„Um orador sem critério é como um cavalo sem freio.“

—  Teofrasto

Fonte: Chalita, Mansour. Os mais belos pensamentos de todos os tempos. 4 Edição. Rio de Janeiro: Assoc. Cultural Internac. Gibran. pág. 76.

Teofrasto photo
Teofrasto5
-371 - -287 a.C.

Citações relacionadas

William Shakespeare photo
Mao Tsé-Tung photo

„A prática é o critério da verdade.“

—  Mao Tsé-Tung político, teórico e revolucionário chinês e 1° Presidente da República Popular da China. 1893 - 1976

Napoleão Bonaparte photo

„O maior orador do mundo é o bom êxito.“

—  Napoleão Bonaparte monarca francês, militar e líder político 1769 - 1821

Variante: O maior orador do mundo é o sucesso.

François de La  Rochefoucauld photo
Sigmund Freud photo
Charles Louis Montesquieu photo
Benjamin Disraeli photo

„Há pessoas silenciosas que são muito mais interessantes que os melhores oradores.“

—  Benjamin Disraeli, livro Endymion

There are some silent people who are more interesting than the best talkers.
Endymion: Volume 1 - página 153, Benjamin Disraeli (Earl of Beaconsfield) - D.Appleton and company, 1880 - 477 páginas

Étienne de La Boétie photo

„A primeira razão da servidão voluntária é o hábito: provam-no os cavalos sem rabo que no princípio mordem o freio e acabam depois por brincar com ele; e os mesmos que se rebelavam contra a sela acabam por aceitar a albarda e usam muito ufanos e vaidosos os arreios que os apertam.“

—  Étienne de La Boétie, Œuvres complètes d’Estienne de La Boétie

Discurso Sobre a Servidão Voluntária, Étienne de La Boétie, Página 16 http://www.culturabrasil.org/zip/boetie.pdf, LCC – verão de 2004 - 30 Páginas.
"la premiere raison de la servitude volontaire, c'est la coustume: comme des plus braues courtaus, qui au commencement mordent le frein & puis s'en iouent, & là où n’a guerres ruoient contre la selle, ils se parent maintenant dans les harnois & tous fiers se gorgiasent soubs la barde."
Œuvres complètes d’Estienne de La Boétie, Discours de la Servitude volontaire, Página 29 https://fr.wikisource.org/wiki/Page%3ALa_Bo%C3%A9tie_-_%C5%92uvres_compl%C3%A8tes_Bonnefon_1892.djvu/114, Auteur Estienne de La Boétie, Éditeur Paul Bonnefon - G Gounouilhou, 1892 - 444 páginas.
Discurso Da Servidão Voluntária

Fernando Pessoa photo

„Não há critério seguro para distinguir o homem dos animais.“

—  Fernando Pessoa poeta português 1888 - 1935

Autobiografia sem Factos. Assírio & Alvim. 2006. p. 150.
Autobiografia sem Factos

Ana Paula Arósio photo

„Castro bois e cavalos. É uma coisa que no sítio só eu faço. Também já entubei cavalos que estavam com cólicas.“

—  Ana Paula Arósio Atriz e modelo brasileira 1975

a Camille da novela Esperança, mostrando em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo seu lado rural; citado em Revista Veja http://veja.abril.com.br/310702/vejaessa.html, Edição 1 762 - 31 de julho de 2002

William Shakespeare photo
Antônio Carlos Magalhães photo

„Sarney é um cavalo vencedor.“

—  Antônio Carlos Magalhães político brasileiro 1927 - 2007

Antonio Carlos Magalhães, presidente do Senado, mantendo a esperança de que o ex-presidente concorra ao comando do Senado
Fonte: Revista Veja http://veja.abril.com.br/201200/vejaessa.html, Edição 1 680 - 20 de dezembro de 2000.

George Saville Halifax photo

„Não se enforca um homem por ele ter roubado cavalos, mas para que os cavalos não sejam mais roubados.“

—  George Saville Halifax 1633 - 1695

Men are not hang'd for stealing Horses, but that Horses may not be stolen.
A character of King Charles the Second: and political, moral, and miscellaneous thoughts and reflections. By George Savile, marquis of Halifax‎ - Página 114 http://books.google.com.br/books?id=K6lsEtMo1KMC&pg=PA114, George Savile Halifax, George Savile Halifax (Marquis of) - Printed for J. and R. Tonson and S. Draper, 1750 - 183 páginas

Francis Bacon photo
Ruy Barbosa photo

„As leis são um freio para os crimes públicos, a religião para os crimes secretos.“

—  Ruy Barbosa político, escritor e jurista brasileiro 1849 - 1923

Variante: As leis são um freio para os crimes públicos - a religião para os crimes secretos.

Hegel photo

„Napoleão é o espírito do mundo a cavalo.“

—  Hegel professor académico alemão 1770 - 1831

Hegel citado em "Cadernos do cárcere", Volume 1 - Página 386, Antonio Gramsci, Carlos Nelson Coutinho - Editora Record, 2001, ISBN 852000511X, 9788520005118 - 496 páginas
Atribuídas

Benito Pérez Galdós photo

„Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Etiam egestas wisi a erat. Morbi imperdiet, mauris ac auctor dictum.“