„As carícias são tão necessárias para a vida dos sentimentos como as folhas para as árvores. Sem elas, o amor morre pela raiz.“

Caresses, expressions of one sort or another, are necessary to the life of the affections, as leaves are to the life of a tree. If they are wholly restrained, love will die at the roots.
Our old home: a series of English sketches‎ - Página 236 http://books.google.com.br/books?id=-kYgAAAAMAAJ&pg=PA236, Nathaniel Hawthorne - Houghton, Mifflin, 1868 - 380 páginas

Citações relacionadas

John Keats photo

„Se a poesia não surgir tão naturalmente como as folhas de uma árvore, é melhor que não surja mesmo.“

—  John Keats 1795 - 1821

That if poetry comes not as naturally as the leaves to a tree, it had better not come at all.
"The complete poetical works and letters of John Keats" - página 289, John Keats, Horace Elisha Scudder - Houghton, Mifflin and company, 1899 - 473 páginas

Malcolm X photo
Nitiren Daishonin photo
Arturo Graf photo

„O ideal, como a árvore, deve ter suas raízes na terra.“

—  Arturo Graf 1848 - 1913

L'ideale deve, come l'albero, aver nella terra le sue radici.
Arturo Graf in: Ecce Homo, como citado in: Los hombres y las cosas: antología de pensamientos - Página 142, Hernán del Solar - Zig-Zag, 1959
Ecce Homo (1918)

Carl Gustav Jung photo
Vergílio Ferreira photo
Henry David Thoreau photo
Victor Hugo photo

„Mude suas opiniões, mantenha seus princípios. Troque suas folhas, mantenha suas raízes.“

—  Victor Hugo poeta, romancista e dramaturgo francês 1802 - 1885

Changez d'opinion, gardez vos principes ; Changez de feuilles, gardez vos racines.
Œuvres complètes: Volume 7, Victor Hugo, Jean Massin, le Club français du livre, 1850
Atribuídas

Florbela Espanca photo
Honoré De Balzac photo
Bob Marley photo

„Um povo sem conhecimento, saliência de seu passado histórico, Origem e cultura. É como uma árvore sem raízes“

—  Bob Marley foi um cantor, guitarrista (raggae) e compositor jamaicano famoso por popularizar o gênero 1945 - 1981

Khalil Gibran photo

„Uma vida sem amor é como árvores sem flores e sem frutos. E um amor sem beleza é como flores sem perfume. Vida, amor, beleza: eis a minha trindade.“

—  Khalil Gibran 1883 - 1931

citado em "O Poder de Transformação: Dinâmicas de Grupo" - página 107, Canísio Mayer, Papirus Editora, ISBN 8530808266, 9788530808266, 160 páginas
Atribuídas

Mahátma Gándhí photo

„Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Etiam egestas wisi a erat. Morbi imperdiet, mauris ac auctor dictum.“