„A natureza do homem é composta de infinitas aspirações, que a nossa actual condição não pode satisfazer.“

Última atualização 18 de Janeiro de 2019. História
Hippolyte Taine photo
Hippolyte Taine14
crítico e historiador francês, membro da Academia francesa … 1828 - 1893

Citações relacionadas

Oscar Wilde photo

„Somente um homem verdadeiro pode satisfazer plenamente outro homem.“

—  Oscar Wilde Escritor, poeta e dramaturgo britânico de origem irlandesa 1854 - 1900

Henry David Thoreau photo
José Luís Peixoto photo
Aristoteles photo

„A Natureza voa do infinito, porque o infinito não tem fim e é imperfeito, e a Natureza sempre procura se corrigir.“

—  Aristoteles filósofo grego -384 - -321 a.C.

Livro I, 715.b15
Das partes dos animais, Da geração dos animais

Nicolas Chamfort photo
Nicolau Maquiavel photo
Blaise Pascal photo

„O que é o homem na natureza? Um nada em relação ao infinito, um tudo em relação ao nada, um ponto a meio entre nada e tudo.“

—  Blaise Pascal 1623 - 1662

Variante: O que é o homem na natureza? Um nada em comparação com o infinito, um tudo em face do nada, um intermediário entre o nada e o tudo.

Liev Tolstói photo
Publius Cornelius Tacitus photo
Diana, Princesa de Gales photo
Nelson Mandela photo

„A derrubada da opressão foi sancionada pela humanidade, e é a maior aspiração de cada homem livre.“

—  Nelson Mandela político e ativista sul-africano, Ex-presidente da África do Sul 1918 - 2013

To overthrow oppression has been sanctioned by humanity and is the highest aspiration of every free man.
No Easy Walk to Freedom: Articles, Speeches, and Trial Addresses of Nelson Mandela‎ - Página 30, de Nelson Mandela, Ruth First - Publicado por Heinemann, 1989, ISBN 0435907824, 9780435907822 - 189 páginas

Thomas Hobbes photo
Emily Dickinson photo

„Para sempre é composto de agoras.“

—  Emily Dickinson Poetista americana 1830 - 1886

„Um homem não pode ser mais homem do que os outros, porque a liberdade é igualmente infinita em todos.“

—  Sartre

Variante: Um homem não pode ser mais homem do que os outros, porque a liberdade é semelhantemente infinita em cada um.

Carlos Heitor Cony photo

Tópicos relacionados