„Nasci com a alma poética á flor da pele,
sou germinar de inspiração
num rio perenemente em cheia
que se deságua versos
entre as margens impiedosas.
Há quem pense e fale …
da impetuosidade desse meu escrever
e me descrever…
Mas ninguém pode ousar sentir
o violento ímpeto das ribas,
que desde sempre sem brandura,
nao resignam-se de cingir-me.“

Editado por Miriam Da Costa. Última atualização 22 de Abril de 2020. História

Citações relacionadas

Bertolt Brecht photo
Bertolt Brecht photo
Fernando Pessoa photo
Camilo Castelo Branco photo
Walter Scott photo

„A língua é como um rio: sem margens, desaparece.“

—  João Carreira Bom 1945 - 2002

citação da abertura no site ciberduvidas.pt http://www.ciberduvidas.pt/aberturas.php?id=169, onde era consultor

„Se me chamarem de idealista; concordo inteiramente. Sei que fiz uma poesia desse processo todo, fiz uma imensa poética. Que fiz, fiz dos primeiros aos últimos versos.“

—  João Batista Vilanova Artigas arquiteto brasileiro 1915 - 1985

Vilanova Artigas citado em "Arquitetura moderna brasileira: depoimento de uma geração‎" - Página 190, de Alberto Xavier, Abelardo de Souza - Publicado por Associação Brasileira de Ensino de Arquitetura, 1987 - 389 páginas

Mário de Andrade photo

„A inspiração é fugaz, violenta. Qualquer impecilho a pertuba e mesmo emudece.“

—  Mário de Andrade 1893 - 1945

"Paulicea desvairada" - Página 15, de Mário de Andrade - Publicado por Casa Mayença, 1922 - 143 páginas

Gylmar dos Santos Neves photo
Matsuo Bashō photo

Tópicos relacionados