Frases de Russell T Davies

Russell T Davies photo
0   0

Russell T Davies

Data de nascimento: 27. Abril 1963
Outros nomes:راسيل ديفيز, ראסל טי דייוויס

Publicidade

Stephen Russell Davies, OBE , mais conhecido como seu pseudônimo de escritor Russell T Davies, é um roteirista e produtor de televisão galês cujos trabalhos incluem Queer as Folk, Bob & Rose, The Second Coming, Casanova, e a renovação de 2005 da clássica série britânica de ficção científica Doctor Who. Nascido em Swansea, Davies queria ser um ilustrador de quadrinhos quando adulto, até que um orientador vocacional em sua escola sugeriu que ele estudasse literatura inglesa; ele consequentemente focou sua carreira na escrita de peças de teatro e roteiros de televisão. Depois de se formar na Universidade de Oxford, Davies se juntou ao departamento infantil da BBC em meio expediente no ano de 1985, trabalhando em vários cargos, incluindo como roteirista e produtor em duas séries, Dark Season e Century Falls. Ele saiu da BBC no início da década de 1990 para trabalhar na Granada Television, mais tarde se tornando um roteirista autônomo.

Davies passou a escrever para séries de televisão adultas em 1994. Seus primeiros roteiros geralmente exploravam os conceitos de religião e sexualidade dentro de vários cenários: Revelations era uma novela sobre religião que possui uma vigária lésbica; Springhill uma novela sobre uma família católica em Liverpool; The Grand explorava as opiniões da sociedade sobre assuntos como prostituição, aborto, e homossexualidade durante o período entreguerras; e Queer as Folk, sua primeira série de destaque, que recriava suas experiências no círculo gay de Manchester. Suas séries seguintes incluiam Bob & Rose, que mostrava um homem gay que se apaixonava por uma mulher, The Second Coming, que se focava na segunda vinda e no deicídio de Jesus Cristo, Mine All Mine, uma comédia sobre uma família que descobria que era dona de toda a cidade de Swansea, e Casanova, uma adaptação do livro de memórias Histoire de Ma Vie.

Sua realização mais notável foi a renovação e produção da série de ficção científica Doctor Who após um hiato de dezesseis anos, com Christopher Eccleston, e mais tarde David Tennant, no papel principal do Doutor. O período em que Davies atuou como produtor executivo do programa viu um grande aumento na popularidade que levou à produção de duas séries spin-off, Torchwood e The Sarah Jane Adventures, e o renascimento dos dramas do horário nobre de sábado como fontes de lucro para as companhias produtoras. Davies recebeu a Ordem do Império Britânico em 2008 por seus serviços as artes cênicas, que coincidiu com o anúncio de que ele iria deixar de ser o produtor executivo da série com seu último roteiro, The End of Time. Davies se mudou para Los Angeles, Califórnia, em 2009, onde supervisionou a produção de Torchwood: Miracle Day e a quinta e última temporada de The Sarah Jane Adventures.

Ele retornou para o Reino Unido no final de 2011 depois que seu parceiro, Andrew Smith, desenvolveu câncer, e trabalhou na série infantil de ficção científica Wizards vs Aliens até seu cancelamento em 2014. Em 2015, retornou à televisão adulta com três trabalhos simultâneos e relacionados entre si, as séries Cucumber, Banana e Tofu. Cucumber, exibida no Channel 4, descreve a vida de um homem gay de idade mediana no ambiente de Manchester, enquanto que Banana relata histórias de diversos personagens gays no mesmo universo de ficção que a anterior, sendo transmitida no E4, o canal pago irmão do Channel 4. Tofu é um documentário de publicação exclusiva na internet que discute situações sexuais levantadas nas duas supracitadas, contendo entrevistas realizadas com elenco e moradores de rua, sendo emitida através do 4oD, serviço online do canal.

Autores parecidos

Citações Russell T Davies

„This song is ending. But the story never ends.“

—  Russell T. Davies
Context: We will sing to you, Doctor. The universe will sing you to your sleep. This song is ending. But the story never ends. Ood Sigma, to the Tenth incarnation of the Doctor, in The End of Time [4.18] (1 January 2010) <!-- written with Steven Moffat though only the final scene, and not this one. -->

Publicidade
Publicidade
Publicidade

„Gone with the Wind, Four Weddings and a Funeral, Notting Hill, they all should have had the hero cut down by a Dalek, and they would've been vastly improved really.“

—  Russell T. Davies
Doctor Who Confidential Series 4, Episode 12, "Friends and Foe" http://www.bbc.co.uk/doctorwho/s4/confidential/S4_12 (Doctor Who documentary series, 2005)

„There's nothing better than a party that turns into a death trap.“

—  Russell T. Davies
Doctor Who Confidential Series 2, Episode 5, "Cybermen" http://www.bbc.co.uk/doctorwho/confidential/index5.shtml (Doctor Who documentary series, 2005)

„Because it's the best idea ever invented in the history of the world!“

—  Russell T. Davies
Russell T. Davies, responding to the question, "Why do you think people love Doctor Who so much?" on BBC Wales Today (20 July 2004)

Help us translate English quotes

Discover interesting quotes and translate them.

Translate quotes
Próximo
Aniversários de hoje
Nelson Mandela photo
Nelson Mandela47
1918 - 2013
Jane Austen photo
Jane Austen48
1775 - 1817
João Ubaldo Ribeiro photo
João Ubaldo Ribeiro20
1941 - 2014
Outros 58 aniversários hoje