Frases de Vaslav Nijinski

Vaslav Nijinski photo
3   0

Vaslav Nijinski

Data de nascimento: 12. Março 1889
Data de falecimento: 8. Abril 1950

Publicidade

Wacław Niżyński, em polaco, Vatslav Fomitch Nijinski, em russo - no cirílico, Вацлав Фомич Нижинский, - foi um bailarino e coreógrafo russo de origem polaca.

Considerado um dos maiores bailarinos de seu tempo, viveu a dança desde muito cedo, pois era filho de bailarinos poloneses, que se apresentavam em teatros e circos. Dançando nas apresentações de seus pais, atuou desde os quatro anos de idade.

Após seu pai ter abandonado a família, mudou-se com sua mãe para São Petersburgo, na Rússia. Com dez anos de idade, iniciou seus estudos em dança na escola de balé do Teatro Imperial. Aos dezoito anos foi o par da bailarina Anna Pavlova. No ano seguinte, em 1909, viajou para Paris com a companhia de balé de Sergei Diaghilev, na qual obteve reconhecimento internacional.

Citações Vaslav Nijinski

„Desde que eu desisti de carne eu me sinto melhor. Meus pensamentos são mais claros e eu corro em vez de andar. Eu só ando para um descanso. Eu corro muito, porque eu sinto uma força em mim, meus músculos, meus cabelos são mais obedientes. Eu danço mais leve, e eu tenho um grande apetite.“

—  Vaslav Nijinski
Since I gave up meat I feel better. My thoughts are clearer and I run instead of walking. I only walk for a rest. I run a lot because I feeel a force in me; my muscles, my hair, are more obedient. I dance more lightly, and I have a big appetite. The diary of Vaslav Nijinsky - página 77, Waslaw Nijinsky, Romola de Pulszky Nijinsky - Simon and Schuster, 1936 - 187 páginas

„As pessoas gostam dos excêntricos e por isso elas deixam-me sozinho, diendo que sou um palhaço louco.“

—  Vaslav Nijinski
Vaslav Nijinsky : A Leap into Madness by Peter F. Ostwald, Ch. 8 : Playing the Role of a Madman, p. 176

Publicidade

„Eu não como carne porque vi carneiros e porcos sendo mortos. Eu vi e senti a dor desses animais. Eles sentem a aproximação da morte. Eu não pude suportar a cena. Chorei como uma criança. Corri para o topo da colina e mal conseguia respirar…senti-me sufocado…senti a morte do carneiro.“

—  Vaslav Nijinski
I do not like eating meat because I have seen lambs and pigs killed. I saw and felt their pain. They felt the approaching death, I left in order not to see their death. I could not bear it I cried like a child. I ran up a hill and could not breathe, I felt that I was choking. I felt the death of the lamb. The diary of Vaslav Nijinsky - página 73, Waslaw Nijinsky, Romola de Pulszky Nijinsky - Simon and Schuster, 1936 - 187 páginas

„People like eccentrics and they will therefore leave me alone, saying that I am a "mad clown."“

—  Vaslav Nijinsky
As quoted in Vaslav Nijinsky : A Leap into Madness by Peter F. Ostwald, Ch. 8: Playing the Role of a Madman, p. 176 Unsourced variant: I know everyone will say "Nijinsky has gone mad," but I don’t care because I have already played the mad man at home. That is what everyone will think, but they won’t put me in an insane asylum because I dance very well and give money to anyone who asks. People like eccentrics, so they will leave me alone and say I’m a mad clown. I like the mentally ill because I know how to talk to them. When my brother was in an insane asylum, I loved him and he could feel me. His friends liked me. I was eighteen then. I understood the life of a mentally ill person.

Aniversários de hoje
 Stendhal photo
Stendhal103
1783 - 1842
João Ubaldo Ribeiro photo
João Ubaldo Ribeiro20
1941 - 2014
Pierre Bourdieu photo
Pierre Bourdieu11
1930 - 2002
Salvador Dalí photo
Salvador Dalí22
1904 - 1989
Outros 48 aniversários hoje