„Perdido no meio das engrenagens extremamente complexas das civilizações modernas, vendo apenas efeitos cujas causas ignora, a multidão sente-se tentada a atribuir a vontades particulares os acontecimentos que resultam unicamente das leis gerais que regem o encadeamento das coisas.“

Última atualização 4 de Setembro de 2021. História

Citações relacionadas

Friedrich August von Hayek photo
Carlos Paredes photo
Antoine de Saint-Exupéry photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Barão d'Holbach photo
Pierre Drieu la Rochelle photo

„A civilização extrema gera a barbárie extrema.“

—  Pierre Drieu la Rochelle 1893 - 1945

Variante: A extrema gera a barbárie extrema.

Mary Shelley photo
Valter Bitencourt Júnior photo

„Aprenda a se unir com quem luta pelas causas sociais, não seja uma andorinha sozinha no meio da multidão!“

—  Valter Bitencourt Júnior, livro Aprendiz: Poesias, frases, haicais e sonetos

Fonte: Livro "Aprendiz: Poesias, frases, haicais e sonetos", pág. 21, Publicação Independente, 2021.
Fonte: https://www.amazon.com/dp/B092HCR5F7
Fonte: https://www.amazon.com.br/Aprendiz-Poesias-frases-haicais-sonetos-ebook/dp/B092HQ6FCD/ref=sr_1_7?dchild=1&qid=1618567967&refinements=p_27%3AValter+Bitencourt+J%C3%BAnior&s=books&sr=1-7

Allan Kardec photo
William Henry Beveridge photo
Martha Graham photo
Friedrich Nietzsche photo
Giacomo Leopardi photo
Oscar Wilde photo

„O conforto é a única coisa que a nossa civilização nos pode oferecer.“

—  Oscar Wilde Escritor, poeta e dramaturgo britânico de origem irlandesa 1854 - 1900

Immanuel Kant photo

„Faça de maneira que a máxima de tua vontade possa ser o tempo todo princípio de uma lei geral.“

—  Immanuel Kant 1724 - 1804

Handle so, daß die Maxime deines Willens jederzeit zugleich als Prinzip einer allgemeinen Gesetzgebung gelten kann.
Werke in sechs Bänden: Schriften zur Ethik und Religionsphilosophie‎ - Volume 4, Página 140 http://books.google.com.br/books?id=Wl4aAAAAIAAJ&pg=PA140, Immanuel Kant, Wilhelm Weischedel - Insel-Verlag, 1786

Miguel de Unamuno photo
Jean de La Bruyere photo

„Para o homem, apenas há três acontecimentos: nascer, viver e morrer. Ele não sente o nascer, sofre ao morrer e esquece-se de viver.“

—  Jean de La Bruyere, livro Les Caractères ou les Mœurs de ce siècle

Il n'y a pour l'homme que trois événements : naître, vivre et mourir. Il ne se sent pas naître, il souffre à mourir, et il oublie de vivre.
Jean de La Bruyère in: Les Caractères, ou les mœurs de ce siècle, La Bruyère, éd. Estienne Michallet, 1696, - Les Caractères - De l'homme (veja wikisource, item 48 (IV))

Miguel de Cervantes photo

„Elimine a causa que o efeito cessa.“

—  Miguel de Cervantes 1547 - 1616

Elimina la causa, y el efecto cesa.
como citado in Alto a la Enfermedad! (Stop the Insanity!): C Ma Bien Y Viva Mejor (Stop the Insanity), página 105 https://books.google.com.br/books?id=f52m-h5rSPUC&pg=PA105, Susan Powter - Simon and Schuster, 1995, ISBN 0684813270, 9780684813271, 336 páginas
Atribuídas

Honoré De Balzac photo

„Extinta a causa, cessarão os efeitos.“

—  Honoré De Balzac Escritor francês 1799 - 1850

A Mulher de Trinta Anos - Honoré de Balzac - Livraria José Olympio Editora - Trad. Rachel de Queiroz, p.104 - Ed. 1948.

Friedrich Nietzsche photo

Tópicos relacionados