„Aqueles que começarem a queimar livros, logo acabarão queimando pessoas.“

Última atualização 18 de Janeiro de 2019. História
Heinrich Heine photo
Heinrich Heine32
1797 - 1856

Citações relacionadas

Heinrich Heine photo

„Onde se queimam livros, acaba-se queimando pessoas.“

—  Heinrich Heine 1797 - 1856

dort wo man Bücher verbrennt, verbrennt man auch am Ende Menschen.
Tragödien: nebst einem lyrischen Intermezzo - Página 148 http://books.google.com.br/books?id=1JM6AAAAcAAJ&pg=PA148, Heinrich Heine - Hoffmann und Campe, 1823, 247 páginas
Variante: Onde se queimam livros, acaba-se queimando pessoas

Cornelia Funke photo
Joseph Brodsky photo

„Há crimes piores do que queimar livros. Um deles é não lê-los.“

—  Joseph Brodsky 1940 - 1996

Fonte: Revista Caras http://www.caras.com.br, Edição 676.

Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Ray Bradbury photo
Ambrose Bierce photo
Salman Rushdie photo
Sigmund Freud photo
William Claude Fields photo

„Sorria assim que acordar. Livre-se logo dessa obrigação.“

—  William Claude Fields 1880 - 1946

Start every day with a smile and get it over with.
citado em "American opinion": Volume 28 - página 19, Robert Welch, Inc., 1985
Atribuídas

Liev Tolstói photo

„Dizer que se vai amar uma pessoa a vida toda é como dizer que uma vela continuará a queimar enquanto vivermos.“

—  Liev Tolstói escritor russo 1828 - 1910

Variante: Dizer que a gente vai amar uma pessoa a vida toda é como dizer que uma vela continuará a queimar enquanto vivermos.

Mário Quintana photo

„Os livros não mudam o mundo. O que muda o mundo são as pessoas. Os livros só mudam as pessoas!“

—  Mário Quintana Escritor brasileiro 1906 - 1994

Atribuído a Mirta Dourado e/ou Caio Graco
Falsas atribuições

Carlos Ruiz Zafón photo
Hugo Chávez photo
Germaine de Staël photo

„Na França, estuda-se as pessoas, na Alemanha os livros.“

—  Germaine de Staël, livro Über Deutschland

In Frankreich studiert man die Menschen, in Deutschland die Bücher.
"Über Deutschland" [Sobre a Alemanha]

Luis Fernando Verissimo photo

„… Mas eu desconfio que a única pessoa livre, realmente livre, é a que não tem medo do ridículo.“

—  Luis Fernando Verissimo Escritor e cronista brasileiro 1936

Variante: Mas eu desconfio que a única pessoa livre, realmente livre, é a que não tem medo do ridículo.

Françoise Sagan photo
Oscar Wilde photo
Marcelo Nova photo

Tópicos relacionados