„Aquilo que os homens de fato querem não é o conhecimento, mas a certeza.“

—  Bertrand Russell

Variante: Aquilo que os homens de facto querem não é o conhecimento, mas a certeza.

„Muitos indivíduos ortodoxos dão a entender que é papel dos céticos refutar os dogmas apresentados – em vez de os dogmáticos terem de prová-los. Essa idéia, obviamente, é um erro. De minha parte, poderia sugerir que entre a Terra e Marte há um pote de chá chinês girando em torno do Sol em uma órbita elíptica, e ninguém seria capaz de refutar minha asserção, tendo em vista que teria o cuidado de acrescentar que o pote de chá é pequeno demais para ser observado mesmo pelos nossos telescópios mais poderosos. Mas se afirmasse que, devido à minha asserção não poder ser refutada, seria uma presunção intolerável da razão humana duvidar dela, com razão pensariam que estou falando uma tolice. Entretanto, se a existência de tal pote de chá fosse afirmada em livros antigos, ensinada como a verdade sagrada todo domingo e instilada nas mentes das crianças na escola, a hesitação de crer em sua existência seria sinal de excentricidade.“

—  Bertrand Russell

Many orthodox people speak as though it were the business of sceptics to disprove received dogmas rather than of dogmatists to prove them. This is, of course, a mistake. If I were to suggest that between the Earth and Mars there is a china teapot revolving about the sun in an elliptical orbit, nobody would be able to disprove my assertion provided I were careful to add that the teapot is too small to be revealed even by our most powerful telescopes. But if I were to go on to say that, since my assertion cannot be disproved, it is intolerable presumption on the part of human reason to doubt it, I should rightly be thought to be talking nonsense. If, however, the existence of such a teapot were affirmed in ancient books, taught as the sacred truth every Sunday, and instilled into the minds of children at school, hesitation to believe in its existence would become a mark of eccentricity and entitle the doubter to the attentions of the psychiatrist in an enlightened age or of the Inquisitor in an earlier time.
" Is There a God? http://www.cfpf.org.uk/articles/religion/br/br_god.html" (1952), encomendado pela revista ilustrada, mas não publicado até a sua aparição em "The Collected Papers of Bertrand Russell", Volume 11: Last Philosophical Testament, 1943-68, ed. John G. Slater e Peter Köllner (London: Routledge, 1997), pp. 543-48

„Fui bastante cumprimentado, em minha chegada [à prisão], pelo sentinela da entrada, que tinha de tomar meus dados pessoais. Ele perguntou qual era minha religião e eu respondi "agnóstico." Ele perguntou como se soletra, e comentou com um suspiro: "Bem, existem muitas religiões, mas eu acho que todas adoram o mesmo Deus.“

—  Bertrand Russell

Este comentário me manteve animado por cerca de uma semana."
The Autobiography of Bertrand Russell, vol. 2: 1914-1944. Allen & Unwin, 1968. Página 30.
Original: I was much cheered, on my arrival, by the warder at the gate, who had to take particulars about me. He asked my religion and I replied "agnostic." He asked how to spell it, and remarked with a sigh: "Well, there are many religions, but I suppose they all worship the same God." This remark kept me cheerful for about a week.

„Ao contrário, se eu vivesse eternamente, as alegrias da vida acabariam inevitavelmente perdendo seu sabor.“

—  Bertrand Russell

Capítulo 2: Infelicidade byroniana - Coleção Saraiva de Bolso, página 27.
A conquista da felicidade

„Por que cometer erros antigos se há tantos erros novos a escolher?“

—  Bertrand Russell

Bertrand Russel como citado in: Reflexões do crepúsculo - Página 161, Roberto de Oliveira Campos - Topbooks, 1991 - 262 páginas
Atribuídas

„Inveja é a base da democracia.“

—  Bertrand Russell, livro The Conquest of Happiness

The Conquest of Happiness (A Conquista da Felicidade), VI, 1930.
Original: Envy is the basis of democracy.

„A raiz do mal reside no facto de se insistir demasiadamente que no êxito da competição está a principal fonte de felicidade.“

—  Bertrand Russell

Variante: A raiz do mal reside no fato de se insistir demasiadamente que no êxito da competição está a principal fonte de felicidade.

Aniversários de hoje
Pablo Neruda photo
Pablo Neruda77
Escritor 1904 - 1973
Sigmund Freud photo
Sigmund Freud137
1856 - 1939
Walter Lippmann photo
Walter Lippmann7
1889 - 1974
Ray Charles photo
Ray Charles3
músico norte-americano 1930 - 2004
Outros 42 aniversários hoje