„O vento também é eterno. Nunca acaba. Quando o vento entra no nosso corpo, nascemos, e, quando sai, é porque morremos, por isso temos de ser amigos do vento.
- E… este…
- Já nem sabes o que perguntar. É melhor guardares silêncio, não gastes a tua saliva. A saiva é água sagrada que o coração cria. A saliva não deve gastar-se em palavras inúteis porque então estaremos a desperdiçar a água dos deuses e olha, vou dizer-te uma cois que não deves esquecer: se as palavras não servirem para humedecer os outros a lembrança e conseguir que aí floresça a memória de deus, não servem para nada.“

Malinche

Última atualização 22 de Maio de 2020. História

Citações relacionadas

William Shakespeare photo
Pablo Neruda photo
Rainer Maria Rilke photo

„Outra coisa é o verdadeiro canto. Um sopro ao nada. Um vôo em Deus. Um vento.“

—  Rainer Maria Rilke, livro Sonnets to Orpheus

In Wahrheit singen, ist ein andrer Hauch. Ein Hauch um nichts. Ein Wehn im Gott. Ein Wind.
Die Sonette an Orpheus, Insel-Bücherei Nr. 115 - página iii, de Rainer Maria Rilke, Editora Insel-verlag, 1923, 63 páginas

Fernando Sabino photo
Padre Antônio Vieira photo
Dilma Rousseff photo
Laura Esquivel photo
Dalai Lama photo
Victor Hugo photo

„As palavras têm a leveza do vento e a força da tempestade.“

—  Victor Hugo poeta, romancista e dramaturgo francês 1802 - 1885

Lucio Anneo Seneca photo
Fernando Pessoa photo
Gaston Bachelard photo
Eugenio Montale photo
Fernando Pessoa photo
Paulo Leminski photo