Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?

Entrar para revisão

„Se você pudesse ver minhas pernas quando eu tiro minhas botas, você formaria uma idéia do que é uma afeição não correspondida.“

Original

If you could see my legs when I take my boots off, you'd form some idea of what unrequited affection is.

Fonte: Dombey and Son (1846-1848), Ch. 48

Traduzido por Gileno
Charles Dickens photo
Charles Dickens46
1812 - 1870

Citações relacionadas

Louise Michel photo
Antoine de Rivarol photo
Bjarne Stroustrup photo

„C faz com que dar um tiro no pé seja fácil; C++ torna isso mais difícil, mas quando nós o fazemos rebenta com a perna toda.“

—  Bjarne Stroustrup 1950

C makes it easy to shoot yourself in the foot; C++ makes it harder, but when you do it blows your whole leg off
Bjarne Stroustrup em seu site pessoal http://www.stroustrup.com/bs_faq.html#really-say-that

Jorge Amado photo
Joe Hill photo
Rosa Bonheur photo

„A amizade é a afeição divina.“

—  Rosa Bonheur 1822 - 1899

inscrição em sua lápide (veja epitáfios); citado em Tríbades galantes, fanchonos militantes: homossexuais que fizeram história - página 171, Por Amilcar Torrão Filho, Publicado por Edicoes GLS, 2000, ISBN 8586755249, 9788586755248, 294 páginas

„O melhor da televisão é o botão de desligar.“

—  Stanislaw Ponte Preta 1923 - 1968

citado em "Anais do Seminário: Educação--doze anos depois: Educação--doze anos depois" - Página 385, de João Faustino, Brazil Congresso Nacional. Câmara de Deputados. Comissão de Educação e Cultura, Brazil Seminário: Educação--Doze Anos Depois Brasília, Brazil Congresso Nacional. Câmara dos Deputados. Comissão de Educação e Cultura, Brazil Congresso Nacional Câmara de Deputados Comissão de Educação e Cultura - 1985 - 458 páginas
Atribuídas

Flávio Bolsonaro photo

„O policial chega na favela já levando tiro. Para mim não é homicídio se o marginal morre dando tiro na PM. Tem mais é que morrer mesmo.“

—  Flávio Bolsonaro político brasileiro do Rio de Janeiro 1981

Em debate sobre Tropa de elite na TV Alerj, quando indagado se a força policial excessiva usada pelo Bope é justificável.
Fonte: Idem

Tom Zé photo
Elis Regina photo

„Eu dou o tiro, quem mata é Deus.“

—  Elis Regina Cantora, e multi-instrumentista brasileira 1945 - 1982

Machado de Assis photo

„Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Etiam egestas wisi a erat. Morbi imperdiet, mauris ac auctor dictum.“