„A boa consciência serve de boa almofada.“

—  John Ray

Última atualização 30 de Setembro de 2020. História
John Ray photo
John Ray3
1627 - 1705

Citações relacionadas

Friedrich Nietzsche photo

„Rir é ser malicioso com boa consciência.“

—  Friedrich Nietzsche filósofo alemão do século XIX 1844 - 1900

Cícero photo
Bertolt Brecht photo

„De nada serve partir das coisas boas de sempre mas sim das novas e ruins.“

—  Bertolt Brecht 1898 - 1956

citado em "Os moedeiros falsos‎", José Luís Fiori - Editora Vozes, 1997, 3. ed., ISBN 8532618847, 9788532618849 - 239 páginas
Atribuídas

Pierre Reverdy photo

„Vive-se com muito más acções na consciência e algumas boas intenções no coração.“

—  Pierre Reverdy 1889 - 1960

Variante: Vive-se com muito más ações na consciência e algumas boas intenções no coração.

Friedrich Nietzsche photo
Paulo Henrique Amorim photo

„Boa noite e boa sorte…“

—  Paulo Henrique Amorim Apresentador de TV, jornalista, blogueiro e empresário brasileiro 1942 - 2019

no fim do programa
Frases ditas no programa de televisão Tudo a Ver

Eça de Queiroz photo

„Emitindo coisas boas, a gente recebe coisas boas.“

—  Cecília Dassi 1989

Quando novamente questionada sobre sua filosofia de vida.
Fonte: Jornal Diário OnLine http://www.diarioon.com.br/arquivo/4846/cadernos/tv-21401.htm (15 de Julho de 2007)

André Gide photo
Lee Iacocca photo
Edmund Burke photo

„A tolerância ou é boa para todos, ou não é boa para ninguém.“

—  Edmund Burke 1729 - 1797

Toleration is good for all, or it is good for none.
" The Works of the Right Honourable Edmund Burke http://books.google.com.br/books?id=E8MVAAAAYAAJ&pg=PA325&dq=Toleration+is+good+for+all,+or+it+is+good+for+none."; Por Edmund Burke; Publicado por Wells and Lilly, 1826, página 325

Vincent Van Gogh photo
Thomas Carlyle photo
Al Capone photo

„Podes obter muito mais com boas palavras e um revólver do que com boas palavras somente.“

—  Al Capone 1899 - 1947

Chalita, Mansour. ("Os mais belos pensamentos de todos os tempos" - 4 Edição. Rio de Janeiro: Assoc. Cultural Internac. Gibran. pág. 74).

Linus Pauling photo

Tópicos relacionados