„Quando erra o alvo, vai buscar o erro dentro de si mesmo. Se você não acerta na mosca, isso não é culpa do alvo. Para melhorar a sua mira, melhore a si mesmo.“

Última atualização 8 de Julho de 2019. História

Citações relacionadas

Zhao Buzhi photo

„O bom arqueiro acerta o alvo antes mesmo de ter disparado.“

—  Zhao Buzhi 1053 - 1110

Fonte: Citações, Revista Caras, 3 de Janeiro do 2007 http://caras.uol.com.br/noticia/104531-cita%C3%A7%C3%B5es,

Ralph Waldo Emerson photo
Millôr Fernandes photo

„É melhor ser pessimista do que otimista. O pessimista fica feliz quando acerta e quando erra.“

—  Millôr Fernandes cartunista, humorista e dramaturgo brasileiro. 1923 - 2012

Variante: É melhor ser pessimista do que optimista. O pessimista fica feliz quando acerta e quando erra.

Felipe Neto photo
Francisco de Quevedo photo

„Talento é quando um atirador atinge um alvo que os outros não conseguem. Gênio é quando um atirador atinge um alvo que os outros não veem.“

—  Schopenhauer

Variante: Talento é quando um atirador atinge o alvo que os outros não conseguem. Gênio é quando um atirador atinge o alvo que os outros não veem.

Vinícius de Moraes photo

„Quem de dentro de si não sai, vai morrer sem amar ninguém…“

—  Vinícius de Moraes cantor, poeta, compositor e diplomata brasileiro 1913 - 1980

Carlos Bernardo Gonzalez Pecotche photo
Humberto Gessinger photo

„Qualquer coisa que se mova é um alvo, e ninguém está a salvo“

—  Humberto Gessinger 1963

na música O Papa É Pop http://letras.terra.com.br/fator-suburbano/1479896/

Clarice Lispector photo
Domenico De Masi photo

„O burocrata acerta nove vezes em dez. O criativo erra nove vezes e acerta uma. Entretanto, uma vez que acerta, abre caminhos para a humanidade.“

—  Domenico De Masi Sociologista italiano 1938

no programa Roda Vida, exibido em 04/01/1999, citado na obra "O melhor do Roda Viva: o mais antigo e respeitado programa de entrevistas da TV : Internacional", página 129 http://books.google.com.br/books?id=-pf5-GsWjB0C&pg=PA129; Por Paulo Markun, Fidel Castro, Paulo Markun, Fidel Castro; Publicado por Conex, 2005; ISBN 8575940562, 9788575940563; 286 páginas

Tópicos relacionados