„Só existe o amor-próprio e o amor do sangue - entre pais e filhos - como extensão desse mesmo amor. Tudo o resto é um involuntário e insensato desejo!“

Fonte: Diário dos Infiéis

Última atualização 22 de Maio de 2020. História

Citações relacionadas

François de La  Rochefoucauld photo
Martha Medeiros photo
Emily Dickinson photo
Miguel de Unamuno photo

„O amor é filho da ilusão e pai da desilusão.“

—  Miguel de Unamuno 1864 - 1936

el amor hijo del engaño y padre del desengaño
Miguel de Unamuno citado em "La Lectra; revista de ciencias y de artes: Volume 12,Edição 2" - página 187, Francisco López Acebal - Tip. de la viuda é hijos de M. Tello, 1912

Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Pierre Reverdy photo
Paolo Mantegazza photo
Nélson Rodrigues photo

„O amor entre marido e mulher é uma grossa bandalheira. É degradante que um homem deseje a mãe dos seus próprios filhos.“

—  Nélson Rodrigues escritor e dramaturgo brasileiro 1912 - 1980

Variante: O amor entre marido e mulher é uma grossa bandalheira. É abjeto que um homem deseje a mãe de seus próprios filhos.

Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Charles Dickens photo
Jean Racine photo
Torquato Tasso photo
Cesare Pavese photo
Milan Kundera photo
Bernard le Bovier de Fontenelle photo

Tópicos relacionados