Frases de Divaldo Pereira Franco

Divaldo Pereira Franco foto

2   0

Divaldo Pereira Franco

Data de nascimento: 5. Maio 1927

Divaldo Pereira Franco, mais conhecido como Divaldo Franco ou simplesmente Divaldo é um professor, médium, filantropo e orador espírita brasileiro.

Divaldo é um verdadeiro "apóstolo do Espiritismo", com mais de cinquenta anos devotados à mediunidade e a caridade, e mais de sessenta como um importante orador espírita. Dos seus oitenta e oito anos, sessenta e oito foram devotados à causa espírita e às crianças excluídas, das periferias de Salvador, na Bahia. Para este último fim fundou, em 15 de agosto de 1952, junto com Nilson de Souza Pereira, a instituição de caridade Mansão do Caminho, que ajuda diariamente cerca de seis mil pessoas e abriga mais de três mil, centenas delas registradas como filhos do médium. Os direitos autorais de seus mais de 250 livros psicografados, que já venderam mais de oito milhões de exemplares, foram doados em cartório para esta e outras instituições filantrópicas.

Ainda que tenha uma alta produção e vendagem de livros psicografados, e realize um grande trabalho filantrópico, é como conferencista e missionário do Espiritismo no exterior que ele é mais conhecido. Representado como peregrino ou o "Paulo de Tarso do Espiritismo", Divaldo já percorreu mais de 50 países divulgando a doutrina em palestras de ampla publicidade.



„As desigualdades [humanas] são de natureza moral. Graças às diferenças que existem entre nós criaturas, aos nossos preconceitos, aos nossos atavismos, resultam essas desigualdades perturbadoras. Mas se cada qual cumprir com seu dever, por menor que seja, irá atingir o seu patamar de harmonia íntima. Porque mesmo no estado de igualdade econômica, de igualdade social, se o indivíduo é insatisfeito consigo próprio ele deserta [da vida]. Quantos milionários sucumbem pelo suicídio, quantos indivíduos ricos alucinam-se pelas drogas? O importante, desse modo, é o autodescobrimento, a viagem para dentro, a conquista da autoconsciência. Então, adquirindo-se esses valores, conhecendo-se a si mesmo, como diz aquele ditado popular: 'O pouco com Deus é muito e o muito sem Deus é nada'.“

„Nunca deixe de tentar. Há um fenômeno psicológico que nos leva ao desânimo com facilidade. Mande seus currículos, visite empresas, vá pessoalmente, gaste o seu sapato, gaste o pé, mas vá! Não delegue, não espere que caia um saco da fortuna na sua porta. Não acredite que a rogativa a Deus Ele vá solucionar mandando-lhe algo de presente. É do espírito Emanuel esta linda contribuição de mensagem, pelo querido Chico Xavier: 'Fala a criatura ao criador pela oração; responde o criador à criatura através da inspiração, e ajuda o criador à criatura através de outra criatura.' Busque, bata, peça e isso lhe dará!“

Autores parecidos