„Todos nós nascemos loucos. Alguns permanecem.“

Última atualização 14 de Abril de 2020. História
Tópicos
algum, louco, todo
Samuel Beckett photo
Samuel Beckett16
1906 - 1989

Citações relacionadas

Carl Gustav Jung photo

„Todos nós nascemos originais e morremos cópias.“

—  Carl Gustav Jung psiquiatra e psicoterapeuta suíço 1875 - 1961

George Ivanovich Gurdjieff photo
Robert Burton (acadêmico) photo
Johnny Depp photo

„Eu penso que todo o mundo está louco.“

—  Johnny Depp ator, músico, produtor de cinema e diretor americano 1963

Paulo Coelho photo
Sam Ewing photo
William Shakespeare photo

„Não tenha medo da grandeza, Alguns nascem grandes, Alguns alcançam a grandeza e Alguns tem a grandeza imposta a eles…“

—  William Shakespeare dramaturgo e poeta inglês 1564 - 1616

Be not afraid of greatness: some men are born great, some achieve greatness, and some have greatness thrust upon them.
Twelfth Night Noite de Reis; Money Hard and Soft: On the International Currency Markets; Brendan Brown - Macmillan Press Limited, 1978
Atribuídas

Martin Luther King Junior photo

„Temos de aprender a viver todos como irmãos ou morreremos todos como loucos.“

—  Martin Luther King Junior líder do movimento dos direitos civis dos negros nos Estados Unidos 1929 - 1968

Rudyard Kipling photo
Marquês de Maricá photo
Tati Bernardi photo
Bob Marley photo

„Quando morrer quero ser cremado, para minhas cinzas fortalecer algumas ervas e as ervas fortalecer alguns loucos como eu.“

—  Bob Marley foi um cantor, guitarrista (raggae) e compositor jamaicano famoso por popularizar o gênero 1945 - 1981

Aristoteles photo
Florbela Espanca photo
Bob Marley photo

„Loucos são os caretas que dão uma de loucos no mundo dos loucos.“

—  Bob Marley foi um cantor, guitarrista (raggae) e compositor jamaicano famoso por popularizar o gênero 1945 - 1981

Paulo Freire photo

„Todos nós sabemos alguma coisa. Todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso, aprendemos sempre.“

—  Paulo Freire filósofo e educador brasileiro 1921 - 1997

"A importância do ato de ler: em três artigos que se completam", São Paulo: Autores Associados: Cortez, 1989, p. 31
Variante: Ninguém ignora tudo. Ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa. Todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre.

„Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Etiam egestas wisi a erat. Morbi imperdiet, mauris ac auctor dictum.“