„Primeiro as pessoas fazem seus costumes, depois seus costumes as fazem.“

reiki universal, Johnny de' Carli, citações, costumes

Editado por Johnny De' Carli. Última atualização 22 de Maio de 2020. História

Citações relacionadas

Anatole France photo
Anatole France photo
John Dryden photo

„Primeiro fazemos nossos hábitos, depois nossos hábitos nos fazem.“

—  John Dryden 1631 - 1700

citado em "Citações da Cultura Universal"‎ - Página 243, de Alberto J. G. Villamarín, Editora AGE Ltda, 2002, ISBN 8574970891, 9788574970899

Mitch Albom photo
Charles Bukowski photo
Jean Cocteau photo
Margaret Mead photo
Katharine Hepburn photo
Jean De La Fontaine photo
Ricardo Araújo Pereira photo

„As pessoas reais fazem muito chiqueiro.“

—  Ricardo Araújo Pereira 1974

" Lacunas da Rádio Comercial ", Mixórdia de Temáticas 20-02-2012

Ricky Martin photo
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Harper Lee photo
Anatole France photo

„O que os homens chamam de civilização é o estado atual dos seus costumes e o que chamam de barbárie são os estados anteriores. Os costumes presentes serão chamados bárbaros quando forem costumes passados.“

—  Anatole France 1844 - 1924

Variante: O que os homens chamam de civilização é o estado actual dos seus costumes e o que chamam de barbárie são os estados anteriores. Os costumes presentes serão chamados bárbaros quando forem costumes passados.

Edmund Burke photo

„O costume a tudo nos habitua.“

—  Edmund Burke 1729 - 1797

Custom reconciles us to every thing.
"On the Sublime and the Beautiful", Section XVIII, The effects of blackness moderated, in: "The Works of the Right Honourable Edmund Burke: With a Portrait, and Life of the Author" - Volume I Página 290 http://books.google.com.br/books?id=MKAQAAAAYAAJ&pg=PA290, de Edmund Burke - Publicado por T. M'Lean, Haymarket, 1823
Variante: O costume reconcilia-nos com tudo.

Lucio Anneo Seneca photo
Germaine de Staël photo
Monteiro Lobato photo

„Tudo vem dos sonhos. Primeiro sonhamos, depois fazemos.“

—  Monteiro Lobato escritor brasileiro 1882 - 1948

"América: os Estados Unidos de 1929" – p 111, de José Bento Monteiro Lobato – Brasiliense, 1948 – 311 pp

Honoré De Balzac photo

„Os costumes são a hipocrisia das nações.“

—  Honoré De Balzac Escritor francês 1799 - 1850

Les mœurs sont l'hypocrisie des nations
Physiologie du mariage ou Méditations de philosophie éclectique sur le bonheur et le malheur conjugal: Nouv. éd.‎ - Página 39 http://books.google.com/books?id=PpcGAAAAQAAJ&pg=PA39, de Honoré de Balzac - Publicado por Charpentier, 1838 - 408 páginas

Tópicos relacionados