„Neste mundo, companheiros, o pecado que paga seu percurso pode viajar livremente, mesmo sem passaporte; enquanto a virtude, como uma pobre, é detida em todas as fronteiras.“

Variante: Neste mundo, o pecado que paga a passagem pode viajar tranquilamente e sem passaporte, enquanto que a virtude em um pobre é detida em todas as fronteiras.
Fonte: Moby Dick

Obtido da Wikiquote. Última atualização 22 de Maio de 2020. História

Citações relacionadas

Earl Wilson photo
Rabindranath Tagore photo

„Religião: a nossa amiga neste mundo e companheira no outro.“

—  Rabindranath Tagore Poeta bengali e filósofo 1861 - 1941

Variante: Religião: amiga neste mundo, companheira no outro.

Victor Hugo photo

„Do inferno dos pobres é feito o percurso dos ricos.“

—  Victor Hugo poeta, romancista e dramaturgo francês 1802 - 1885

Thomas Fuller photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Clarence Darrow photo
Stephen King photo
Joanne Harris photo
Teixeira de Pascoaes photo
Claude Prosper Jolyot De Crébillon photo
Ralph Waldo Emerson photo
Gílio Felício photo
Arthur Conan Doyle photo
Che Guevara photo

„Não há fronteiras nesta luta de morte, nem vamos permanecer indiferentes perante o que aconteça em qualquer parte do mundo. A vitória nossa ou a derrota de qualquer nação do mundo, é a derrota de todos.“

—  Che Guevara guerrilheiro e político, líder da Revolução Cubana 1928 - 1967

No hay fronteras en esta lucha a muerte, no podemos permanecer indiferentes frente a lo que ocurre en cualquier parte del mundo; una victoria de cualquier país sobre el imperialismo es una victoria nuestra, así como la derrota de una Nación cualquiera es una derrota para todos.
Obras, 1957-1967, Volume 2 - página 573, Ernesto Guevara - Casa de las Américas, 1970

Yukio Mishima photo
Oscar Wilde photo
Amyr Klink photo
William Shakespeare photo

„Aquele que morre paga todas suas dívidas.“

—  William Shakespeare dramaturgo e poeta inglês 1564 - 1616

Jean Jacques Rousseau photo

„O mundo da realidade tem seus limites. O mundo da imaginação não tem fronteiras.“

—  Jean Jacques Rousseau, livro Emílio, ou Da Educação

Le monde réel a ses bornes, le monde imaginaire est infini
Emile - Volume 1, Página 152 http://books.google.com.br/books?id=_O4_AAAAcAAJ&pg=PA152, Jean-Jacques Rousseau - Poinçot, 1791
Emile

Tópicos relacionados