Farrow, filha da atriz Mia Farrow, publicou em 1 de fevereiro de 2014 uma carta aberta no jornal "The New York Times" em que diz que foi abusada sexualmente quando tinha 7 anos por seu pai adotivo Woody Allen.

Citações Woody Allen

„Seja como for, as pessoas dedicadas à religião não querem reconhecer a realidade que contradiz o seu conto de fadas. Se realmente vivermos num universo sem Deus, elas perdem o emprego. O fluxo de dinheiro estagna.

Por outro lado, há pessoas que escolhem viver a sua vida de uma forma completamente egocêntrica e homicida. Essas sentem que, se nada importa e elas podem fazer o que querem sem sofrer consequeências, vão fazê-lo. Mas também podemos ver as coisas de outra maneira: estamos nós e os outros todos, vivos e num barco salva-vidas, e temos de fazer as coisas da maneira mais decente possível para nós e para eles. A mim parece-me que esta seria uma forma de viver muito mais morale "cristã": reconhecermos a terrível verdade da existência humana e, perante isso, ainda escolhermos ser humanos decentes em vez de nos iludirmos sobre a existência de uma qualquer recompensa paradisíaca ou um qualquer castigo infernal. Parecia-me uma atitude muito mais nobre. Se há recompensa, castigo ou qualquer tipo de pagamento e agimos bem, então não estamos a fazer por razões muito nobres - os chamados princípios cristãos. É como os bombistas suicidas que agem alegadamente de acordo com princípios religiosos ou nacionais bastante nobres quando, na verdade, as suas famílias recebem uma recompensa em dinheiro e congratulam-se com um legado heróico - já para não falar da promessa de virgens para os perpetradores, embora me passe completamente ao lado como é que alguém prefere um grupo de virgens a uma mulher altamente experiente.“

— Woody Allen
Conversations with Woody Allen: His Films, the Movies, and Moviemaking

Próximo