„É ao mesmo tempo o nada com o seu vácuo profundo, imenso, infinito; e o caos com a sua confusão, as suas trevas, as suas formas incriadas; a alma sente que falta-lhe a vida ou a luz em torno".“

—  José de Alencar, Cap. IV, XI
Publicidade

Citações relacionadas

Alexander Pope photo
Percy Bysshe Shelley photo
Publicidade
Paul Claudel photo
Victoria Ocampo photo
Carlos Drummond de Andrade photo
Fernando Pessoa photo
Friedrich Nietzsche photo
Publicidade
Immanuel Kant photo
Carl Gustav Jung photo
Publicidade
Friedrich Nietzsche photo
Próximo