Frases de Jules Amédée Barbey d'Aurevilly

Jules Amédée Barbey d'Aurevilly foto

7   0

Jules Amédée Barbey d'Aurevilly

Data de nascimento: 2. Novembro 1808
Data de falecimento: 23. Abril 1889
Outros nomes: Jules Amde Barbey d'Aurevilly

Jules Amédée Barbey d'Aurevilly foi um romancista francês.


„Não é tão grande a desgraça de não ter talento quando se sente o talento dos outros.“

„Os jornais, que deveriam ser os educadores do público, nada mais são que cortesãos dele, quando não suas cortesãs.“


„Explica-se sobretudo o que não se entende.“

„O ideal económico dos burgueses é aumentar indefinidamente o número dos consumidores.“

„As paixões tendem sempre a diminuir, enquanto o tédio tende sempre a crescer.“

„O prazer é a felicidade dos loucos. A felicidade é o prazer dos sábios.“

„As paixões fazem menos mal que o tédio, pois elas tendem a diminuir e ele a aumentar.“

Autores parecidos