Frases de João Guimarães Rosa

João Guimarães Rosa photo
218   180

João Guimarães Rosa

Data de nascimento: 27. Junho 1908
Data de falecimento: 19. Novembro 1967
Outros nomes: Guimarães Rosa

João Guimarães Rosa foi um escritor, novelista, contista, diplomata e médico brasileiro, considerado por especialistas como o maior escritor brasileiro de todos os tempos, ao lado de Machado de Assis. Foi o segundo marido de Aracy de Carvalho Guimarães Rosa, conhecida como "Anjo de Hamburgo".

Os contos e romances escritos por Guimarães Rosa ambientam-se quase todos no chamado sertão brasileiro. A sua obra destaca-se, sobretudo, pelas inovações de linguagem, sendo marcada pela influência de falares populares e regionais que, somados à erudição do autor, permitiu a criação de inúmeros vocábulos a partir de arcaísmos e palavras populares, invenções e intervenções semânticas e sintáticas.

Foi eleito membro da Academia Brasileira de Letras em 6 de agosto de 1963 , sendo o terceiro ocupante da cadeira nº02, que tem como Patrono Álvares de Azevedo.

Obras

Grande Sertão: Veredas
Grande Sertão: Veredas
João Guimarães Rosa
Primeiras Estórias
Primeiras Estórias
João Guimarães Rosa
A Terceira Margem do Rio
João Guimarães Rosa
Corpo de Baile
João Guimarães Rosa

Citações João Guimarães Rosa

Help us translate English quotes

Discover interesting quotes and translate them.

Start translating

„Montei, fui trotando travado. Diadorim e o Caçanje iam já mais longe, regulado umas duzentas braças. Arte que perceberam que eu vinha, se viraram nas selas. Diadorim levantou o braço, bateu mão. Eu ia estugar, esporeei, queria um meio-galope, para logo alcançar os dois. Mas, aí, meu cavalo f’losofou: refugou baixo e refugou alto, se puxando para a beira da mão esquerda da estrada, por pouco não deu comigo no chão. E o que era, que estava assombrando o animal, era uma folha seca esvoaçada, que sobre se viu quase nos olhos e nas orêlhas dele. Do vento. Do vento que vinha, rodopiado. Redemoinho: o senhor sabe — a briga de ventos. O quando um esbarra com outro, e se enrolam, o dôido espetáculo. A poeira subia, a dar que dava escuro, no alto, o ponto às voltas, folharada, e ramarêdo quebrado, no estalar de pios assovios, se torcendo turvo, esgarabulhando. Senti meu cavalo como meu corpo. Aquilo passou, embora, o ró-ró. A gente dava graças a Deus. Mas Diadorim e o Caçanje se estavam lá adiante, por me esperar chegar. — “Redemunho!” — o Caçanje falou, esconjurando. — “Vento que enviesa, que vinga da banda do mar…” — Diadorim disse. Mas o Caçanje não entendia que fosse: redemunho era d’Ele — do diabo. O demônio se vertia ali, dentro viajava. Estive dando risada. O demo! Digo ao senhor. Na hora, não ri? Pensei. O que pensei: o diabo, na rua, no meio do redemunho… Acho o mais terrível da minha vida, ditado nessas palavras, que o senhor nunca deve de renovar. Mas, me escute. A gente vamos chegar lá. E até o Caçanje e Diadorim se riram também. Aí, tocamos.“

—  João Guimarães Rosa, livro Grande Sertão: Veredas

Grande Sertão: Veredas

„Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Etiam egestas wisi a erat. Morbi imperdiet, mauris ac auctor dictum.“

Autores parecidos

Cora Coralina photo
Cora Coralina34
poetisa e contista brasileira
Augusto Cury photo
Augusto Cury243
Psiquiatra e Escritor brasileiro
Paulo Coelho photo
Paulo Coelho389
escritor e letrista brasileiro
Carlos Drummond de Andrade photo
Carlos Drummond de Andrade213
Poeta brasileiro
Arthur Conan Doyle photo
Arthur Conan Doyle31
escritor e médico escocês
Clarice Lispector photo
Clarice Lispector1132
Escritora ucraniano-brasileira
Adélia Prado photo
Adélia Prado62
Poetisa e escritora brasileira
Caio Fernando Abreu photo
Caio Fernando Abreu439
escritor brasileiro
Roberto Campos photo
Roberto Campos69
Economista, diplomata e político matogrossense
Aniversários de hoje
Nikola Tesla photo
Nikola Tesla9
inventor sérvio-americano 1856 - 1943
Franz Bardon photo
Franz Bardon20
1909 - 1958
Paulo Henrique Amorim photo
Paulo Henrique Amorim13
Apresentador de TV, jornalista, blogueiro e empresário bras… 1942 - 2019
Jackson do Pandeiro photo
Jackson do Pandeiro1
Cantor paraibano 1919 - 1982
Outros 45 aniversários hoje
Autores parecidos
Cora Coralina photo
Cora Coralina34
poetisa e contista brasileira
Augusto Cury photo
Augusto Cury243
Psiquiatra e Escritor brasileiro
Paulo Coelho photo
Paulo Coelho389
escritor e letrista brasileiro
Carlos Drummond de Andrade photo
Carlos Drummond de Andrade213
Poeta brasileiro
Arthur Conan Doyle photo
Arthur Conan Doyle31
escritor e médico escocês