Frases de Max Weber página 2

Max Weber photo
13  32

Max Weber

Data de nascimento: 21. Abril 1864
Data de falecimento: 14. Junho 1920

Publicidade

Karl Emil Maximilian Weber foi um intelectual, jurista e economista alemão considerado um dos fundadores da Sociologia. Seu irmão foi o também famoso sociólogo e economista Alfred Weber. A esposa de Max Weber, Marianne Weber, biógrafa do marido, foi uma das alunas pioneiras na universidade alemã e integrava grupos feministas de seu tempo.

É considerado um dos fundadores do estudo moderno da sociologia, mas sua influência também pode ser sentida na economia, na filosofia, no direito, na ciência política e na administração. Começou sua carreira acadêmica na Universidade Humboldt de Berlim e, posteriormente, trabalhou na Universidade de Freiburg, na Universidade de Heidelberg, na Universidade de Viena e na Universidade de Munique. Personagem influente na política alemã da época, foi consultor dos negociadores alemães no Tratado de Versalhes e da comissão encarregada de redigir a Constituição de Weimar.

Grande parte de seu trabalho como pensador e estudioso foi reservado para o estudo do capitalismo e do chamado processo de racionalização e desencantamento do mundo. Mas seus estudos também deram contribuição importante para a economia.

Sua obra mais famosa são os dois artigos que compõem A ética protestante e o espírito do capitalismo, com o qual começou suas reflexões sobre a sociologia da religião. Weber argumentou que a religião era uma das razões não-exclusivas do porque as culturas do Ocidente e do Oriente se desenvolveram de formas diversas, e salientou a importância de algumas características específicas do protestantismo ascético, que levou ao nascimento do capitalismo, da burocracia e do estado racional e legal nos países ocidentais. Em outro trabalho importante, A política como vocação, Weber definiu o Estado como "uma entidade que reivindica o monopólio do uso legítimo da força física", uma definição que se tornou central no estudo da moderna ciência política no Ocidente. Em suas contribuições mais conhecidas são muitas vezes referidas como a "Tese de Weber".

Citações Max Weber

„Mysticism intends a state of "possession," not action, and the individual is not a tool but a "vessel" of the divine.“

— Max Weber
Context: Mysticism intends a state of "possession," not action, and the individual is not a tool but a "vessel" of the divine. Action in the world must thus appear as endangering the absolutely irrational and other-worldly religious state. Active asceticism operates within the world; rationally active asceticism, in mastering the world, seeks to tame what is creatural and wicked through work in a worldly "vocation" (inner-worldly asceticism). Such asceticism contrasts radically with mysticism, if the latter draws the full conclusion of fleeing from the world (contemplative flight from the world). The contrast is tempered, however, if active asceticism confines itself to keeping down and to overcoming creatural wickedness in the actor's own nature. For then it enhances the concentration on the firmly established God-willed and active redemptory accomplishments to the point of avoiding any action in the orders of the world (asceticist flight from the world). Thereby active asceticism in external bearing comes close to contemplative flight from the world. The contrast between asceticism and mysticism is also tempered if the contemplative mystic does not draw the conclusion that he should flee from the world, but, like the inner-worldly asceticist, remain in the orders of the world (inner-worldly mysticism). In both cases the contrast can actually disappear in practice and some combination of both forms of the quest for salvation may occur. But the contrast may continue to exist even under the veil of external similarity. For the true mystic the principle continues to hold: the creature must be silent so that God may speak. Max Weber, , 1916.

Publicidade

„it istrue that good can follow only from good and evil only from evil, but that often the opposite is true. Anyone who fails to see this is, indeed, a political infant.“

— Max Weber, From Max Weber: Essays in Sociology
Context: The problem — the experience of the irrationality of the world — has been the driving force of all religious evolution. The Indian doctrine of karma, Persian dualism, the doctrine of original sin, predestination and the deus absconditus, all these have grown out of this experience. Also the early Christians knew full well the world is governed by demons and that he who lets himself in for politics, that is, for power and force as means, contracts with diabolical powers and for his action it is not true that good can follow only from good and evil only from evil, but that often the opposite is true. Anyone who fails to see this is, indeed, a political infant. p. 124; Essay "Politics as a vocation"

Publicidade
Publicidade

„The Truth is the Truth.“

— Max Weber
Max Weber's last words (1920), as quoted in Prophets of Yesterday : Studies in European Culture, 1890-1914 (1961) by Gerhard Masur, p. 201

Próximo
Aniversários de hoje
Ayrton Senna photo
Ayrton Senna44
piloto brasileiro de Fórmula 1 1960 - 1994
Shusha Guppy1
1935 - 2008
Stanley Sadie
1930 - 2005
Outros 49 aniversários hoje