„Ires despedir-te da casa?
eu não com onze, com cinquenta e dois anos, ou seja eu com onze e com cinquenta e dois anos, de cabelo preto e de cabelo loiro por cima do cabelo branco, sem compreender que o meu irmão mais velho se afogou, compreendia os dentes, as patas esticadas e um oleado em cima, não compreendia a morte, os círculos das gaivotas alcançavam as copas além de uma dúzia no tecto do Casino, o meu marido a limpar os dedos no guardanapo, com a ponta da língua no canto da boca, que dantes me enternecia por o tornar mais novo e desde há séculos deixou de enternecer-me, agradecia que pusesses a língua para dentro, obrigada
- Vai onde te apetecer mas eu preciso do carro“

Publicidade

Citações relacionadas

Gabriel García Márquez photo
Publicidade
Regiane Alves photo
Aristóteles Onassis photo
Edgar Allan Poe photo

„Os cabelos brancos são arquivos do passado.“

—  Edgar Allan Poe Escritor, poeta e crítico americano 1809 - 1849

Cristovam Buarque photo
Publicidade
Narcisa Tamborindeguy photo
Muricy Ramalho photo
George Bernard Shaw photo
Publicidade
Stephenie Meyer photo
Heinrich Von Kleist photo
Neville de Almeida photo
Próximo