„O homem morre tantas vezes quantas vezes perde os seus.“

Última atualização 10 de Julho de 2020. História

Citações relacionadas

Honoré De Balzac photo
Molière photo
Paul Valéry photo

„Um grande homem é aquele que morre duas vezes. Primeiro, como homem; e depois, como grande homem.“

—  Paul Valéry 1871 - 1945

Les grands hommes meurent deux fois, une fois comme hommes, et une fois comme grands.
Cahier B 1910 - página 79, Paul Valéry, Paul Valéry - Gallimard, 1926 - 83 páginas

„Às vezes, é pela forma como morre que um homem mostra que era digno de viver.“

—  Francis Ponge 1899 - 1988

C'est par sa mort parfois, qu'un homme montre qu'il était digne de vivre
Tome premier‎ - Página 465, de Francis Ponge - Publicado por Gallimard, 1965 - 621 páginas

Horacio photo
Tupac Shakur photo

„Um covarde morre mil vezes, um soldado só morre de um jeito.“

—  Tupac Shakur Rapper americano 1971 - 1996

Atribuídas

Jacques Maritain photo
Baltasar Gracián photo
Marco Aurelio photo
Millôr Fernandes photo

„A gente só morre uma vez. Mas é para sempre.“

—  Millôr Fernandes cartunista, humorista e dramaturgo brasileiro. 1923 - 2012

Fernando Pessoa photo
Clarice Lispector photo
Ray Bradbury photo

„Quantas vezes um homem pode afundar e continuar vivo?“

—  Ray Bradbury, livro Fahrenheit 451

Fahrenheit 451

Hippolyte Taine photo
Clarice Lispector photo
Oliver Goldsmith photo

„Muitas vezes, o uso da palavra não é tanto para exprimir nossos pensamentos, quanto para escondê-los.“

—  Oliver Goldsmith 1728 - 1774

the true use of speech is not so much to express our wauls as to conceal them.
Essays - página 25, Oliver Goldsmith - D. Appleton, 1841 - 164 páginas

Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Gerson De Rodrigues photo

Tópicos relacionados