Frases de Antônio Delfim Netto

Antônio Delfim Netto foto

17   0

Antônio Delfim Netto

Data de nascimento: 1. Maio 1928

Antônio Delfim Netto GCC mais conhecido por Delfim Netto é um economista, professor universitário e político brasileiro.

Delfim foi membro da Equipe de Planejamento do Governo Paulista de Carlos Alberto de Carvalho Pinto em 1959, Membro do Conselho Consultivo de Planejamento , órgão de assessoria à Política Econômica do Governo Castelo Branco em 1965 e do Conselho Nacional de Economia no mesmo ano. Foi secretário de Fazenda do Governo Paulista de Laudo Natel nos anos de 1966 e 1967, nomeado Ministro da Fazenda nos anos de 1967 a 1974 e Embaixador do Brasil na França entre 1974 e 1978, nomeado Ministro da Agricultura em 1979 e do Planejamento de 1979 a 1985. Deputado Constituinte por São Paulo de 1987 a 1988 e Deputado Federal por São Paulo desde 1988.

Em junho de 2016, foi intimado pela Polícia Federal, pela delegada da Operação Lava Jato, para prestar esclarecimentos aos investigadores sobre por que recebeu, segundo seu sobrinho, R$ 240 mil em dinheiro vivo entregues pelo "departamento de propina" da maior empreiteira do país em 22 de outubro de 2014 no escritório do advogado e sobrinho do ex-ministro Luiz Appolonio Neto, na capital paulista.


„Se FHC fosse presidente, teria aceitado o terceiro mandato e destruído a democracia. A inteligência de Lula foi não aceitá-lo.“

„É incrível o que Keynes pensou. Ele foi muito mais do que um economista. O que ele escreveu é muito mais relevante para a Economia do que tudo que fizeram depois.“


„Se o sujeito está com o rabo no forno e a cabeça na geladeira, não se pode dizer que ele está com uma ótima temperatura média.“

„Ainda bem que ele tem poucos amigos.“

„A única função do marxismo é fazer pensar, mas é pena que os marxistas ainda não descobriram isso.“

„É um cacoete. Os petistas não podem ouvir falar em CPI que vão logo entrando na fila.“

„Malan foi o ácido sulfúrico da reforma tributária.“

„A parte mais sensível do corpo humano é o bolso.“


„Jornalismo de Economia não é uma coisa nem outra.“

„O capital é como água. Sempre flui por onde encontra menos obstáculos.“

„O governo Fernando Henrique não usou Consenso de Washington nenhum. O governo sabia que 30% dos problemas são insolúveis e 70% o tempo resolve.“

„Se insistirmos na "pureza neoliberal", que entrega os homens à antropofagia mercadista, um dia as urnas trarão alguns 'Morales', que já nos espreitam atrás da esquina.“


„Três vezes por ano (por conta de seus munícipes) reúnem-se em Brasília, por dois dias e por duas noites de trabalho estafante, de 2000 a 3000 prefeitos para estimular deputados e senadores a exercer a arte de iludir a Lei de Responsabilidade Fiscal!“

„Fernando Henrique tem um lema: todos no meu palanque e eu no palanque de ninguém.“

„Eu não sou malufista. Sou malufólogo.“

„Se o governo comprar um circo, o anão começa a crescer.“

Autores parecidos