„Não ensines nada, pois ainda tens tudo que aprender.“

Última atualização 18 de Janeiro de 2019. História
Tópicos
nada, ainda, ensino
Fernando Pessoa photo
Fernando Pessoa931
poeta português 1888 - 1935

Citações relacionadas

Paul Valéry photo
Rudyard Kipling photo

„Se tens a beleza simples e mais nada, tens tudo o que Deus fez de melhor.“

—  Rudyard Kipling 1865 - 1936

If you get simple beauty and naught else, You get about the best thing God invents.
Writings in prose and verse, Volume 32‎ - Página 137, Rudyard Kipling - Scribner, 1937

Ralph Waldo Emerson photo

„Tudo o que já vi ensina-me a confiar no Criador para o que ainda não vi.“

—  Ralph Waldo Emerson 1803 - 1882

All I have seen teaches me to trust the creator for all I have not seen
""Immortality", in: Letters and Social Aims‎ - Página 302, de Ralph Waldo Emerson - Publicado por Adamant Media Corporation, 2000 ISBN 1402179391, 9781402179396 - 313 páginas

Heráclito photo

„A inteligência não ensina a aprender muitas coisas.“

—  Heráclito filósofo pré-socrático considerado o "Pai da dialética" -535

Charles Caleb Colton photo
Hegel photo
Charles Dickens photo

„Cada fracasso ensina ao homem algo que necessitava aprender.“

—  Charles Dickens, livro Little Dorrit

Every failure teaches a man something, if he will learn
Little Dorrit‎ - Vol. IV Página 284 http://books.google.com.br/books?id=JGUoAAAAYAAJ&pg=PA284, de Charles Dickens, Hablot Knight Browne - Publicado por B. Tauchnitz, 1857

„Houve e ainda há muito que aprender.“

—  Johnny De' Carli

reiki universal, Johnny de' Carli, citações, aprender

Chico Anysio photo
Millôr Fernandes photo

„Só há uma coisa que a vida ensina: a vida nada ensina.“

—  Millôr Fernandes cartunista, humorista e dramaturgo brasileiro. 1923 - 2012

Variante: Só uma coisa a vida ensina: a vida nada ensina.

Aurélio Agostinho photo

„Quem não nos ensina, ainda que nos fale, é como se não nos falasse.“

—  Aurélio Agostinho, livro Confissões

AGOSTINHO, Santo. O Homem e o Tempo. In: Confissões. Trad. J. Oliveira Santos, S.J., e A. Ambrósio de Pina, S.J. São Paulo: Nova Cultural, 2004. p.240.

Tópicos relacionados