„Após a primeira parte da turnê Use Your Illusion, Axl queria me fazer assinar um contrato que me colocava um pouco de lado, o que significava menor pagamento. Eu não conseguia acreditar. Esse contrato partia de um cara com o qual eu cresci! Nós sempre levamos o Guns N' Roses como amigos e, grosseiramente, Axl disse para mim: "Agora se trata de negócios". Por que eu deveria continuar? Onde estava a diversão? Isso foi a gota d'água, mas fatos antecedentes também me fizeram decidir pela saída: durante nosso primeiro show em Londres, meninos morreram. O que foi aquilo? Isto que é rock 'n' roll? É divertir-se e depois ler nos jornais de um aeroporto que meninos morreram no seu show? É divertido tocar em estádios todas as noites e começar uma desordem em Saint Louis porque o cantor teve um ataque? Você realmente, em alguma dessas ocasiões, pontua consigo mesmo: "Nada disso é divertido mais." Axl não mais cumpria bem seu papel de lider da banda. E, por outro lado, os outros encontravam-se completamente chocados. Eu sequer tive capacidade de ensinar covers: nós teríamos sido capazes de contornar a situação quando o Axl deixasse a cena, para entreter o público mas, ao contrário disso, fazíamos solos de bateria. O que pode ser mais irritante que um solo de bateria?“

— Izzy Stradlin

Publicidade

Citações relacionadas

Billie Joe Armstrong foto
 Slash foto
Publicidade
Amy Lee foto
 Maomé foto
Frank Zappa foto
Falcão (músico) foto
Aldous Huxley foto
Publicidade
João Baptista de Oliveira Figueiredo foto
David Bowie foto
Justin Bieber foto
Publicidade
Bertrand Russell foto
Mia Couto foto
João Baptista de Oliveira Figueiredo foto

„AI-5? Quem é esse menino?“

— João Baptista de Oliveira Figueiredo 1918 - 1999
Em resposta ao jornalista José Luiz Azevedo quando perguntado se o Ato Institucional número 5 faria aniversário

Próximo