Frases de Vladimir Putin

Vladimir Putin photo
5   3

Vladimir Putin

Data de nascimento: 7. Outubro 1952
Outros nomes: Vladimir Vladimirovič Putin

Vladimir Vladimirovitch Putin , é o atual presidente da Rússia, além de ex-agente do KGB no departamento exterior e chefe dos serviços secretos soviético e russo, KGB e FSB, respectivamente. Putin exerceu a presidência entre 2000 e 2008, além de ter sido primeiro-ministro em duas oportunidades, a primeira entre 1999 e 2000, e a segunda entre 2008 e 2012.

Putin governa a Rússia desde a renúncia de Boris Iéltsin, em 1999. Seu primeiro governo foi marcado por profundas reformas políticas e econômicas, pelo estadismo, por novas tensões com os Estados Unidos e Europa Ocidental, pela rigidez com os rebeldes chechenos e pelo resgate do nacionalismo russo, atitudes que lembram em parte o regime soviético e o czarismo. Entre os eventos mais notáveis de seu governo, estão o decreto que permite a indicação dos governadores dos distritos russos pelo próprio presidente, a restauração do controle russo sobre a república separatista da Chechênia, os assassinatos não esclarecidos de seus opositores políticos Anna Politkovskaia e Alexander Litvinenko, o fim do colapso econômico russo, a estatização de setores estratégicos que até então estavam nas mãos dos oligarcas russos e as consequentes prisões de muitos deles e vários desacordos diplomáticos com a OTAN, sendo os mais memoráveis deles a discussão quanto ao estabelecimento de mísseis no Leste Europeu, que levou Putin a criticar publicamente a política internacional norte-americana, e o apoio russo aos separatistas na Ucrânia, após este país ter se alinhado à Aliança Atlântica.Por dezesseis anos, Putin foi oficial do KGB, o serviço secreto da União Soviética, chegando à patente de tenente-coronel. Ele se aposentaria das atividades militares para ingressar na política, em sua cidade, São Petersburgo, em 1991. Mudou-se para Moscou em 1996, para que fizesse parte da administração do então presidente Boris Iéltsin, na qual cresceu rapidamente, tornando-se presidente interino em 31 de dezembro de 1999, quando o presidente Iéltsin renunciou ao cargo inesperadamente. Putin venceria a eleição do ano seguinte, tornando-se de fato Presidente da Rússia, sendo reeleito em 2004. Putin foi impedido de concorrer para um terceiro mandato em 2008, já que, na época, a Constituição russa só permitia dois mandatos consecutivos. Assim sendo, seu aliado Dmitri Medvedev seria seu sucessor, o que levaria à escolha de Putin como primeiro-ministro do país, cargo que ele manteve até o final da presidência de Medvedev. Em Setembro de 2011, Putin anunciou que concorreria a um terceiro mandato nas eleições do ano seguinte, gerando diversos protestos nas principais cidades do país. Como esperado, Putin foi reeleito por mais seis anos, em seu terceiro mandato, que tem fim previsto para 2018.Putin tem sido amplamente responsabilizado pelo retorno da estabilidade política e do progresso econômico da Rússia, pondo fim à crise dos anos 1990. Durante a primeira gestão de Putin , o lucro real aumentou em fator 2.5, e os salários mais que triplicaram. O desemprego e a pobreza caíram em mais da metade, e a satisfação de vida da população russa aumentou significantemente. O primeiro governo de Putin foi marcado pelo grande crescimento econômico: a economia russa cresceu diretamente em oito anos, observando um aumento de 72% no PIB. Essas conquistas foram atribuídas pelos analistas à boa gestão macroeconômica, a importantes reformas fiscais, ao aumento do fluxo de capitais, ao acesso às finanças externas de baixo custo e a um aumento de cinco vezes no preço do petróleo e gás, que constituem os principais produtos de exportação da Rússia.Como presidente da Rússia, Putin transformou em lei um aumento de 13% na taxa proporcional da receita, uma taxa reduzida de impostos sobre a receita, e novos códigos legais territoriais. Como primeiro-ministro, Putin foi responsável por reformas militares e policial de larga escala. Sua política energética afirmou a posição da Rússia como superpotência em energia. Putin apoiou indústrias de alta-tecnologia como as nucleares e de defesa. Um aumento no investimento de capital estrangeiro contribuiu pela explosão em certos setores, como na indústria automotiva. O desenvolvimento sob Putin incluiu a construção de oleodutos e gasodutos, a restauração do sistema de navegação por satélite GLONASS e a construção de infraestrutura para eventos internacionais.

Na Rússia, a liderança de Putin goza de considerável popularidade, com altas taxas de aprovação geral. Por outro lado, várias de suas ações têm sido caracterizadas pela oposição como antidemocráticas. Observadores ocidentais e organizações também juntaram vozes para criticar o governo de Putin. A classificação de 2011 do Índice de Democracia apontou que a Rússia está em "um longo processo de regressão graças à mudança de um governo híbrido para um regime autoritário" sob Putin. Os cabos diplomáticos vazados pelo WikiLeaks alegam que a Rússia se tornou um "Estado mafioso virtual", devido à corrupção sistemática no governo de Putin. Alguns críticos o descrevem como ditador, alegações que o próprio Putin nega incondicionalmente. Sob Putin, a Rússia modificou suas relações com os Estados Unidos e Reino Unido, já que adotou uma postura mais independente, caracterizada pela política de não-intervenção, contrária à dos norte-americanos e britânicos. Putin projeta uma imagem pública de aventureiro, homem viril, sempre engajado em atividades perigosas e incomuns. Algumas destas jogadas publicitárias são criticadas ocasionalmente. Assíduo praticante de artes marciais, Putin teve ampla participação no desenvolvimento do esporte russo, sendo o exemplo mais notável a colaboração para fazer da cidade de Sochi a sede dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2014. Wikipedia

Citações Vladimir Putin

„A morte da União Soviética foi a maior catástrofe geopolítica do século.“

—  Vladimir Putin

Demonstrando nostalgia dos tempos do comunismo; como citado in Revista Veja, 04.05.05.

„Máfia não é uma palavra russa.“

—  Vladimir Putin

Vladimir Putin, presidente russo, na Itália, falando aos repórteres sobre o crime organizado em seu país; citado em Revista Veja, Edição 1 653 - 14/6/2000 http://veja.abril.com.br/140600/vejaessa.html

„Faremos o máximo para salvar a tripulação.“

—  Vladimir Putin

Vladimir Putin, presidente russo, um dia antes de a Marinha norueguesa constatar que não havia ninguém vivo no submarino Kursk
Fonte: Revista Veja, Edição 1 664 - 30/8/2000 http://veja.abril.com.br/300800/vejaessa.html

„We in Russia have always considered Russians and Ukrainians to be one people. I still think so.”“

—  Vladimir Putin

Speech at a Moscow concert on the first anniversary of the annexation of the Crimea by the Russian Federation, March 18, 2015.
18 March 2015 speech at a Moscow concert on the first anniversary of the annexation of the Crimea by the Russian Federation
Original: (ru) Мы всегда в России считали, что русские и украинцы – это один народ. Я так думаю и сейчас.

„We will find them anywhere on the planet and punish them. Our Air Force’s military work in Syria must not simply be continued. It must be intensified in such a way that the criminals understand that vengeance is inevitable.“

—  Vladimir Putin

2015-11-17, vowing to retaliate against the Islamic militants responsible for the destruction of a Russian airliner over the Sinai on October 31, 2015. Tribune India, http://www.tribuneindia.com/news/nation/russians-up-strikes-in-french-fury/159736.html (17 November 2015)
2011 - 2015

„The democratic choice Russian people made in the early 90's is final.“

—  Vladimir Putin

Interview in Brazil for space talks, (22 November 2004).
2000 - 2005

„I am not a woman, so I don’t have bad days.“

—  Vladimir Putin

CNBC.com http://www.cnbc.com/2017/06/06/putin-i-am-not-a-woman-so-i-dont-have-bad-days.html (6 June 2017)
2016 - 2018

„Sadly, it reminds me of World War II, when German fascist forces surrounded our cities, like Leningrad, and shelled population centres and their residents.“

—  Vladimir Putin

On the Ukrainian army's siege of pro-Russian rebel strongholds in Donetsk and Luhansk, 29 August 2014, http://www.wsj.com/articles/putin-lashes-out-at-ukraine-over-failure-of-talks-1409312151, The Wall Street Journal
On Ukraine

„This was very unpleasant and surprising for me. We talk to them [the Americans], and we assume they are decent people, but he [John Kerry] is lying and he knows that he is lying. This is sad.“

—  Vladimir Putin

On the recent chemical attack in Syria, 5 September 2013 http://www.usatoday.com/story/theoval/2013/09/05/obama-kerry-putin-syria-russia-g-20/2769683/ USA Today.co.uk
2011 - 2015

„I will recall once more Russia's most recent history.
Above all, we should acknowledge that the collapse of the Soviet Union was a major geopolitical disaster of the century. As for the Russian nation, it became a genuine drama. Tens of millions of our co-citizens and compatriots found themselves outside Russian territory. Moreover, the epidemic of disintegration infected Russia itself.
Individual savings were depreciated, and old ideals destroyed. Many institutions were disbanded or reformed carelessly. Terrorist intervention and the Khasavyurt capitulation that followed damaged the country's integrity. Oligarchic groups — possessing absolute control over information channels — served exclusively their own corporate interests. Mass poverty began to be seen as the norm. And all this was happening against the backdrop of a dramatic economic downturn, unstable finances, and the paralysis of the social sphere.
Many thought or seemed to think at the time that our young democracy was not a continuation of Russian statehood, but its ultimate collapse, the prolonged agony of the Soviet system.
But they were mistaken.
That was precisely the period when the significant developments took place in Russia. Our society was generating not only the energy of self-preservation, but also the will for a new and free life.“

—  Vladimir Putin

Kremlin RU, http://kremlin.ru/eng/speeches/2005/04/25/2031_type70029type82912_87086.shtml (25 April 2005)
2000 - 2005

„Two weeks later they still have not been found. The question is, where is Saddam Hussein? Where are those weapons of mass destruction, if they were ever in existence? Is Saddam Hussein in a bunker sitting on cases containing weapons of mass destruction, preparing to blow the whole place up?“

—  Vladimir Putin

In a Press conference, regarding the weapon of mass destruction of Iraq. (May 1, 2003) https://archive.is/20130705182739/www.dailytimes.com.pk/default.asp?page=story_1-5-2003_pg4_1
2000 - 2005

Autores parecidos

Aleksandr Solzhenitsyn photo
Aleksandr Solzhenitsyn5
romancista, dramaturgo e historiador russo
Nicolau II da Rússia photo
Nicolau II da Rússia14
Último czar do Império Russo
Vladimír Iljič Lenin photo
Vladimír Iljič Lenin18
Ex-líder da União Soviética
Fernando Henrique Cardoso photo
Fernando Henrique Cardoso60
Sociólogo e político brasileiro, ex-presidente do Brasil
Salvador Allende photo
Salvador Allende6
político chileno, 45° Presidente do Chile
Luiz Inácio Lula da Silva photo
Luiz Inácio Lula da Silva154
político brasileiro, 35º presidente do Brasil
Jair Bolsonaro photo
Jair Bolsonaro564
38º Presidente do Brasil
Ronald Reagan photo
Ronald Reagan21
político estadunidense, 40° Presidente dos Estados Unidos
John Fitzgerald Kennedy photo
John Fitzgerald Kennedy60
35º Presidente dos Estados Unidos
Aniversários de hoje
Bertrand Russell photo
Bertrand Russell103
1872 - 1970
Marquês de Maricá photo
Marquês de Maricá625
1773 - 1848
Papa João Paulo II photo
Papa João Paulo II41
Santo da Igreja Católica 1920 - 2005
Michail Bakunin photo
Michail Bakunin25
Teórico político russo 1814 - 1876
Outros 51 aniversários hoje
Autores parecidos
Aleksandr Solzhenitsyn photo
Aleksandr Solzhenitsyn5
romancista, dramaturgo e historiador russo
Nicolau II da Rússia photo
Nicolau II da Rússia14
Último czar do Império Russo
Vladimír Iljič Lenin photo
Vladimír Iljič Lenin18
Ex-líder da União Soviética
Fernando Henrique Cardoso photo
Fernando Henrique Cardoso60
Sociólogo e político brasileiro, ex-presidente do Brasil
Salvador Allende photo
Salvador Allende6
político chileno, 45° Presidente do Chile