„Não gosto dos justos, dos que nunca caíram, que não recuaram. A virtude deles é morta, sem valor. A beleza da vida não foi revelada para eles.“

Doctor Zhivago

Última atualização 22 de Maio de 2020. História

Citações relacionadas

Philip Stanhope Chesterfield photo

„A modéstia está para a virtude como o véu para a beleza.“

—  Philip Stanhope Chesterfield 1694 - 1773

Variante: A modéstia está para a virtude como o véu está para a beleza.

Victor Hugo photo

„A compaixão nem sempre é uma virtude. Quem poupa a vida do lobo, condena a morte as ovelhas.“

—  Victor Hugo poeta, romancista e dramaturgo francês 1802 - 1885

citado em Capital ilusão - Página 159, José Lucas - Ed. Coragem, 1986, 244 páginas
Atribuídas

Victoria Beckham photo

„Nunca li um livro em minha vida. Não tenho tempo. Ou cuido da minha beleza ou…“

—  Victoria Beckham 1974

Fonte: Revista Veja de 21 de Agosto de 2005 e Revista VEJA, Edição 1937 de 28 de dezembro de 2005.

Rabindranath Tagore photo
Virgilio photo

„A beleza torna sempre a virtude mais amável.“

—  Virgilio poeta romano clássico, autor de três grandes obras da literatura latina -70 - -19 a.C.

Tati Bernardi photo
Lucano photo
Fernando Pessoa photo
Vittorio Alfieri photo
Giacomo Leopardi photo
Arnaldo Jabor photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Bill Gates photo
Ugo Foscolo photo
Ludwig Börne photo

„As virtudes e as moças possuem a máxima beleza até saberem que são belas.“

—  Ludwig Börne 1786 - 1837

Variante: As virtudes e as raparigas possuem a máxima beleza até saberem que são belas.

Johann Wolfgang von Goethe photo

„Uma pessoa de valor nunca é ingrata.“

—  Johann Wolfgang von Goethe escritor alemão 1749 - 1832

Ich habe nie gesehen, dass tüchtige Menschen undankbar gewesen wären.
Werke: vollständige Ausgabe letzter Hand‎ - [Werke: vollständige Ausgabe letzter Hand‎ - Página 64 http://books.google.com.br/books?id=QKKFAAAAIAAJ&pg=PA64, Johann Wolfgang Goethe - 1833, Johann Wolfgang Goethe - J. G. Gotta, 1833

„A vida espiritual dos homens, os seus impulsos profundos, o seu estímulo à ação são as coisas mais difíceis de prever, mas é justamente delas que depende a morte ou a salvação da humanidade.“

—  Andrei Dmitriyevich Sakharov

Variante: A vida espiritual dos homens, os seus impulsos profundos, o seu estímulo à acção são as coisas mais difíceis de prever, mas é justamente delas que depende a morte ou a salvação da humanidade.

Tópicos relacionados