„… Eu me desnudo emocionalmente quando confesso minha carência – que estarei perdido sem você, que não sou necessariamente a pessoa independente que tentei aparentar. Na verdade, não passo de um fraco, cuja noção dos rumos ou do significado da vida é muito restrita. Quando choro e lhe conto coisas que, confio, serão mantidas em segredo, coisas que me levarão à destruição, caso terceiros tomem conhecimento delas, quando vou a festas e não me entrego ao jogo da sedução porque reconheço que só você me interessa, estou me privando de uma ilusão há muito acalentada de invulnerabilidade. Me torno indefeso e confiante como a pessoa no truque circense, presa a uma prancha sobre a qual um atirador de facas exercita sua perícia e as lâminas que eu mesmo forneci passam a poucos centímetros da minha pele. Eu permito que você assista a minha humilhação, insegurança e tropeços. Exponho minha falta de amor-próprio, me tornando, dessa forma, incapaz de convencer você (seria realmente necessário?) a mudar de atitude. Sou fraco quando exibo meu rosto apavorado na madrugada, ansioso ante a existência, esquecido das filosofias otimistas e entusiasmadas que recitei durante o jantar. Aprendi a aceitar o enorme risco de que, embora eu não seja uma pessoa atraente e confiante, embora você tenha a seu dispor um catálogo vasto de meus medos e fobias, você pode, mesmo assim, me amar…“

The Romantic Movement: Sex, Shopping, and the Novel

Última atualização 15 de Janeiro de 2021. História

Citações relacionadas

François de La  Rochefoucauld photo
René Descartes photo
Steve Jobs photo
Axl Rose photo

„Vou embora daqui antes que eu faça alguém dormir.“

—  Axl Rose cantor, compositor e músico estadunidense 1962

Obs.: Referindo-se à fria platéia de um show em Salt Lake City.
Atribuidas

Nicolas Chamfort photo
David Nicholls photo
Salman Rushdie photo
Maya Angelou photo
Cecília Meireles photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Jane Austen photo
Desmond Tutu photo
Renato Russo photo
Frank Zappa photo

Tópicos relacionados