Frases de Guido van Rossum

Guido van Rossum foto

1   0

Guido van Rossum

Data de nascimento: 31. Janeiro 1956

Guido van Rossum é um programador de computadores dos Países Baixos que é mais conhecido por ser o autor da linguagem de programação Python.

Recebeu diploma de mestrado da Universidade de Amsterdã em 1982, e mais tarde trabalhou em vários institutos de pesquisa, incluindo o Instituto Nacional de Pesquisa em Matemática e Ciência da Computação Holandês , o Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia , e a Corporação para Iniciativas Nacionais de Pesquisa . Ele trabalhou no desenvolvimento da linguagem de programação ABC, descendente da linguagem Simula.

Sobre a origem do Python, Van Rossum escreveu em 1996:

Em 1999, Van Rossum submeteu uma proposta de financiamento a DARPA chamada de Computer Programming for Everybody , na qual ele definiu seus objetivos para a linguagem Python:

uma linguagem fácil e intuitiva enquanto que ainda sendo tão poderosa quanto as maiores competidoras

Código aberto, para que qualquer um possa contribuir para o desenvolvimento

código que fosse tão inteligível quanto inglês

adequada para tarefas diárias, permitindo um tempo de desenvolvimento mais curto

Muitas dessas ambições foram realizadas desde então. Python cresceu e se tornou uma linguagem de programação popular, particularmente no meio da Internet. Na comunidade do Python, Van Rossum é conhecido como um Benevolent Dictator for Life , o que significa que ele continua a supervisionar o processo de desenvolvimento do Python, tomando as últimas decisões onde necessário.

Em 2002, Van Rossum recebeu o Prêmio por Avanços em Software Livre de 2001 concedido pela FSF na conferência FOSDEM em Bruxelas, Bélgica.

Guido van Rossum é o irmão de Just van Rossum, um conhecido designer de caracteres tipográficos, que fez a fonte que é usada no logo "Python Powered".



„A mais de seis anos atrás, em dezembro de 1989, eu estava procurando por um projeto de programação como "hobby" que me mantivesse ocupado durante a semana próxima ao Natal. Meu escritório... estaria fechado, mas eu tinha um computador em casa, e não muito mais em mãos. Eu decidi escrever um interpretador para a nova linguagem de scripting que eu vinha pensando sobre ultimamente: uma descendente da ABC que agradaria a hackers de Unix/C. Eu escolhi Python como um título provisório para o projeto, sendo que eu estava num humor um pouco irreverente (e sendo também um grande fã do Monty Python's Flying Circus).“

Autores parecidos