„O matrimónio é algo no qual é necessário trabalhar permanentemente e nunca está pronto.“

Última atualização 18 de Janeiro de 2019. História
André Maurois photo
André Maurois38
1885 - 1967

Citações relacionadas

„Nunca pensei em me aposentar. Trabalhar é uma coisa tão boa, tão necessária.“

—  Paulo Goulart ator brasileiro 1933 - 2014

Fonte: ofuxico http://www.ofuxico.com.br/noticias-sobre-famosos/recuperando-se-do-cancer-paulo-goulart-diz-que-nao-vai-se-aposentar/2013/03/19-166489.html

Aristoteles photo
Charles Perrault photo
Groucho Marx photo

„O matrimônio é a principal causa do divórcio.“

—  Groucho Marx 1890 - 1977

Marriage is the chief cause of divorce.
citado em "Son of Groucho" - página 257, Arthur Marx - D. McKay Co., 1972, ISBN 0720601436, 9780720601435 - 357 páginas
Atribuídas

Mencio photo
Aécio Neves photo

„A presença sólida e permanente do Estado é exatamente a condição necessária para a institucionalização de parcerias com a sociedade civil no setor público.“

—  Aécio Neves político brasileiro 1960

Fonte Aécio Neves, em artigo publicado no jornal Folha de S. Paulo, no caderno de “Opinião”, com o título: “Segurança, um novo paradigma”, em 28/06/2009.

Friedrich Nietzsche photo
Émile-Auguste Chartier photo
Robert Louis Stevenson photo
Oscar Wilde photo

„O matrimónio é uma experiência, e cada experiência tem o seu preço.“

—  Oscar Wilde Escritor, poeta e dramaturgo britânico de origem irlandesa 1854 - 1900

Paulo Coelho photo
George Bernard Shaw photo

„O matrimônio não é a loteria. Na loteria algumas vezes ganha-se.“

—  George Bernard Shaw 1856 - 1950

Variante: O matrimónio não é a loteria. Na loteria algumas vezes ganha-se.

Honoré De Balzac photo
Friedrich Nietzsche photo
Friedrich Nietzsche photo
Tim Burton photo
Mahátma Gándhí photo
William Shakespeare photo
Larry Page photo

„Inventar algo não significa, necessariamente, ajudar alguém.“

—  Larry Page Cientista da computação e empresário de internet americano 1973

Marechal Rondon photo

„Morrer se necessário for! Matar nunca!“

—  Marechal Rondon

Lema do Marechal Rondon; citado em "Rondon conta sua vida"; Por Cândido Mariano da Silva Rondon, Esther de Viveiros; Publicado por Livraria São José, 1958; Original da Universidade do Texas; Digitalizado em 11 jun. 2008; 638 páginas http://books.google.com.br/books?id=SAxnAAAAMAAJ&q=Morrer+se+necess%C3%A1rio+for!+Matar+nunca!&dq=Morrer+se+necess%C3%A1rio+for!+Matar+nunca!&pgis=1, página 226