Frases do livro
Memorial de Aires

Memorial de Aires é o último romance escrito por Machado de Assis, publicado no mesmo ano de sua morte, 1908. Está organizado como uma série de entradas em um diário e, como Memórias Póstumas de Brás Cubas, não tem um enredo único, mas compõe-se de vários episódios e anedotas que se interpermeiam.


Machado de Assis photo
Machado de Assis photo
Machado de Assis photo

Autores parecidos

Machado de Assis photo
Machado de Assis401
escritor brasileiro 1839 - 1908
Ruy Barbosa photo
Ruy Barbosa69
político, escritor e jurista brasileiro
Liev Tolstói photo
Liev Tolstói166
escritor russo
Eça de Queiroz photo
Eça de Queiroz153
Escritor e diplomata português
Honoré De Balzac photo
Honoré De Balzac224
Escritor francês
Oscar Wilde photo
Oscar Wilde667
Escritor, poeta e dramaturgo britânico de origem irlandesa
Hans Christian Andersen photo
Hans Christian Andersen2
escritor e poeta dinamarquês de histórias infantis
Jules Verne photo
Jules Verne15
escritor francês
Autores parecidos
Machado de Assis photo
Machado de Assis401
escritor brasileiro 1839 - 1908
Ruy Barbosa photo
Ruy Barbosa69
político, escritor e jurista brasileiro
Liev Tolstói photo
Liev Tolstói166
escritor russo
Eça de Queiroz photo
Eça de Queiroz153
Escritor e diplomata português
Honoré De Balzac photo
Honoré De Balzac224
Escritor francês