„A modéstia é o único resplendor permitido à glória.“

Última atualização 18 de Janeiro de 2019. História

Citações relacionadas

Philip Stanhope Chesterfield photo
Alexandre Dumas, Filho photo
Frederico II photo
Helen Hayes photo
Fernando Pessoa photo

„Não o prazer, não a glória, não o poder: a liberdade, unicamente a liberdade.“

—  Fernando Pessoa poeta português 1888 - 1935

"Autobiografia sem Factos". (Assírio & Alvim, Lisboa, 2006, p. 62)
Autobiografia sem Factos

José Saramago photo

„Além da conversa das mulheres, são os sonhos que seguram o mundo na sua órbita. Mas são também os sonhos que lhe fazem um coroa de luas, por isso o céu é o resplendor que há dentro da cabeça dos homens, se não é a cabeça dos homens o próprio e único céu“

—  José Saramago, livro Memorial do Convento

Memorial do Convento
Variante: Além da conversa das mulheres, são os sonhos que seguram o mundo na sua órbita. Mas são também os sonhos que lhe fazem uma coroa de luas, por isso o céu é o resplendor que há dentro da cabeça dos homens, se não é a cabeça dos homens o próprio e único céu.

Antoine de Rivarol photo

„Há algo maior do que o orgulho, e mais nobre do que a vaidade, a modéstia; e algo mais raro que a modéstia é a simplicidade.“

—  Antoine de Rivarol 1753 - 1801

Il y a quelque chose de plus haut que l'orgueil, et de plus noble que la vanité, c'est la modestie ; et quelque chose de plus rare que la modestie, c'est la simplicité.
"Discours préliminaire du Nouveau dictionnaire de la langue française: première partie : de l'homme, de ses facultés intellectuelles et de ses idées premières et fondamentales ; suivi de De l'universalité de la langue française : sujet proposé par l'Académie de Berlin en 1785"‎ - Página 171 http://books.google.com.br/books?id=AyAVAAAAQAAJ&pg=PA171, Antoine de Rivarol - chez Cocheris, 1797 - 240 páginas

Friedrich Nietzsche photo

„Quando o reconhecimento de um grande número por um único repele qualquer espécie de pudor, é o nascimento da glória.“

—  Friedrich Nietzsche filósofo alemão do século XIX 1844 - 1900

Variante: Quando o reconhecimento de um grande número por um único repele qualquer espécie de pudor, a glória começa a nascer.

Nicolas Chamfort photo
Jean de La Bruyere photo

„A falsa modéstia é o supremo requinte da vaidade.“

—  Jean de La Bruyere 1645 - 1696

Variante: A falsa modéstia é o último requinte da vaidade.

Plauto photo
Alexander Pope photo
Mário Quintana photo
Joseph Addison photo
Bento Gonçalves photo

Tópicos relacionados