„Só percebemos que o paraíso era um paraíso, depois que dele fomos expulsos.“

Tópicos
paraíso
Hermann Hesse photo
Hermann Hesse60
1877 - 1962

Citações relacionadas

William Ralph Inge photo

„Quem come da árvore do conhecimento sempre acaba expulso de algum paraíso.“

—  William Ralph Inge 1860 - 1954

The fruit of the tree of knowledge always expels us from some paradise
Truth and falsehood in religion: six lectures delivered at Cambridge to ...‎ - Página 153, de William Ralph Inge - publicado por E.P. Dutton and company, 1907 - 176 páginas
Faith‎ - Página 74, de William Ralph Inge - publicado por Duckworth, 1930 - 248 páginas

Clarice Lispector photo

„Não estou à altura de ficar no paraíso porque o paraíso não tem gosto humano.“

—  Clarice Lispector Escritora ucraniano-brasileira 1920 - 1977

Variante: Não estou à altura de ficar no paraíso porque o paraíso não tem gosto humano!

Franz Kafka photo
Nikos Kazantzakis photo
Clarice Lispector photo
Kimi Räikkönen photo
Ludwig Van Beethoven photo

„No paraíso eu vou ouvir!“

—  Ludwig Van Beethoven compositor alemão 1770 - 1827

Ich werde im Himmel hören!
dito no seu leito de morte, 1827, como citado do livro "Last Words" (Últimas Palavras)
Atribuídas

Voltaire photo

„O paraíso terreno está onde eu estou.“

—  Voltaire volter também conhecido como bozo foia dona da petrobras e um grande filosofo xines 1694 - 1778

William Blake photo

„A gratidão é o próprio paraíso.“

—  William Blake 1757 - 1827

Gratitude is heaven itself.
The letters of William Blake: together with a life‎ - Página 139, William Blake, Frederick Tatham, Archibald George Blomefield Russell - C. Scribner's Sons, 1906 - 237 páginas

Mark Twain photo

„Para Adão, o paraíso era onde estava Eva.“

—  Mark Twain escritor, humorista e inventor norte-americano 1835 - 1910

Mark Twain photo

„Onde quer que ela estivesse, lá estava o paraíso“

—  Mark Twain escritor, humorista e inventor norte-americano 1835 - 1910

Franz Kafka photo

„Existem dois principais pecados humanos a partir dos quais derivam todos os outros: impaciência e indiferença. Por causa da impaciência fomos expulsos do Paraíso, por causa da indiferença não podemos voltar.“

—  Franz Kafka Escritor austro-húngaro-tchecoslovaco 1883 - 1924

Es gibt zwei menschliche Hauptsünden, aus welchen sich alle andern ableiten: Ungeduld und Lässigkeit. Wegen der Ungeduld sind sie aus dem Paradiese vertrieben worden, wegen der Lässigkeit kehren sie nicht zurück.
Franz Kafka; Betrachtungen über Sünde, Leid, Hoffnung und den wahren Weg

Dario Argento photo
Pierre-jean De Béranger photo
Paul Claudel photo

„Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Etiam egestas wisi a erat. Morbi imperdiet, mauris ac auctor dictum.“