Frases de Nicolás Boileau

Nicolás Boileau photo
34   25

Nicolás Boileau

Data de nascimento: 29. Maio 1636
Data de falecimento: 13. Março 1711
Outros nomes: Никола Буало-Депрео

Publicidade

Nicolas Boileau-Despréaux foi um crítico e poeta francês. Publicou seu primeiro volume de sátiras em 1666. Foi apresentado na corte, em 1669, após a publicação de seu Discurso sobre a sátira.

Nicolas Boileau-Despréaux era mais conhecido apenas por Boileau. O nome Despréaux derivava de uma pequena propriedade em Crosne, perto de Villeneuve-Saint-Georges. Era o décimo quinto filho de Gilles Boileau, escrivão no parlamento de Paris. Dois dos seus irmãos foram, de alguma forma, distintos: Gilles Boileau , tradutor de Epicteto; e Jacques Boileau, que se tornou cónego na Sainte-Chapelle, onde foi responsável por algumas contribuições valiosas na história da Igreja. Ficou órfão de mãe com apenas dois anos de idade. De constituição frágil, parece ter sofrido bastante com o fato e terá tido alguma falta de afeto.

Sainte-Beuve ridiculariza o seu aspecto rígido que se deveria, de resto às circunstâncias pouco inspiradoras da época. Pode-se dizer que não ficou desiludido com o mundo porque desde cedo que aprendeu a não ter qualquer ilusão. Cresceu apenas com uma paixão que lhe movia os atos: "o desprezo pelos livros estúpidos". Foi educado no Colégio de Beauvais e continuou os seus estudos de teologia na Sorbonne. Mudou de curso, para direito. A 4 de dezembro de 1656 teve o seu primeiro caso no tribunal. Depois de um breve período na carreira das leis, decidiu abandoná-la com desgosto, queixando-se amargamente do meio judicial. O seu pai morreu em 1657, deixando-lhe uma pequena fortuna, de forma que se pôde dedicar às letras.

== Referências ==

Este artigo incorpora texto da Encyclopædia Britannica , publicação em domínio público.

Citações Nicolás Boileau

Publicidade

„Faça amizades com quem estiver pronto a censurá-lo.“

—  Nicolás Boileau
Faites-vous des amis prompts à vous censurer - "L'Art Poétique - Chant I" in: "Oeuvres de Boileau-Despréaux"‎ - Tome Deuxième Página 186 http://books.google.com.br/books?id=N3YtAAAAMAAJ&pg=PA186, de Nicolas Boileau Despréaux, Pierre Tiffon de Saint-Surin - Publicado por J. J. Blaise, 1821

„O verdadeiro pode por vezes não ser verosímil.“

—  Nicolás Boileau
le vrai peut quelquefois n’être pas vraisemblable "Épitre X" - Página 130 http://books.google.com.br/books?id=qfsZAAAAYAAJ&pg=PA130; e "L'Art Poétique - Chant III" - Página 223 http://books.google.com.br/books?id=qfsZAAAAYAAJ&pg=PA223 in: "Oeuvres de Boileau-Despréaux‎" - Tome Deuxième , de Nicolas Boileau Despréaux - Publicado por J. J. Blaise, 1821

„Nada é belo senão o verdadeiro: só o verdadeiro é amável.“

—  Nicolás Boileau
Rien n'est beau que le vrai : le vrai seul est aimable "Épitre IX - à M. le marquis de Seignelay, secrétaire d'état." in: "Oeuvres de Boileau-Despréaux‎" - Tome Deuxième Página 111 http://books.google.com.br/books?id=qfsZAAAAYAAJ&pg=PA111, de Nicolas Boileau Despréaux - Publicado por J. J. Blaise, 1821

Help us translate English quotes

Discover interesting quotes and translate them.

Start translating

„Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Etiam egestas wisi a erat. Morbi imperdiet, mauris ac auctor dictum.“