Frases de Natalie Clifford Barney

Natalie Clifford Barney foto

9   0

Natalie Clifford Barney

Data de nascimento: 31. Outubro 1876
Data de falecimento: 2. Fevereiro 1972

Natalie Clifford Barney foi uma dramaturga, poetisa e romancista estadunidense que viveu em Paris.

O salão literário de Barney, realizado em sua residência na margem esquerda de Paris por mais de sessenta anos, reuniu escritores e artistas de todo o mundo, incluindo figuras de destaque na literatura francesa, assim como modernistas estadunidenses e britânicos da geração perdida. Ela trabalhou para promover as escritoras, criando uma Academia Feminina, em resposta à predominância de figuras masculinas na Academia Francesa. Além disso, Barney ofereceu apoio e inspiração para autores masculinos como Remy de Gourmont e Truman Capote.

Barney era abertamente lésbica e começou a publicar poemas de amor endereçados a outras mulheres em 1900, já que considerava o escândalo a "melhor maneira de se livrar do incômodo" . Em seus escritos, ela apoiava o feminismo e o pacifismo, se opondo à monogamia. Barney teve muitos relacionamentos simultâneos, incluindo romances com a poetisa Renée Vivien e com a dançarina Armen Ohanian, além de um relacionamento de 50 anos com a pintora Romaine Brooks. Sua vida serviu de inspiração para muitos romances, como o best-seller francês Idylle Saphique, de Liane de Pougy, e The Well of Loneliness, de Radclyffe Hall, sem dúvida o romance lésbico mais famoso do século XX.


„A atracção do vazio explica a sedução das mulheres.“

„A glória: ser-se conhecido por aqueles que não se queriam conhecer.“


„Somos limitados por tudo o que não sentimos.“

„Ama-se com amor aqueles que não se podem amar de outro modo.“

„Nada é mais difícil do que partilhar um amor.“

„A vida mais bela é aquela que se passa a criarmo-nos a nós próprios, não a procriar.“

„As aparências devem estar em perigo porque é sempre preciso salvá-las.“

„Não posso dar-me a quem me não sabe prender.“


„Ser o nosso próprio mestre é ser escravo de nós mesmos.“

„When you're in love you never really know whether your elation comes from the qualities of the one you love, or if it attributes them to her; whether the light which surrounds her like a halo comes from you, from her, or from the meeting of your sparks.“

„My queerness is not a vice, is not deliberate, and harms no one.“

„At first, when an idea, a poem, or the desire to write takes hold of you, work is a pleasure, a delight, and your enthusiasm knows no bounds. But later on you work with difficulty, doggedly, desperately. For once you have committed yourself to a particular work, inspiration changes its form and becomes an obsession, like a love-affair… which haunts you night and day! Once at grips with a work, we must master it completely before we can recover our idleness.“


„It's necessary to use suffering. Otherwise, one is used by it.“

„Most virtue is a demand for greater seduction.“

„Time engraves our faces with all the tears we have not shed.“

„Youth is not a question of years: one is young or old from birth.“

Autores parecidos