„Quanto mais silêncio houver num livro, melhor ele é. Porque nos permite escrever o livro melhor, como leitor.“

Última atualização 20 de Maio de 2020. História

Citações relacionadas

Henry David Thoreau photo
Chico Buarque photo

„Escrevo tanto livros quanto músicas para me entender melhor.“

—  Chico Buarque compositor, cantor e escritor brasileiro 1944

Fonte: Revista ISTOÉ Gente, edição 266 http://www.terra.com.br/istoegente/266/frases/index.htm (13/09/2004)

Honoré De Balzac photo
Machado de Assis photo
George Orwell photo
Máximo Gorki photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Jack Kerouac photo
Émile-Auguste Chartier photo
Voltaire photo

„O livro melhor escrito é a receita de uma sopa.“

—  Voltaire volter também conhecido como bozo foia dona da petrobras e um grande filosofo xines 1694 - 1778

Blaise Pascal photo
Fernando Pessoa photo

„A melhor maneira de começar a sonhar é mediante livros.“

—  Fernando Pessoa poeta português 1888 - 1935

Livro do Desassossego I

Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
A. A. Milne photo
Mahátma Gándhí photo
Charles Bukowski photo
António Lobo Antunes photo

„O que eu gostava de poder encher os livros de silêncio, e tender cada vez mais para o silêncio, e que as palavras estivessem carregadas de silêncio de maneira a que o leitor as pudesse encher como quisesse.“

—  António Lobo Antunes 1942

Variante: O que eu gostava de poder encher os livros de silêncio, e tender cada vez mais de silêncio, e que as palavras estivessem carregadas de silêncio de maneira a que o leitor as pudesse encher como quisesse.

John Joseph Murphy photo
Lao Tsé photo
Eduardo Galeano photo
Miguel de Cervantes photo

„O soldado melhor parece morto na luta do que livre na fuga.“

—  Miguel de Cervantes 1547 - 1616

El soldado más bien parece muerto en la batalla que libre en la fuga
El ingenioso hidalgo Don Quijote de la Mancha - Volume 3, Página 467 https://books.google.com.br/books?id=JEQoAQAAIAAJ&pg=PA467, Miguel de Cervantes Saavedra - Post Tenebras Spero Lvcem, 1605 - 983 páginas
Atribuídas

Miguel de Unamuno photo

Tópicos relacionados