Frases de Gabriela Mistral

Gabriela Mistral photo
9   3

Gabriela Mistral

Data de nascimento: 7. Abril 1889
Data de falecimento: 10. Janeiro 1957

Publicidade

Gabriela Mistral, pseudónimo escolhido de Lucila de María del Perpetuo Socorro Godoy Alcayaga , foi uma poetisa, educadora, diplomata e feminista chilena, agraciada com o Nobel de Literatura de 1945.

Os temas centrais nos seus poemas são o amor, o amor de mãe, memórias pessoais dolorosas, mágoa- la e recuperação. Lucila nasceu na cidade de Vicuña, Chile, em 7 de abril de 1889. Seu pai abandonou a família quando Lucila completou três anos de idade. A mãe de Lucila faleceu no ano de 1929 e a escritora lhe dedicou a primeira parte de seu livro Tala, a que chamou: Muerte de mi Madre. Educada em sua cidade natal, começou a trabalhar como professora primária e ganhou renome ao vencer os Juegos Florales de Santiago, em 1914, com Sonetos de La muerte, sob o pseudônimo de Gabriela Mistral, cuja escolha deu-se em homenagem aos seus poetas prediletos: o italiano Gabriele D'Annunzio e o provençal Frédéric Mistral. Em 1922 é convidada pelo Ministério da Educação do México a trabalhar nos planos de reforma educacional daquele país.

"Em 1945, membro do corpo diplomático chileno, Mistral residia na cidade de Petrópolis, estado do Rio de Janeiro, ao receber a notícia de que fora agraciada com o Prêmio Nobel de Literatura, tornando-se o primeiro escritor latino-americano a receber tal honraria." O Prêmio Nobel transformou-a em figura de destaque na literatura internacional e a levou a viajar por todo o mundo e representar seu país em comissões culturais das Nações Unidas, até falecer em 1957 em Hempstead, estado de Nova Iorque, nos Estados Unidos.

A notoriedade a obrigou a abandonar o ensino para desempenhar diversos cargos diplomáticos na Europa. Tida como um exemplo de honestidade moral e intelectual e movida por um profundo sentimento religioso, a tragédia do suicídio do noivo marcou toda a sua poesia com um forte sentimento de carinho maternal, principalmente nos seus poemas em relação às crianças. Em sua obra aparecem como temas recorrentes: o amor pelos humildes, um interesse mais amplo por toda a humanidade.

Citações Gabriela Mistral

„Há sorrisos que não são de felicidade, mas sim um modo de chorar com bondade.“

—  Gabriela Mistral
Atribuídas, Hay sonrisas que no son de felicidad, sino de un modo de llorar con bondad citada em "Puedo ser feliz después de los 60?" - Página 58, Esteban Mirol - Editorial Bonum, 2004, ISBN 950507686X, 9789505076864 - 144 páginas

Publicidade

„A Bíblia é para mim o livro. Não vejo como pode alguém viver sem ela.“

—  Gabriela Mistral
Atribuídas, La Biblia es para mí el libro. No veo cómo puede alguien vivir sin ella citada em "Dios en la era posmoderna: Una mirada interreligiosa‎", Página 154, de Daniel E Annone, Daniel E. Annone - AlÍ BadrÁn - Marcelo Polakoff, Ali Badran, Comité Interreligioso por la Paz (Comipaz) - 2007

„A experiência é como un bilhete de loteria comprado depois do sorteio. Não creio nela.“

—  Gabriela Mistral
Atribuídas, La experiencia es un billete de lotería comprado después del sorteo. No creo en ella citada em "Diccionario ilustrado de frases célebres y citas literarias", Vicente Vega - Gustavo Gili, 1952 - 939 páginas

„O que a alma faz por seu corpo é o que o artista faz por seu povo.“

—  Gabriela Mistral
Lo que el alma hace por su cuerpo es lo que el artista hace por su pueblo Gabriela Mistral y Joaquín García Monge: Una correspondencia inédita‎ - Página 51, de Gabriela Mistral, Magda Arce, Joaquín García Monge, Eugenio García Carillo - 1989 - 167 páginas

„A educação dos filhos é, talvez, a forma mais alta de buscar a Deus.“

—  Gabriela Mistral
La enseñanza de los niños es tal vez la forma más alta de buscar a Dios Magisterio y niño‎ - Página 40, de Gabriela Mistral, Roque Esteban Scarpa - Publicado por Editorial Andrés Bello, 1979 - 289 páginas

„Dizer amizade é dizer entendimiento, confiança rapida e larga memória; é dizer, fidelidade.“

—  Gabriela Mistral
Decir amistad es decir entendimiento cabal, confianza rápida y larga memoria; es decir, fidelidad "Concierto de amor, de Ester de Cárceres (1945)" in "Gabriela Mistral: Su prosa y poesía en Colombia‎" - Página 300, de Gabriela Mistral, Otto Morales Benítez - 2002

Help us translate English quotes

Discover interesting quotes and translate them.

Start translating