„A modéstia é o único resplendor permitido à glória.“

Última atualização 18 de Janeiro de 2019. História

Citações relacionadas

Philip Stanhope Chesterfield photo
Alexandre Dumas, Filho photo
Helen Hayes photo
Fernando Pessoa photo

„Não o prazer, não a glória, não o poder: a liberdade, unicamente a liberdade.“

—  Fernando Pessoa poeta português 1888 - 1935

"Autobiografia sem Factos". (Assírio & Alvim, Lisboa, 2006, p. 62)
Autobiografia sem Factos

Frederico II photo
Antoine de Rivarol photo

„Há algo maior do que o orgulho, e mais nobre do que a vaidade, a modéstia; e algo mais raro que a modéstia é a simplicidade.“

—  Antoine de Rivarol 1753 - 1801

Il y a quelque chose de plus haut que l'orgueil, et de plus noble que la vanité, c'est la modestie ; et quelque chose de plus rare que la modestie, c'est la simplicité.
"Discours préliminaire du Nouveau dictionnaire de la langue française: première partie : de l'homme, de ses facultés intellectuelles et de ses idées premières et fondamentales ; suivi de De l'universalité de la langue française : sujet proposé par l'Académie de Berlin en 1785"‎ - Página 171 http://books.google.com.br/books?id=AyAVAAAAQAAJ&pg=PA171, Antoine de Rivarol - chez Cocheris, 1797 - 240 páginas

Joseph Addison photo
Charles Pinot Duclos photo
Alexander Pope photo
Nicolas Chamfort photo
Mário Quintana photo
Plauto photo
José Saramago photo

„Além da conversa das mulheres, são os sonhos que seguram o mundo na sua órbita. Mas são também os sonhos que lhe fazem um coroa de luas, por isso o céu é o resplendor que há dentro da cabeça dos homens, se não é a cabeça dos homens o próprio e único céu“

—  José Saramago, livro Memorial do Convento

Memorial do Convento
Variante: Além da conversa das mulheres, são os sonhos que seguram o mundo na sua órbita. Mas são também os sonhos que lhe fazem uma coroa de luas, por isso o céu é o resplendor que há dentro da cabeça dos homens, se não é a cabeça dos homens o próprio e único céu.

Philip Stanhope Chesterfield photo

„A modéstia está para a virtude como o véu para a beleza.“

—  Philip Stanhope Chesterfield 1694 - 1773

Variante: A modéstia está para a virtude como o véu está para a beleza.

Jean de La Bruyere photo

„A falsa modéstia é o supremo requinte da vaidade.“

—  Jean de La Bruyere 1645 - 1696

Variante: A falsa modéstia é o último requinte da vaidade.

Tópicos relacionados