„O sofrimento religioso é ao mesmo tempo a expressão do sofrimento verdadeiro e um protesto contra o sofrimento real. A religião é o suspiro da criatura aflita, o coração de um mundo sem coração, é o espírito da situação sem espírito. A religião é o ópio do povo. A abolição da religião como felicidade ilusória é o que falta para sua verdadeira felicidade. Pedir para que descartem as ilusões sobre sua situação é pedir para que descartem a própria situação que necessita de ilusões. A crítica da religião, em seu âmago, a crítica desse vale de lágrimas da qual a religião é a auréola. Essa crítica retirou as flores imaginárias das correntes dos homens, não para que ele continue a usar essas correntes sem consolo ou fantasia, mas para que ele possa quebrar essas correntes e então colher a flor viva.“

Die Religion ist der Seufzer der bedrängten Kreatur, das Gemüt einer herzlosen Welt, wie sie der Geist geistloser Zustände ist. Sie ist das Opium des Volkes.
Crítica da Filosofia do Direito de Hegel. Einleitung. Introdução. MEW 1, S. 378, 1844 MEW 1, p. 378, 1844

Última atualização 21 de Maio de 2020. História

Citações relacionadas

Karl Marx photo
Karl Marx photo
Ernesto Cardenal photo
Oscar Wilde photo
Platão photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Matthew Henry photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Malcolm X photo
Bob Marley photo

„Eu não tenho religião, entendeu? Eu sou o que sou, e eu sou um Rasta, e religião não é… Isso não é religião, isso é a vida.“

—  Bob Marley foi um cantor, guitarrista (raggae) e compositor jamaicano famoso por popularizar o gênero 1945 - 1981

Bob Marley photo

„Não tenho religião eu sou o que sou. Eu sou um Rastafari… E isso não é religião, isso é vida.“

—  Bob Marley foi um cantor, guitarrista (raggae) e compositor jamaicano famoso por popularizar o gênero 1945 - 1981

Friedrich Nietzsche photo
Fernando Pessoa photo
Gilbert Keith Chesterton photo
Robert Burton (acadêmico) photo
Albert Einstein photo

„A ciência sem a religião é manca, a religião sem a ciência é cega.“

—  Albert Einstein 1879 - 1955

Variante: A ciência sem a religião é coxa, a religião sem a ciência é cega.