„Transforme as pedras que você tropeça nas pedras de sua escada.“

—  Sócrates

Última atualização 22 de Julho de 2021. História
Sócrates photo
Sócrates139
-470 - -399 a.C.

Citações relacionadas

Victor Hugo photo
Wilhelm Busch photo

„Quem embala pedras e ovos, deve por as pedras por baixo.“

—  Wilhelm Busch 1832 - 1908

Wer Steine und Eier verpackt, soll die Steine nach unten legen.
Der schmetterling - página 55, Wilhelm Busch - F. Bassermann, 1907 - 95 páginas

Italo Calvino photo
Eleanor Roosevelt photo
Francisco de Assis photo

„Aprendamos com as pedras…“

—  Francisco de Assis santo católico fundador da Ordem Franciscana 1182 - 1226

Humberto Gessinger photo

„Se fosse fácil achar o caminho das pedras, tantas pedras no caminho não seria ruim“

—  Humberto Gessinger 1963

na música Outras Frequências http://letras.terra.com.br/engenheiros-do-hawaii/45706/

Adélia Prado photo

„De vez em quando Deus me tira a poesia. Olho pedra, vejo pedra mesmo.“

—  Adélia Prado Poetisa e escritora brasileira 1935

Variante: Deus de vez em quando me tira a poesia. Olho para uma pedra e vejo uma pedra

Italo Calvino photo
John Heywood photo
Neil Armstrong photo

„Os geologistas tem um ditado: As pedras se lembram.“

—  Neil Armstrong astronauta americano; primeira pessoa a pisar na Lua 1930 - 2012

Lucrecio photo

„Ao pingar, a gota escava a pedra.“

—  Lucrecio filósofo romano -94 - -55 a.C.

Albert Einstein photo

„Não sei, mas a quarta será lutada com pedras.“

—  Albert Einstein 1879 - 1955

Quando o perguntaram que tipo de armas seriam usadas na terceira guerra mundial

Mário Quintana photo

„O poema é uma pedra no abismo.“

—  Mário Quintana Escritor brasileiro 1906 - 1994

Henry Wadsworth Longfellow photo

„O hoje e o ontem são as pedras com que construímos.“

—  Henry Wadsworth Longfellow, The Builders

Our to-days and yesterdays Are the blocks with which we build
"The Builders" in: "The Poetical Works of Henry Wadsworth Longfellow‎" - Página 162 http://books.google.com/books?id=RN8NAAAAQAAJ&pg=PA162, de Henry Wadsworth Longfellow, Sir John Gilbert - Publicado por G. Routledge, 1867 - 624 páginas

Tópicos relacionados